Menu
2020-08-24T14:19:05-03:00
Estadão Conteúdo
de olho na pandemia

Covid desestabiliza padrões de consumo e gera volatilidade no petróleo, diz Moody’s

Segundo a Moody’s, preços baratos de combustível não devem impulsionar a demanda por produtos refinados.

24 de agosto de 2020
14:17 - atualizado às 14:19
shutterstock_1150277432
Jelgava, Letônia, 25 de setembro de 2005, estação ferroviária vista de cima com os tanques de petróleo e amônia da Russian Railways. - Imagem: Shutterstock

A Moody's afirma que a pandemia da covid-19 desestabiliza padrões de consumo de energia de longa data, aumentando a volatilidade dos preços para o petróleo e gás. A agência lembra em relatório o fato de que a pandemia provocou forte queda nos preços da commodity, o que amplificou disparidades entre companhias "fortes e fracas" no setor de energia.

Segundo a Moody's, preços baratos de combustível não devem impulsionar a demanda por produtos refinados. Ela também comenta que a recuperação do setor de petróleo e gás dependerá de um aumento gradual na demanda, conforme a atividade reaja, "particularmente na China, no Sudeste Asiático e nos EUA".

"A recuperação deve ser desigual", prevê a agência, o que trará distúrbios para os padrões de consumo de energia no longo prazo e maior volatilidade nos preços.

A Moody's projeta que a receita das companhias nacionais de petróleo devem se recuperar "ao longo de dois a três anos", embora isso dependa do ritmo do retorno da atividade e de eventuais ações políticas após a covid-19 adotadas por seus governos. "Os preços baratos de combustível não irão fomentar a demanda por produtos refinados, porém, com a demanda maior dependendo do crescimento econômico e da força dos mercados para certos produtos refinados", comenta.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

alívio

Congresso quer Refis para negociação de dívidas geradas com a pandemia

Área técnica do Ministério da Economia resiste, avaliando que medida faz contribuintes deixarem de pagar regularmente os tributos

mal entendido

Guedes nega atritos com o presidente do Banco Central

Na quinta-feira à noite, quando falava sobre a aprovação da Lei de Falências, Guedes ficou irritado com uma pergunta sobre perda de credibilidade pelo mercado financeiro e as críticas de que não tem plano para a economia

agora vai?

Acordo sobre reforma tributária está perto, diz autor de PEC

Em entrevista recente ao Seu Dinheiro, a assessora especial do ministro da Economia, Vanessa Canado, afirmou que a aprovação da proposta depende apenas de um acordo político.

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta sexta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Integração

Itaú vai estender consultoria de investimentos a clientes de varejo

Tratamento personalizado hoje dispensado a clientes Personnalité e private será estendido mesmo aos clientes de menor renda

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies