Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-06-04T19:41:18-03:00
seu dinheiro na sua noite

Licença para gastar

4 de junho de 2020
19:41
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Na crise financeira de 2008, as autoridades dos países desenvolvidos se encontraram diante de um dilema: era certo usar dinheiro público para salvar os bancos que estavam à beira da falência?

Se por um lado eles foram os grandes culpados pelo próprio destino, por outro os efeitos colaterais de uma quebradeira no sistema financeiro afetariam a todos.

Essa encruzilhada até ganhou um nome: “moral hazard” – ou risco moral, como traduzimos por aqui. A decisão acabou pendendo a favor dos bancos depois do colapso nos mercados a partir da quebra do Lehman Brothers.

A partir de então, o Bancos Centrais implementaram um programa agressivo de compra dos ativos “tóxicos” que poluíam o balanço das instituições financeiras.

Esse dinheiro novo acabou irrigando novamente os mercados, o que permitiu a retomada que durou mais de uma década, até o choque provocado pela pandemia do coronavírus.

Para conter os efeitos da parada forçada da economia global, o remédio encontrado foi basicamente o mesmo da crise de 2008: imprimir dinheiro.

A diferença é que desta vez os governos ganharam uma “licença para gastar”, já que o risco moral está fora de questão – ainda que os bancos se beneficiem indiretamente dos programas.

Aos trilhões de dólares já anunciados, o Banco Central Europeu (BCE) anunciou hoje que decidiu ampliar o volume de seu programa de estímulos em mais 600 bilhões de euros – ou R$ 3,5 trilhões.

Todo esse dinheiro inevitavelmente flui pelo mercado financeiro e acaba ajudando a sustentar a onda de otimismo que estamos presenciando nas últimas semanas.

Aqui no Brasil, o Ibovespa fechou em alta pelo quinto dia consecutivo e, quem diria, agora está a pouco mais de 6 mil pontos de voltar ao patamar dos 100 mil. E tudo isso mesmo com a queda das bolsas lá fora, como mostra o Victor Aguiar.

Licença para economizar

Você sabe como o Seu Dinheiro ganha dinheiro? Além da publicidade que sustenta nosso conteúdo gratuito, nós contamos com um clube VIP de leitores, o SD Premium. Lá você encontra conteúdos exclusivos, recebe comentários diários no Telegram (vou gravar o meu daqui a pouco) e tem descontos nos nossos cursos. Pois agora você pode ter acesso a tudo isso por apenas R$ 5 por mês. E se não gostar ainda pode cancelar em até 30 dias de graça. Conheça aqui todas as vantagens de virar Premium . Ah, quem já é assinante vai receber um email explicando como migrar para novo plano.

Com carro (alugado) eu vou?

O crescimento das locadoras de veículos deve continuar, mesmo após o forte choque do coronavírus. Pelo menos essa é a visão do UBS, que hoje anunciou mudanças na sua avaliação das empresas do setor. Para os analistas, os efeitos da covid-19 serão diferentes em cada companhia em razão dos diferentes focos de atuação. Você confere qual a ação favorita do banco suíço nesta matéria do Felipe Saturnino.

Falência à vista

Enquanto o mercado financeiro passa por uma onda de euforia, na “vida real” as empresas seguem sofrendo com a dura realidade dos efeitos da quarentena. O retrato disso está no levantamento da Boa Vista, que aponta um salto de 30% nos pedidos de falência em maio na comparação com o mês anterior. Mas quando se olha o desempenho frente ao ano passado, o resultado surpreendentemente é melhor e mostra queda nas falências.

Imóvel, eu quero

A demanda por financiamento imobiliário não sofreu maiores abalos com a crise do coronavírus, pelo menos por enquanto. Em abril, o crédito para a compra da casa própria apresentou crescimento de 22,6% em relação ao mesmo período de 2019, para R$ 6,7 bilhões. Confira quais os bancos lideram o ranking de empréstimos no acumulado do ano.

Há vida fora do lixo

A bolsa tem apresentado ganhos relevantes nos últimos pregões. Apesar da incerteza dos mercados, o Ibovespa subiu em 7 das 10 últimas sessões — com a combalida CVC, incrivelmente, liderando essa alta. Mas faz sentido algumas empresas subirem tanto assim? Em outras palavras, os fundamentos justificam alocações de investidores para essas ações? Na coluna de hoje, o Rodolfo Amstalden discute por que você não precisa seguir os pintos que mergulham no lixo. Vale a pena ler!

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

entrevista

‘Brasil virou pária do investimento internacional’, diz Persio Arida

Um dos signatários da carta de ex-ministros da Fazenda e do BC em defesa de uma retomada econômica “verde”, ele observa que o presidente tem feito uma “política ambiental horrenda” e na contramão do mundo

ao menos sete parlamentares

Verba de gabinete é usada para lucrar na internet

Deputados da base governista recorreram a empresas contratadas com dinheiro da cota parlamentar e assessores pagos pela Casa para gerir canais monetizados no YouTube

entrevista

‘Caminhamos para o precipício ambiental’, diz CEO da Suzano

Walter Schalka diz que a sustentabilidade tem de unir empresas e governo para que o Brasil possa virar uma potência ambiental no mundo

decisão da justiça

Ex-secretário, vereador e empresário de Marília tornam-se réus por fraudes

De acordo com o Ministério Público Federal, o grupo é acusado de corrupção ativa e passiva, peculato, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.

caso queiroz

Citados em ‘rachadinha’ continuam com cargos

Ex-assessores fazem parte de uma lista de 69 pessoas que trabalharam com Flávio Bolsonaro e tiveram sigilo bancário e fiscal quebrados por decisão da Justiça em abril do ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu