2019-12-23T09:33:52-03:00
Estadão Conteúdo
É dinheiro que entra

Sancionadas leis que abrem créditos suplementar e especial a órgãos do Executivo

No total, o crédito suplementar sancionado soma o valor de R$ 2,124 bilhões

23 de dezembro de 2019
9:33
Notas de dinheiro
Imagem: Shutterstock

O governo federal sancionou duas leis que abrem crédito suplementar e crédito especial em favor de órgãos do Poder Executivo. A Lei 13.963, publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 23, abre crédito suplementar no valor de R$ 2,124 bilhões em favor de diversos órgãos.

De acordo com o quadro anexo sobre a aplicação dos recursos, publicado junto com a Lei, serão reforçados os orçamentos da Receita Federal, para fortalecimento institucional; do ministério de Minas e Energia, para fabricação do combustível nuclear, pelas Indústrias Nucleares do Brasil; da Saúde, em programas como Farmácia Popular e Mais Médicos; da Infraestrutura, em projetos ferroviários e manutenção de rodovias; Desenvolvimento Regional, com programas de irrigação; ministérios da Cidadania e da Mulher.

Os recursos necessários para a suplementação são resultado de superávit financeiro no balanço patrimonial do exercício de 2018; alienação de bens apreendidos pela Receita; superávit financeiro apurado no balanço patrimonial do exercício de 2018 das Indústrias Nucleares do Brasil; superávit financeiro no balanço patrimonial do exercício de 2018 da Codevasf; e anulação de outras despesas orçamentárias.

Já a Lei 13.962, também publicada nesta segunda, abre crédito especial no valor de R$ 71,343 milhões em favor de encargos financeiros da União e de operações oficiais de crédito.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O Ibovespa na contramão do mundo, o impulso das commodities, a pressão dos servidores públicos e tudo o que agitou os mercados nesta terça

Nada como uma perspectiva de aperto monetário para segurar o desempenho dos ativos de risco. E nesta terça-feira (18), os mercados financeiros americanos voltaram do feriado colocando nos preços a expectativa dos investidores com a alta dos juros e a redução dos estímulos monetários nos Estados Unidos. O resultado foi uma disparada nos juros futuros, […]

Fechamento Hoje

Ibovespa sobrevive a mar vermelho no exterior e consegue fechar em alta; avanço nos retornos dos Treasuries pesa nos juros e no câmbio

Principal índice da B3 lutou para se manter no lado positivo ao longo de todo o pregão, com ajuda das commodities; dólar, porém, também fechou em alta