🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2020-02-14T12:38:01-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
Vem dinheiro aí

Grendene, dona da Rider, paga R$ 130 milhões em JCP e dividendos

Poderão receber o pagamento os acionistas que detenham ações ordinárias da empresa, inscritos nos registros da companhia em 22 de abril

14 de fevereiro de 2020
12:07 - atualizado às 12:38
Rider, Grendene
Imagem: Divulgação/Instagram Rider

Dona das marcas Ipanema e Rider, a Grendene aprovou o pagamento de dividendos e juros sobre capital próprio (JCP) aos acionistas no valor de R$ 129,7 milhões, relativos ao exercício financeiro de 2019, segundo comunicado da empresa. O montante começa a ser pago a partir de 6 de maio.

As ações da Grendene (GRND3) eram negociadas a R$ 10,80, numa queda de 1%. Nos últimos 12 meses, os papéis da empresa acumulam alta de 26%. Acompanhe nossa cobertura de mercados.



Segundo a companhia, serão distribuídos R$ 110 milhões na forma de JCP - o que corresponde ao valor bruto de R$ 0,1220 por ação. Os R$ 19,7 milhões restantes serão pagos em forma de dividendo complementar.

A cifra do dividendo corresponde a R$ 0,0219 por ação, sem remuneração, atualização monetária nem retenção de Imposto de Renda. Para ambos os casos, são excluídas ações em tesouraria.

Podem receber o pagamento os acionistas que detenham ações ordinárias (GRND3) inscritos nos registros da companhia em 22 de abril.

O valor por ação, do JCP e do dividendo complementar, está sujeito a alteração em razão do saldo de ações em tesouraria na data do corte, ainda segundo a Grendene.


Entenda o que são dividendos e JCP

Dividendos e JCP são formas de distribuição de lucros das empresas. Os dividendos constituem a porção do lucro das empresas que é distribuída periodicamente aos acionistas, que os sócios só recebem se a empresa der lucro.

Dividendos correspondem a uma parcela do lucro líquido, que nada mais é do que o resultado positivo da empresa após descontados o Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), gerando uma despesa tributária para a empresa, mas isentos de imposto de renda para o acionista.

Enquanto isso, os JCP, em vez de terem um benefício tributário para os acionistas, como ocorre com os dividendos, beneficiam a empresa.

É que o provento é considerado uma despesa financeira e contribui para reduzir a base tributária da companhia, que paga menos imposto. Assim, o JCP não é isento de IR para os acionistas, sendo tributado na fonte a uma alíquota de 15%. Saiba mais sobre dividendos e JCP nesta matéria da Bruna Furlani.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

PRAZO APERTADO

Raízen (RAIZ4) pagará dividendos milionários até 2023, mas a data de corte para ter direito aos proventos é ainda esta semana; veja como receber

27 de setembro de 2022 - 19:30

O pagamento está previsto para ocorrer até 31 de março de 2023, mas quem quiser receber os proventos deve estar na base acionária da companhia na próxima sexta-feira (30)

Para dar a volta ao mundo

Wise é uma das contas em moeda estrangeira mais baratas e traz opções para muito além do dólar; saiba o que ela oferece

27 de setembro de 2022 - 19:08

Antiga TransferWise oferece 53 opções de moedas estrangeiras, e suas versões em dólar e euro saem mais em conta do que outras alternativas disponíveis no mercado brasileiro

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Deflação derruba curva de juros, as pesquisas eleitorais da semana e as profissões em alta; confira os destaques do dia

27 de setembro de 2022 - 18:56

Como tem sido frequente nas últimas comunicações do Banco Central, a mensagem da ata da decisão de política monetária da semana passada foi a de que a luta contra a inflação ainda persiste e que novos cortes na taxa de juros devem demorar.  Parece que o que também acabou caindo na rotina é a decisão […]

FECHAMENTO DO DIA

Deflação derruba juros, mas Ibovespa cai com cautela internacional; dólar vai a R$ 5,37

27 de setembro de 2022 - 18:36

Ainda que o setor de mineração e siderurgia tenha minimizado as perdas, o Ibovespa encerrou o dia em queda de 0,68%, aos 108.376 pontos.

MERCADO DE TRABALHO

Profissões em alta para 2023: saiba quais são as áreas e quanto as empresas pagam por esses profissionais

27 de setembro de 2022 - 16:33

O levantamento da consultoria Robert Half aponta que o mercado de trabalho deve abrir novas vagas no próximo ano em, pelo menos, oito áreas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies