Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-08-20T19:10:08-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Tupi or not tupi

20 de agosto de 2019
19:10
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Há quase um século, o escritor Oswald de Andrade redigia o Manifesto Antropofágico, o clássico (e divertidíssimo) texto no qual defende a valorização de uma cultura verdadeiramente brasileira. A ideia não era se opor à influência estrangeira, mas devorá-la.

A zoeira com o monólogo de Shakespeare em Hamlet ("To be, or not to be") sintetiza o manifesto, que deveria ser replicado no mercado financeiro. Existe um verdadeiro fetiche dos investidores locais pelos movimentos dos gringos na bolsa.

É claro que acompanhar o caminho do dinheiro estrangeiro é importante. Afinal, uma saída em massa de recursos para o exterior pode afetar o preço das ações, sem falar nas cotações do dólar.

Por isso causou certa comoção a notícia publicada hoje de que os investidores de fora do país tiraram R$ 19,2 bilhões da bolsa brasileira entre janeiro e agosto deste ano. Quais seriam as causas dessa suposta debandada?

Digo “suposta” porque o número acima traz apenas uma parte do filme, que representa o saldo entre compras e vendas de ações realizadas no mercado à vista da B3. Ou seja, não capta operações como posições compradas no mercado futuro.

Também ficou de fora o dinheiro que os estrangeiros investiram nas dezenas de ofertas de ações que aconteceram neste ano.

Mas então como fica o saldo dos gringos na bolsa? Como um verdadeiro antropofagista, o Eduardo Campos devorou os números, fez as contas e trouxe o resultado para você.

Ladeira abaixo

Quando eu comecei a cobrir a bolsa, a ação com maior peso no Ibovespa era a da antiga Telemar. Essa informação entrega muito sobre a minha idade, mas também sobre a operadora de telefonia que deu origem à Oi. Em recuperação judicial desde 2016, a empresa hoje sequer faz parte do principal índice da bolsa. Mas essa história ganhou contornos ainda mais dramáticos após a perda de quase metade do valor de mercado apenas nos últimos quatro pregões. Saiba mais sobre a delicada situação da empresa.

Levou gol no começo

Se fôssemos comparar o desempenho da bolsa hoje com uma partida de futebol, certamente seria uma daquelas em que o time da casa leva um gol logo no começo e tenta a todo custo se recuperar. Mas apesar dos grandes lances, bola na trave e pressão o jogo inteiro, não deu para reverter o placar. O Ibovespa abriu o pregão tendo que lidar com uma forte onda de baixa e quase perdeu os 98 mil pontos. Mas aos poucos o principal índice da B3 recuperou parte do terreno e por pouco não fechou no azul. A cobertura completa da partida de hoje na bolsa você encontra na matéria do Victor Aguiar.

Fazenda nova, problemas velhos

Hernán Lacunza assumiu hoje o ministério da Fazenda da Argentina e sem dúvida tomou para si um dos maiores desafios de sua carreira: estancar a sangria que a economia hermana tem vivido, em especial após os resultados das primárias eleitorais que deram vitória para a oposição. Mas o curto mandato de Lacunza parece ter um objetivo muito bem definido: estabilizar o câmbio. Como ele pretende atacar esse problema? Você confere nesta matéria.

A tal da caixa-preta

Desde a campanha eleitoral de 2018, o presidente Bolsonaro constantemente falava da necessidade em se “abrir a caixa-preta do BNDES”. E nesta terça-feira o governo resolveu abrir uma frestinha dessa história ao revelar empresários que compraram jatinhos com recursos do banco de fomento. A divulgação também não deixa de ser oportuna, já que uma das personalidades mais conhecidas da lista fez declarações recentes na mídia contra o governo.

Encontro marcado

A Apple resolveu anunciar hoje a data do primeiro encontro de seus clientes com seu mais novo produto: a AppleTV. O serviço de streaming chega prometendo acabar com a farra da Netflix, que de longe é a protagonista desse mercado. Mas a estratégia traçada pela empresa de Tim Cook é um pouco diferente da fórmula de sucesso que consagrou a dona de títulos como Stranger Things e La Casa de Papel. Confira os detalhes dessa novidade.

Tijolo por tijolo

A Caixa Econômica Federal anunciou hoje os detalhes de sua nova linha de crédito imobiliário, que contará com correção pela inflação medida pelo IPCA. A linha terá taxas de juros que vão oscilar entre 2,95% a 4,95% ao ano, mais a variação do índice, e prazo de até 30 anos. Se a nova modalidade pegar, pode acabar ajudando não só a estimular o financiamento para a compra da casa própria mas também os investimentos com lastro em imóveis. Saiba mais sobre a linha do banco público.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

objetivo mais ambicioso

CMN fixa meta de inflação em 3,00% para 2024, com margem de 1,5 pp

Objetivo fixado pelo governo é mais ambicioso do que nos anos anteriores e dá sequência ao processo de redução gradual da meta de inflação, iniciado em 2017

inovação

Duratex cria fundo de R$ 100 milhões para investir em startups

Fabricante de madeira, deca e revestimentos cerâmicos planeja realizar aportes em iniciativas em diferentes estágios de evolução, sendo a única cotista do fundo

FECHAMENTO

BC mais brando e novo ‘pacote Biden’ deram o que falar — com inflação em foco, dólar se firma em R$ 4,90 e Ibovespa volta aos 129 mil pontos

A moeda americana registrou o quarto dia consecutivo de queda, com a pressão do pacote de infraestrutura dos EUA e a melhora do cenário local. No mercado de juros, os investidores reduziram as apostas em uma alta agressiva da Selic na próxima reunião

Fome de propostas

Presidente da Câmara quer acelerar reformas e pautas econômicas no Congresso

Lira espera receber ainda hoje o projeto do governo para mudanças no Imposto de Renda e comprometeu-se a votar a privatização dos Correios no mês que vem

Meta ambiental

Vale triplica para até US$ 6 bi previsão de investimentos para reduzir emissões de carbono

O objetivo da empresa é reduzir 33% das emissões diretas e indiretas de carbono até 2030

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies