Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-20T15:22:07-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Cara nova

José Barroso Tostes Neto substitui Marcos Cintra como secretário da Receita

Tostes começou a trabalhar na Receita Federal em 1982 e também atuou como secretário de Fazenda do Pará de 2011 a 2015, durante o governo Simão Jatene

20 de setembro de 2019
12:27 - atualizado às 15:22
José Barroso Tostes Neto.
José Barroso Tostes Neto. - Imagem: Pedro França/Agência Senado

O Ministério da Economia confirmou na tarde de hoje (20) que José Barroso Tostes Neto será o novo secretário especial da Receita Federal. Ele substituirá Marcos Cintra, demitido do cargo na semana passada (11) após divergências dentro do governo sobre uma proposta de criação de um imposto nos moldes da CPMF.

Segundo o ministério, ele assumirá o cargo de secretário da Receita Federal depois de ser nomeado por decreto do presidente da República.

Tostes entrou na Receita Federal em 1982, como auditor fiscal. O auditor aposentado também já foi secretário de Fazenda do Pará de 2011 a 2015, durante o governo Simão Jatene, e atuava como consultor de Gestão Fiscal e Municipal do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Em 2018 chegou a concorrer à lista tríplice para o cargo de secretário da Receita do Sindifisco (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil).

Na semana passada, uma apresentação feita por um subordinado de Cintra contendo a proposta de criação de um imposto nos moldes da CPMF teria sido o motivador da dispensa.

Em seu Twitter, o presidente Jair Bolsonaro chegou a comentar a polêmica envolvendo a possível criação do imposto. Além de expor as razões para a exoneração de Cintra, Bolsonaro também negou que a CPMF faça parte dos planos do governo.

Na nota em que informou a demissão de Cintra, o ministério da Economia esclareceu que ainda não existe um projeto finalizado de reforma tributária. “A equipe econômica trabalha na formulação de um novo regime tributário para corrigir distorções, simplificar normas, reduzir custos, aliviar a carga tributária sobre as famílias e desonerar a folha de pagamento”.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Preocupação

Vidas secas? Bolsonaro admite que Brasil vive “enorme crise hidrológica”

Presidente citou a falta de chuvas como um dos grandes problemas econômicos do país, juntamente com os efeitos causados pela pandemia

MESA QUADRADA

“Não me arrependo de nada. Só não posso dar conselhos financeiros para ninguém”, diz Bob Wolfenson, o fotógrafo das celebridades entrevistado no 7º episódio do Mesa Quadrada

Em em conversa para o podcast Mesa Quadrada, Dan Stulbach, Teco Medina e Caio Mesquita, conversam sobre dinheiro e carreira com Bob Wolfenson, ícone da fotografia brasileira

Situação preocupante

Cuidado com as luzes acesas! Aneel mantém taxa adicional mais alta na contas de agosto

Tarifa cobrada na bandeira vermelha nível 2 é de R$ 9,49 por 100 quilowatts-hora (kWh), e agência continua avaliando se vai elevar o valor

O melhor do Seu Dinheiro

Os melhores investimentos do mês e as notícias que foram destaque na semana

lém do ranking, tivemos o Ibovespa em queda de 2,60, e uma entrevista exclusiva com o CEO da Ânima Educação, que busca um “modelo Magalu”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies