Menu
2019-06-07T18:49:09-03:00
Estadão Conteúdo
Hora da comissão especial

Discussão sobre reforma poderá ser de ’30, 40 ou 60 dias’, diz Marinho

Marinho comentou ainda que, na sua opinião, 10 sessões da comissão especial seriam suficientes, mas o número é menor que o obrigatório pelo regimento

30 de abril de 2019
12:11 - atualizado às 18:49
Rogério Marinho, secretário Especial de Previdência e Trabalho
O secretário Especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, disse que o cronograma de tramitação da reforma da Previdência será definido pelo relator Samuel Moreira (PSDB-SP) e que a discussão poderá ser de "30, 40 ou 60 dias". "O cronograma é do relator, o calendário será definido hoje", afirmou.

Marinho comentou ainda que, na sua opinião, 10 sessões da comissão especial seriam suficientes - o mínimo pelo regimento são 11 sessões - mas que isso também será definido pelo Congresso Nacional.

"A discussão na Comissão Especial tem que ser de mérito, a pauta econômica aguarda aprovação da reforma para ir ao Congresso Nacional", afirmou o secretário. "A sociedade espera que haja amadurecimento da nossa classe política e que façamos ajuste fiscal."

Para ele, tanto a percepção da população quanto dos parlamentares mudou em relação à necessidade da reforma da Previdência. "A postura do Congresso agora é propositiva, o clima é de colaboração."

Marinho voltou a dizer que defenderá no parlamento a integralidade da reforma e pediu que a oposição não faça "oposição por fazer". "Chegou a hora da oposição falar qual é seu projeto", completou.

Ele repetiu que, apesar de todos serem impactados com a reforma, o efeito é menor para os mais pobres. "Quem tem mais, paga mais."

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Milionários na mira

Biden quer dobrar impostos sobre ganhos de capital dos mais ricos para financiar educação infantil

O presidente dos EUA aposta no aumento das taxas para investidores que ganham acima de US$ 1 milhão para financiar sua nova proposta

Oferta de ações

Caixa Seguridade (CXSE3): reservas para o IPO terminam no dia 26; veja os detalhes e se vale a pena investir

Banco público pretende captar até R$ 6,5 bilhões com a venda de parte de suas ações na empresa que reúne suas participações em seguros

Fechando o bolso

Republicanos contrariam Biden e propõem pacote alternativo de US$ 568 bilhões para infraestrutura

O valor defendido pela oposição é muito inferior aos mais de US$ 2 trilhões propostos pelo presidente democrata

Aceno a Biden

Na Cúpula do Clima, Bolsonaro promete zerar emissões de gases de efeito estufa até 2050

No encontro, organizado por Joe Biden, o presidente do Brasil também se comprometeu a zerar o desmatamento ilegal até 2030

Nem o agro se salva

Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) engrossa a lista de IPOs adiados em 2021

A empresa, que já havia interrompido a oferta por alguns dias em janeiro, citou a “deterioração” do mercado em seu segundo adiamento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies