IPCA + 8% e outros títulos ‘premium’: receba as melhores ofertas de renda fixa no seu WhatsApp

Cotações por TradingView
2019-04-04T14:19:08-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
De olho na petroleira

Petrobras volta ao mercado de capitais internacional e anuncia bônus que podem render até US$ 4 bilhões

De acordo com informações divulgada pela petroleira, os recursos serão utilizados para recomprar papéis com vencimentos entre 2021 e 2025

12 de março de 2019
15:51 - atualizado às 14:19
Petrobras (PETR4) Raízen (RAIZ4)
Petrobras - Imagem: Shutterstock

A Petrobras está de volta ao mercado de capitais internacional e anunciou nesta terça-feira, 12, uma captação de títulos de dívida (bônus). Segundo fontes ouvidas pelo Broadcast/Estadão, a petroleira pretende levantar US$ 3,2 bilhões com o projeto e os recursos serão utilizados para recomprar papéis com vencimentos entre 2021 e 2025, que no total somam perto de US$ 3,1 bilhões.

A demanda pelos novos bônus, com vencimento em 2049, e pela reabertura dos bônus que vencem em 2029, está ao redor de US$ 8 bilhões. Diante da procura, especula-se que a companhia consiga fechar o processo com captação de US$ 4 bilhões.

Ainda de acordo com o Broadcast, a companhia vai pagar um piso de 7% como taxa de remuneração de referência para os novos títulos. Já para na reabertura dos bônus 2029, a indicação de remuneração foi ao redor de 6,05%.

A operação, que deve expirar em 8 de abril deste ano, está sendo coordenada pelo BNP Paribas, Bradesco BBI, Citigroup, Goldman Sachs, HSBC e Santander.

A nova captação da Petrobras acontece menos de dois meses depois da emissão de R$ 3,6 bilhões em debêntures de infraestrutura realizada pela estatal.

Fitch: muito bom, nota "BB-"

Logo depois do anúncio da captação de bônus, a agência de classificação de risco Fitch atribuiu nota "BB-" à emissão.

A agência afirmou em nota que todos os ratings ligados à Petrobras são limitados pelos ratings soberanos do Brasil devido à forte participação estatal na empresa e na importância estratégica da companhia para o país.

Captação fica dentro do esperado

No fim da tarde desta terça-feira, fontes do Broadcast informaram que a companhia conseguiu captar US$ 3 bilhões com os bônus. Desse valor, US$ 2,25 bilhões vieram com novos papéis com vencimento em 2049 e US$ 750 milhões com bônus 2029.

O Broadcast/Estadão divulgou ainda que os novos bônus 2049 foram emitidos à taxa de 6,90% e os bônus 2029 à taxa de 5,95%.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

É RECORDE!

Black Friday e Copa do Mundo garantem bom desempenho para o Magazine Luiza (MGLU3) em novembro

29 de novembro de 2022 - 21:10

Novembro se tornou o melhor mês deste ano para a empresa e o mês com mais vendas na história do Magazine Luiza

Estreante

CTG Brasil deve puxar a fila dos IPOs em 2023. Veja detalhes da oferta

29 de novembro de 2022 - 20:20

Caso se concretize, o IPO da CTG será o primeiro depois de um hiato de sete meses sem ofertas públicas – a última foi a privatização da Eletrobras, em junho

SINAL VERDE DA CÂMARA

Histórico! Brasil aprova lei sobre criptomoedas; confira o que muda para você a partir de agora

29 de novembro de 2022 - 19:58

O estabelecimento de regras mais principiológicas é animador para o esse novo setor da economia brasileira, segundo especialistas

BOA NOTÍCIA PARA OS ACIONISTAS?

Nubank encerra acordo polêmico de remuneração ao fundador, David Vélez, e gera economia bilionária aos cofres da fintech

29 de novembro de 2022 - 19:20

Além da economia, o encerramento do programa também evitará uma potencial diluição de até 2% dos outros acionistas da companhia

FECHAMENTO DO DIA

Commodities metálicas disparam e Ibovespa sobe quase 2%; dólar cai a R$ 5,28

29 de novembro de 2022 - 19:07

O Ibovespa pegou impulso com a valorização das commodities no mercado internacional e subiu quase 2%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies