Menu
2019-03-26T11:59:38-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Antes do balanço

Após Brumadinho, Vale registra queda de 92,8 milhões de toneladas em sua produção

Produção de pelotas também foi impactada em 11 milhões de toneladas, representando 20% da produção anual. Números relativo ao minério de ferro teve crescimento de 4,9% no ano.

26 de março de 2019
11:44 - atualizado às 11:59
A mineradora Vale
Imagem: Shutterstock

A Vale divulgou o seu primeiro relatório de produção após o rompimento da barragem de Brumadinho, em janeiro. Em documento liberado hoje (26), a empresa estimou o impacto de 92,8 milhões de toneladas na produção anualizada de minério de ferro. O balanço da mineradora deve ser divulgado nesta quarta-feira (27).

No detalhamento, a empresa quantifica as perdas, sendo 40 milhões referentes aos complexos de Vargem Grande, Fábrica e da mina Córrego do Feijão, 30 milhões de toneladas da mina de Brucutu, 12 milhões da mina de Timbopeba e 10 milhões de toneladas referentes a mina Alegria.

A produção de pelotas também foi impactada em 11 milhões de toneladas após a paralisação das plantas de Fábrica e Vargem Grande, totalizando 20% da produção anual.

Produção do quarto trimestre

A companhia adiantou os números referentes a sua produção e volume de vendas no 4º trimestre de 2018. Minério de ferro totalizou 101,0 milhões de toneladas no 4º trimestre, fechando o ano com o total de 384,6 milhões de toneladas em 2018. A produção do trimestre ficou 3,8% abaixo do apresentado no período anterior, mas fechou o ano com um crescimento de 4,9% no comparativo com 2017.

A produção trimestral de pelotas ficou em linha com as estimativas, totalizando 15,8 milhões de toneladas. No anual, a produção foi de 55,3 Mt , com crescimento de 9,9% relativo ao ano anterior. Manganês cresceu 2,7% com relação ao  terceiro trimestre, mas apresentou queda de 15,7% no anualizado.

A produção de carvão caiu 2,7% com relação ao 3º trimestre de 2018, mas apresentou um crescimento de 20,7% ante ao mesmo período do ano passado. O crescimento anual foi de 3,1%.  Com queda de 9,8% com relação a 2017, o cobre teve um crescimento de produção de 16,2% comparado ao 3º trimestre de 2018. O negócio de níquel passou por um processo de transição, totalizando uma produção de 244,6 toneladas em 2018, 15,1% menor do que em 2017.

Ouro, cobalto e cobre também apresentaram quedas na comparação anualizada com 2017, com queda de 1,6%, 12,4% e 9,8%, respectivamente.

Quanto ao volume de vendas, finos de minério de ferro e de pelotas totalizaram 96,5 milhões de toneladas no 4º trimestre. O volume de vendas de minério de ferro ficou 4,1% abaixo do apresentado no terceiro trimestre pela adiamento de vendas para fins de otimização de margem no 1º trimestre de 2019, mas fechou 2018 com um volume de 308,9 milhões de toneladas. Venda de pelotas teve crescimento de 12,2% em comparação ao período anterior. Os produtos premium representaram 84% do total das vendas do 4º trimestre e 82% na média anualizada.

 

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Análise

Como ficam as peças do xadrez da política após as eleições municipais

A eleição marcou a conquista de peças importantes, vitórias que serviram apenas para demarcar território e derrotas claras. Mas houve também avanços importantes mesmo de quem perdeu nas urnas

Barroso cita Shakespeare ao falar sobre 2º turno: “vai bem quando tudo acaba bem”

Barroso disse que o TSE conseguiu “neutralizar” as tentativas de cancelamento das eleições por causa da covid-19, o que, segundo o ministro, teria impactos negativos para a democracia

Eleições 2020

Doria comemora vitória de Bruno Covas com recado a Bolsonaro

Na visão do governador, o PSDB foi o grande vencedor destas eleições no Estado de São Paulo, sabe conjugar união e não foi negacionista no combate à pandemia

eleição em sp

‘Não foi nesta eleição, mas a gente vai ganhar’, diz Boulos

O psolista, que recebeu 40,62% dos votos na cidade de São Paulo, termina a eleição como um dos principais nomes do campo progressista

termômetro online

Covas cresce em buscas no Google, mas Boulos lidera ranking

Candidato do PSOL foi o mais buscado nacionalmente entre os 34 candidatos de capitais brasileiras concorrendo neste domingo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies