Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-04T14:19:08-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
De olho na petroleira

Petrobras volta ao mercado de capitais internacional e anuncia bônus que podem render até US$ 4 bilhões

De acordo com informações divulgada pela petroleira, os recursos serão utilizados para recomprar papéis com vencimentos entre 2021 e 2025

12 de março de 2019
15:51 - atualizado às 14:19
Petrobras
Petrobras - Imagem: Shutterstock

A Petrobras está de volta ao mercado de capitais internacional e anunciou nesta terça-feira, 12, uma captação de títulos de dívida (bônus). Segundo fontes ouvidas pelo Broadcast/Estadão, a petroleira pretende levantar US$ 3,2 bilhões com o projeto e os recursos serão utilizados para recomprar papéis com vencimentos entre 2021 e 2025, que no total somam perto de US$ 3,1 bilhões.

A demanda pelos novos bônus, com vencimento em 2049, e pela reabertura dos bônus que vencem em 2029, está ao redor de US$ 8 bilhões. Diante da procura, especula-se que a companhia consiga fechar o processo com captação de US$ 4 bilhões.

Ainda de acordo com o Broadcast, a companhia vai pagar um piso de 7% como taxa de remuneração de referência para os novos títulos. Já para na reabertura dos bônus 2029, a indicação de remuneração foi ao redor de 6,05%.

A operação, que deve expirar em 8 de abril deste ano, está sendo coordenada pelo BNP Paribas, Bradesco BBI, Citigroup, Goldman Sachs, HSBC e Santander.

A nova captação da Petrobras acontece menos de dois meses depois da emissão de R$ 3,6 bilhões em debêntures de infraestrutura realizada pela estatal.

Fitch: muito bom, nota "BB-"

Logo depois do anúncio da captação de bônus, a agência de classificação de risco Fitch atribuiu nota "BB-" à emissão.

A agência afirmou em nota que todos os ratings ligados à Petrobras são limitados pelos ratings soberanos do Brasil devido à forte participação estatal na empresa e na importância estratégica da companhia para o país.

Captação fica dentro do esperado

No fim da tarde desta terça-feira, fontes do Broadcast informaram que a companhia conseguiu captar US$ 3 bilhões com os bônus. Desse valor, US$ 2,25 bilhões vieram com novos papéis com vencimento em 2049 e US$ 750 milhões com bônus 2029.

O Broadcast/Estadão divulgou ainda que os novos bônus 2049 foram emitidos à taxa de 6,90% e os bônus 2029 à taxa de 5,95%.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Os investidores agora viraram virologistas: os impactos da Ômicron sobre os mercados

Ainda não sabemos o bastante para decidir se esta é uma oportunidade de compra, mas parecemos estar mais preparados como sociedade para enfrentar o problema

VAREJO DECEPCIONADO?

Black Friday supera prévias, mas vendas do fim de semana ainda ainda perdem para os números registrados em 2019

Segundo índice calculado pela Cielo, as vendas cresceram 6,9% em relação ao ano passado, mas foram 3,8% inferiores ao período pré-pandemia

Adeus ano velho

Ano novo, impostos novos! Reforma do IR fica para 2022, confirma presidente do Senado

O governo Bolsonaro pressionava pela aprovação da proposta para financiar o Auxílio Brasil, mas não conseguiu apoio na Casa

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Bitcoin e bolsa se recuperam após susto com nova variante, Azul e Latam sobem o tom e outros destaques do dia

Pouco se sabe ainda sobre a nova variante do coronavírus detectada na África do Sul, mas o que veio à público até agora é muito melhor do que o mercado financeiro precificou na última sexta-feira (26). Sem o pânico visto na semana passada, o Ibovespa encontrou forças para abrir a semana em alta.  Um estudo […]

Fechamento do dia

Mercado supera susto com ômicron, e bolsas globais engatam recuperação; Ibovespa sobe com menos força, de olho na PEC dos precatórios

Pesando os desafios fiscais brasileiros, o Ibovespa fechou longe das máximas, mas se recuperou parcialmente do tombo de sexta-feira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies