Menu
2019-10-08T14:22:07-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
olho na estatal

Após superar revés, Petrobras inicia oferta de R$ 3 bilhões em debêntures

CVM chegou a suspender oferta; Remuneração ficou definida em 3,60% ao ano na primeira série e 3,90% ao ano na segunda, com atualização monetária

8 de outubro de 2019
13:05 - atualizado às 14:22
Sede da Petrobras, no Rio de Janeiro
Sede da Petrobras, no Rio de Janeiro - Imagem: Shutterstock

A Petrobras começou nesta terça-feira, 8, uma oferta pública de distribuição de R$ 3 bilhões em debêntures -  considerando os lotes adicionais. Esse é a sétima emissão feita pela companhia.

As debêntures são títulos de dívida emitidos por empresas para investidores no mercado de capitais. Ou seja, trata-se de uma forma alternativa de captação de recursos além dos tradicionais empréstimos bancários.

No caso dessa oferta da Petrobras, cada debênture vale R$ 1 mil. A remuneração ficou definida em 3,60% ao ano na primeira série e 3,90% ao ano na segunda, com atualização monetária.

O vencimento da primeira série será em 15 de setembro de 2029 e da segunda série em 15 de setembro de 2034. Segundo a empresa, os recursos serão utilizados no programa de exploração e desenvolvimento da produção de campos da cessão onerosa.

A sétima emissão de debêntures chegou a ser suspensa após declarações na mídia da diretora de Relações com Investidores da Petrobras, Andrea Almeida. Na ocasião, Almeida havia concedido uma entrevista para a XP Investimentos, uma das coordenadoras da oferta de debêntures.

Mas em 12 de setembro a própria autarquia revogou o bloqueio, após a Petrobras retirar a entrevista da diretora do ar e divulgar um comunicado ao mercado reforçando que o processo de esttomada de decisão de investimento e participação na oferta seria baseado nas informações constantes dos Prospectos e do Formulário de Referência.

Nesta terça-feira, 8, as ações ordinárias da estatal PETR3 eram negociadas a R$ 28,59, numa alta de 0,63%. Veja nossa cobertura de mercados. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

RADIO CASH

‘O Banco Central não parece estar comprometido em atingir a meta de inflação’, diz Rogério Xavier, fundador da SPX Capital

Em entrevista ao podcast RadioCash, Rogério Xavier critica o ajuste parcial da Selic e comenta a estratégia por trás dos resultados expressivos que fundos da SPX obtiveram no primeiro trimestre do ano, confira:

destravando valor

Pão de Açúcar lidera altas do Ibovespa com mercado vendo ganhos em venda de participação em e-commerce

Casino, controlador da empresa, estuda fazer oferta de ações de unidade de e-commerce, em que Pão de Açúcar detém participação de 34,17%

Mercados hoje

Ibovespa sobe apoiado no setor de commodities e deixa político-fiscal de lado; dólar recua

Com o cenário político-fiscal pesado, o mercado brasileiro pega carona no bom desempenho das empresas do setor de varejo e commodities. No exterior, inflação dos Estados Unidos é destaque

Exile on Wall Street

Meu professor polvo

Desenvolvi um hábito peculiar. Quando preciso ter algum papo difícil com alguém ou há entre mim e alguma pessoa querida algum entrevero, mínima rusga que seja, envio um vinho português chamado “Conversa” e convido para o diálogo. É um gesto carinhoso, de afeto. Mas — confesso — é também um pouco egoísta e parte de […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies