Menu
2019-07-30T09:33:31-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Fintechs avançam

Banco digital N26, o “Nubank alemão”, começa a operar nos EUA

Depois do mercado americano, o N26 pretende trazer sua conta digital para o Brasil e concorrer com Nubank e Banco Inter, mas a data de lançamento ainda não foi definida

11 de julho de 2019
15:13 - atualizado às 9:33
Banco digital N26
Imagem: Divulgação

Enquanto se prepara para entrar no mercado brasileiro, o banco digital N26, espécie de "Nubank alemão", anunciou hoje o lançamento de suas operações nos Estados Unidos.

A versão de testes (beta) do aplicativo do N26 estará inicialmente disponível para os 100 mil clientes que entraram na lista de espera. O lançamento público no mercado americano está previsto para setembro. Para atuar no país, a empresa fechou uma parceria com o Axos Bank.

O N26 foi lançado no início de 2015 e conta hoje com mais de 3,5 milhões de clientes em 24 países. A empresa de tecnologia financeira (fintech) costuma ser comparada com o brasileiro Nubank por contar com um aplicativo intuitivo e que atraiu principalmente usuários jovens, os chamados "millennials".

A entrada nos Estados Unidos faz parte dos planos de expansão anunciados neste ano pelo N26, logo depois de receber um aporte de US$ 160 milhões (R$ 602 milhões, no câmbio de hoje), em uma rodada de investimentos liderada pela chinesa Tencent e pela alemã Allianz.

No total, a fintech já captou mais de US$ 500 milhões de investidores, incluindo a americana Insight Venture Partners e a Valar Ventures, de Peter Thiel, co-fundador do PayPal.

O objetivo de Valentin Stalf, co-fundador e CEO do N26, é ampliar o número de usuários para até 50 milhões nos próximos anos.

Depois do mercado americano, o N26 pretende lançar sua conta digital no Brasil, mas a data ainda não foi definida. A operação local é comandada por Eduardo Prota, que antes atuava na área de inovação da Cielo.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

TECNOLOGIA

Xiaomi supera Apple em venda de celulares

O levantamento também mostra que a Samsung voltou ser a líder global de vendas de smartphones, após perder a liderança do mercado para a também chinesa Huawei, que ficou no topo por um único trimestre.

BOMBOU NO SEU DINHEIRO

Melhores da Semana: O Halloween dos mercados

A segunda onda de coronavírus é um ‘fantasma’ que ronda os mercados desde o início do ano. Muita gente não acreditou. Nesta semana, ele mostrou as caras.

POLÍTICA

Bolsonaro grava para campanhas e aposta em 2º turno em RJ e SP

Presidente busca apoiar aliados para tentar formar base nos grandes colégios eleitorais para sua campanha de reeleição em 2022

responsabilização

JBS aprova em assembleia ação contra irmãos Batista

Processo diz respeito a prejuízos causados por crimes revelados nos acordos de colaboração e leniência firmados pela JBS com a Procuradoria Geral da República

em live

Se necessário, voltaremos a fazer transferência do BC para o Tesouro, diz secretário

Em agosto, CMN já havia autorizado o Banco Central a repassar R$ 325 bilhões para o Tesouro Nacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies