🔴 PRIO3 E +9 AÇÕES PARA COMPRAR AGORA – ASSISTA AQUI

Investir não é para divorciadas?

Uma ouvinte do podcast Empiricus Puro Malte mandou o seguinte email após discutirmos por que os homens investem mais na Bolsa que as mulheres

19 de setembro de 2020
5:59 - atualizado às 20:06
divórcio
Imagem: Shutterstock

Volto ao assunto das mulheres investidoras. Uma ouvinte do podcast Empiricus Puro Malte mandou o seguinte email após discutirmos, no episódio 10, por que os homens investem mais na Bolsa que as mulheres:

“O homem se divorcia e vira um gurizão, troca de carro, compra roupas novas, vira noite na balada, mulherada etc. Ele só vai aparentar ser um mendigo na frente do juiz para pagar uma pensão miserável aos filhos. Isso porque, descabidamente, acha que a pensão vai sustentar a ex-mulher. Mas a vida pessoal e profissional dele seguem adiante. Às vezes, até melhoram, já que ele vai ter mais tempo para se dedicar à outras coisas.

Agora vejamos pelo lado da mulher. De repente, você se vê sozinha e com um ou mais filhos para criar. Além da culpa que nasce junto com a maternidade, a mulher é muitas vezes culpada pelo divórcio pela própria família e até mesmo pelos filhos. Se decide sair uma vez à noite para a balada e tomar uma bebidinha para esquecer um pouco dos problemas, é vista como uma “sem noção”. As tarefas são muitas: domésticas, de trabalho e relacionada à educação dos filhos (sim, a professora, pedagoga e a psicóloga vão falar com a mãe que o filho não vai bem no colégio ou que mordeu o colega). Além disso, vai ter que dar conta de sobreviver, com a diferença salarial gritante que existe entre homens e mulheres. Bem ou mal, antes teria o salário do marido, agora não tem mais. Muitas vezes, a mulher tem que voltar para a casa dos pais…

Como pensar em investir em uma situação como essa?”

Claro que não são todos os casos, como a própria ouvinte diz. Mas é inegável que a situação das mulheres após um divórcio tende a ser mais difícil do que a dos homens.

O que fazer para mudar isso? “Mudar de emprego, colocar a mãe no asilo, internar as crianças na Febem”, como escreveu certa vez Drauzio Varella? Não sei se vai resolver.

A gente fala sobre o assunto no Puro Malte #11. Escuta lá:

Compartilhe

Coluna do Mioto

Vinte conselhos não óbvios de carreira

24 de outubro de 2020 - 5:54

Estes são conselhos de carreira para jovens profissionais que tenham a ambição de serem promovidos e terem relevância dentro das suas empresas

coluna do mioto

Minha profissão é chata demais, o que eu faço?

10 de outubro de 2020 - 10:41

Acomodar-se ou tomar uma decisão ousada de ir buscar algo que lhes traga mais tesão?

COLUNA DO MIOTO

Sério que você vai investir em Cogna e Oi, mas não em Netflix?

3 de outubro de 2020 - 6:21

Não faz sentido investir em apenas um país. Você não aumenta o seu potencial de ganho, a não ser que você acredite que o Brasil vai ter um desempenho melhor do que todas as outras nações

Coluna do Mioto

Gastar dinheiro não vai fazê-lo feliz

26 de setembro de 2020 - 6:12

O cérebro superestima o prazer que teremos ao comprar alguma coisa. O ditado que diz que casa na praia dá duas alegrias, a da compra e a da venda, tem uma razão de ser

Coluna do Mioto

Por que as mulheres investem menos do que os homens?

12 de setembro de 2020 - 8:02

Esta foi uma pergunta que fiz para Beatriz Nantes, sócia e chefe de operações da Empiricus, no nosso podcast Puro Malte. Eis a resposta da Bia

Coluna do Mioto

Os gringos esqueceram o Brasil (e isso cria oportunidades)

29 de agosto de 2020 - 6:04

Isso ajuda a explicar por que, enquanto as Bolsas pelo mundo todo retomaram aos recordes pré-crise, nós ainda patinamos aqui uns 20% abaixo das máximas

Coluna do Mioto

Last Dance: Quando investir nos afasta de amigos e familiares

22 de agosto de 2020 - 7:09

Se você prefere investir seu dinheiro do que gastar sem motivo, talvez comece a achar sua própria família ou alguns amigos meio bregas

MEDO DE PERDER DINHEIRO FAZ BEM

As vantagens de ser um investidor covarde

15 de agosto de 2020 - 5:43

Você tem que ter medo. O excesso de confiança é muito perigoso. O Bobby Axelrod fala isso em um episódio do Billions: ‘eu sinto o gosto do medo na garganta, eu não quero ficar pobre

Virou pó

Os infelizes que compraram opções de Cogna

8 de agosto de 2020 - 9:21

Nesta semana, pelo menos dez mil infelizes viram suas opções de compra de Cogna virarem pó.

O FRENESI COM AS AÇÕES DA TESLA

Seria Elon Musk um Eike Batista?

1 de agosto de 2020 - 5:50

Será que, no mercado, quase toda euforia desmedida não acaba invariavelmente em frustração?

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies