Menu
2019-09-20T15:22:07-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Cara nova

José Barroso Tostes Neto substitui Marcos Cintra como secretário da Receita

Tostes começou a trabalhar na Receita Federal em 1982 e também atuou como secretário de Fazenda do Pará de 2011 a 2015, durante o governo Simão Jatene

20 de setembro de 2019
12:27 - atualizado às 15:22
José Barroso Tostes Neto.
José Barroso Tostes Neto. - Imagem: Pedro França/Agência Senado

O Ministério da Economia confirmou na tarde de hoje (20) que José Barroso Tostes Neto será o novo secretário especial da Receita Federal. Ele substituirá Marcos Cintra, demitido do cargo na semana passada (11) após divergências dentro do governo sobre uma proposta de criação de um imposto nos moldes da CPMF.

Segundo o ministério, ele assumirá o cargo de secretário da Receita Federal depois de ser nomeado por decreto do presidente da República.

Tostes entrou na Receita Federal em 1982, como auditor fiscal. O auditor aposentado também já foi secretário de Fazenda do Pará de 2011 a 2015, durante o governo Simão Jatene, e atuava como consultor de Gestão Fiscal e Municipal do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Em 2018 chegou a concorrer à lista tríplice para o cargo de secretário da Receita do Sindifisco (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil).

Na semana passada, uma apresentação feita por um subordinado de Cintra contendo a proposta de criação de um imposto nos moldes da CPMF teria sido o motivador da dispensa.

Em seu Twitter, o presidente Jair Bolsonaro chegou a comentar a polêmica envolvendo a possível criação do imposto. Além de expor as razões para a exoneração de Cintra, Bolsonaro também negou que a CPMF faça parte dos planos do governo.

Na nota em que informou a demissão de Cintra, o ministério da Economia esclareceu que ainda não existe um projeto finalizado de reforma tributária. “A equipe econômica trabalha na formulação de um novo regime tributário para corrigir distorções, simplificar normas, reduzir custos, aliviar a carga tributária sobre as famílias e desonerar a folha de pagamento”.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Dinheiro no bolso

Banco do Brasil anuncia pagamento de R$ 333 milhões em JCP do 4T20

Dessa forma serão pagos no dia 30 de dezembro e terão como base a posição acionária do dia 11 de dezembro de 2020

seu dinheiro na sua noite

Maradona e o rali da bolsa

O baixinho Maradona passa por dois marcadores, toca para o companheiro e depois corre para disputar a bola na área. Ele dá um salto e, de alguma forma, consegue subir mais que o goleiro inglês Peter Shilton para empurrar (literalmente) a bola para as redes. O lance do antológico gol de mão do craque argentino […]

fechamento dos mercados

Ibovespa desacelera com queda de Petrobras, mas fecha acima de 110 mil com Itaú e Vale e sobe 4% na semana

Bolsas americanas fecham para cima, renovando máximas históricas, em sessão mais curta; por aqui, ações de Petrobras reduziram alta perto do fim da sessão, eventualmente virando e fechando em queda, tirando índice acionário local da proximidade do pico intradiário

Urgente

Guilherme Boulos é diagnosticado com Covid-19

As agendas de campanha foram todas suspensas, e a coordenação da campanha vai propor à TV Globo que o último debate, previsto para hoje, seja feito de forma virtual.

Novidade no mercado

CMN: corretora de título e valor mobiliários pode prestar serviço de pagamento

Com isso, as SCTVM e SDTVM deverão optar entre a manutenção das atuais contas de registro ou a utilização de contas de pagamento.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies