Menu
2019-06-07T18:43:01-03:00
Estadão Conteúdo
Começando os trabalhos

Petrobras começa a negociar ATC 2019 e Eletrobras vai para 4ª reunião

Empresa estatal vai juntar os 18 sindicatos da categoria em um único encontro nesta quarta-feira, 22

21 de maio de 2019
21:20 - atualizado às 18:43
Prédio da Petrobras no Rio de Janeiro
Imagem: Shutterstock

A Petrobras começa a negociar amanhã o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2019 dos seus empregados, discutindo tanto as causas econômicas quanto sociais.

A empresa vai juntar os 18 sindicatos da categoria em uma única reunião, na parte da tarde, informou a assessoria da estatal. Se a Petrobras seguir a tradição, será a primeira de três propostas que costuma apresentar aos seus empregados.

Ainda sem uma proposta patronal, a Federação Única dos Petroleiros (FUP), que reúne 13 sindicatos, reivindica a incidência nos salários de 1º de setembro de um reajuste equivalente ao Índice de Custo de Vida do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio Econômicos (ICV-Dieese), acumulado entre 1º de setembro de 2018 e 31 de agosto de 2019 e o reajuste de 2020 do acumulado entre 1º de setembro de 2019 e 31 de agosto de 2020.

No acumulado nos 12 meses até abril deste ano, o ICV-Dieese acumula alta de 4,45%, abaixo do acumulado pelo IPCA, índice oficial da inflação do governo, de 4,94% no mesmo período.

Na pauta de reivindicações da Fup, os mesmos porcentuais do acordo deverão reajustar os valores do vale alimentação; a gratificação de campo terrestre de produção; adicional do Estado do Amazonas; a remuneração mínima por nível e regime; os benefícios educacionais e programa jovem universitário; a contribuição de grande risco para a assistência multidisciplinar de saúde e o menor salário-base, para critério de cálculos de benefícios e participações.

A Fup pede ainda que seja mantida a data base em 1º de setembro e que as contribuições sindicais passem a ser descontadas "nos moldes praticados até o fim de 2018", afirmou em carta enviada à Petrobras. A partir deste ano, o governo proibiu o desconto em folha de pagamento das taxas sindicais, que passaram a ser feitas por boletos.

Já a Federação Nacional do Petroleiros (FNP), que reúne 5 sindicatos, pede, além da reposição da inflação, sem especificar índice, o aumento real do salário base; garantia de emprego; garantia de desconto das mensalidades dos associados da FNP no contracheque; e garantia de renovação do ACT; entre outros.

Eletrobras

Os empregados da Eletrobras também voltam à mesa de negociações com a estatal amanhã, às 14h, a quarta rodada para o ajuste do ACT. A empresa informou em abril que a situação financeira a impedia de conceder ajuste salarial, após a segunda rodada de negociações com a categoria, mas se mostrou disposta a continuar negociando.

Os empregados pedem ajuste pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), correspondente a cerca de 4,6%, segundo o presidente da Associação dos Empregados da Eletrobras (Aeel), Emanuel Mendes. Ele lembra que a categoria foi contra o ajuste de 12% proposto na última assembleia da Eletrobras para a diretoria da empresa.

A Eletrobras está implantando uma série de medidas para reduzir seu endividamento, entre elas programas de demissões ou aposentadorias voluntárias. Há cerca de um ano, o presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, tentou aumentar o próprio salário em 46%, para R$ 76 mil, o que foi negado pelo Ministério de Minas e Energia e pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Ajuda na crise

Guedes revela o valor do novo auxílio emergencial e diz que governo pode gastar mais se necessário

Os valores da nova rodada de auxílio emergencial irão de R$ 175 a R$ 375, sendo R$ 250 em média, de acordo com o ministro

apetite chinês

O ano do boi será o ano dos frigoríficos, e o Credit Suisse aponta melhor ação para aproveitar o momento

Peste suína africana nos rebanhos de suínos chineses e demanda por alimentos devem resultar em importação recorde de carne pela China

prepara o bolso

Mais um? Petrobras anuncia novo aumento nos preços do diesel e da gasolina

Diesel vai subir R$ 0,15 por litro e a gasolina será de R$ 0,23 por litro a partir de amanhã nas refinarias da empresa, diz Abicom

Interrompendo o casamento

Movida reforça pedido do Cade para barrar união entre Unidas e Localiza

De acordo com a companhia, isso geraria uma concorrência desleal no setor, com a nova empresa tendo 65% do mercado brasileiro de aluguel e 29% do mercado de frotas

vai mexer

Após polêmica com demissão de Castello Branco, governo indica nomes para o conselho da Petrobras

Cinco membros do colegiado pediram para não serem reconduzidos após interferência de Bolsonaro no comando da estatal

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies