';

IPCA + 7,5%: receba esta e outras ofertas ‘premium’ de renda fixa no WhatsApp; clique aqui

Cotações por TradingView
2020-01-31T19:40:35-03:00
Estadão Conteúdo
DE OLHO NA CONTA

Contas de luz terão bandeira verde em fevereiro, sem taxa extra, diz ANEEL

Em nota, a Aneel informou que houve melhora na previsão de chuvas nas regiões dos principais reservatórios de hidrelétricas do País, o que permitiu a adoção da bandeira verde

31 de janeiro de 2020
19:40
Moeda de um real
Imagem: Shutterstock

As contas de luz terão bandeira verde no mês de fevereiro, anunciou nesta sexta-feira, 31, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Com isso, não haverá taxa extra nas tarifas de energia. Em janeiro, vigorou a bandeira amarela, com cobrança adicional de R$ 1,343 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

Em nota, a Aneel informou que houve melhora na previsão de chuvas nas regiões dos principais reservatórios de hidrelétricas do País, o que permitiu a adoção da bandeira verde.

"A expectativa é a de que ocorra recuperação mais intensa do armazenamento ao longo de fevereiro", diz a nota.

Segundo a Aneel, isso diminui a necessidade de acionamento de termelétricas, que produzem energia mais cara.

No sistema de bandeiras tarifárias, em vigor desde 2015, a cor verde não tem cobrança de taxa extra, indicando condições favoráveis de geração de energia no País. Na bandeira amarela, a taxa extra é de R$ 1,343 a cada 100 kWh consumidos.

Já a bandeira vermelha pode ser acionada em um dos dois níveis cobrados, dependendo da quantidade de termelétricas acionadas. No primeiro nível, o adicional passa a ser de R$ 4,169 a cada 100 kWh. No segundo nível, a cobrança extra será de R$ 6,243 a cada 100 kWh.

As bandeiras tarifárias indicam o custo da energia gerada e possibilitam o uso consciente por parte dos consumidores. Antes do sistema, o custo da energia era repassado às tarifas no reajuste anual de cada empresa, com incidência da taxa básica de juros.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

PRESSÃO VENDEDORA

Na Raízen (RAIZ4), um investidor importante dá adeus e as ações vão às mínimas históricas. O que explica?

30 de janeiro de 2023 - 15:51

A Hédera Investimentos, veículo da Louis Dreyfus, vai vender sua fatia de 24,3% das ações PN da Raízen (RAIZ4). E agora, como ficam as ações?

ESTÁGIO E TRAINEE

Uber, Anvisa e GM estão com vagas abertas para estágio e trainee; veja oportunidades com bolsas-auxílio de até R$ 2,1 mil

30 de janeiro de 2023 - 15:32

As empresas aceitam candidaturas de estudantes e recém-formados em diversos cursos; o início está previsto para o primeiro semestre desde ano

REVISÃO

Bradesco BBI eleva recomendação para Cogna (COGN3) e vê potencial de valorização para as ações

30 de janeiro de 2023 - 15:09

O banco também aumentou o preço-alvo da Cogna (COGN3) para R$ 2,70 e está mais otimista com os resultados que virão em 2023

É HORA DE COMPRAR?

Vale x CSN Mineração; Gerdau x CSN: Santander define os confrontos — e as vencedoras — entre as ações de mineração e siderurgia

30 de janeiro de 2023 - 14:46

Enquanto o setor de mineração deve apresentar resultados mais fortes referentes ao quarto trimestre de 2022, o mesmo não acontece com a siderurgia, que enfrenta demanda e preços internacionais mais fracos

O QUE É ISSO, UM LIVRO?

Bilionário indiano rebate acusações de fraude após Adani Group perder US$ 72 bilhões em valor de mercado

30 de janeiro de 2023 - 14:05

Gautam Adani publicou um documento de 413 páginas refutando as alegações da Hindenburg Research de fraude contábil e lavagem de dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies