Menu
2019-09-03T14:29:57-03:00
Privatizações em debate

Maia diz que pediu para presidente da Eletrobras conversar com bancadas

Presidente da Câmara debateu a privatização da estatal com o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e com o ministro da Economia, Paulo Guedes

3 de setembro de 2019
14:28 - atualizado às 14:29
Rodrigo Maia
Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que pediu ao presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, conversar com as bancadas do parlamento sobre as necessidades da empresa. Na segunda-feira, 2, ele se reuniu com o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e com o ministro da Economia, Paulo Guedes, para falar sobre o projeto da desestatização da Eletrobras.

"Pedi que o presidente da Eletrobras fizesse essa apresentação às bancadas, para que a gente compreenda onde chegamos hoje com o sistema Eletrobras, o que está tornando inviável um volume maior de investimentos", afirmou Maia.

Questionado se será enviado um projeto novo, ele disse que isso seria necessário perguntar para o governo.

"Precisa compreender que não há nenhum problema nosso em relação à valorização dos funcionários da Eletrobras ou dos servidores do governo federal. O problema é que a cada dia que passa estamos tendo menos recurso para investimento", afirmou Maia nessa terça-feira, 3.

No último dia 21 de agosto, Maia disse que a ideia era montar um projeto que torne viável o investimento privado na estatal, com regulação forte e distribuição de recursos para as regiões atendidas pela companhia.

O governo do ex-presidente Michel Temer enviou um projeto de lei ao Congresso, que não foi votado por causa de pressões de parlamentares das regiões em que a companhia atua.

Segundo o presidente da Câmara, a necessidade de investimentos da Eletrobras atinge cerca de R$ 16 bilhões por ano. Sem esses investimentos, a companhia corre o risco de perder grande parcela da sua participação no mercado.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

50/50

Hapvida antecipa parte de pagamento de dividendos e juros sobre capital próprio

A data para parte do pagamento passou de 30 de dezembro de 2020 para o dia 24 de julho. Os valores pagos representam metade do total anunciado anteriormente.

disputas internas

Smiles atende minoritários e marca assembleia sobre acordo com Gol

Acionistas questionam termos do acordo com a controladora e defendem que houve abuso de poder por parte dos diretores

esquenta dos mercados

IBC-Br e temporada de balanços nos EUA roubam a atenção dos investidores em meio a temor com a covid-19

Números surpreendentes da economia chinesa não foram o suficiente para diluir as preocupações com o avanço do coronavírus e reestabelecimento de medidas de isolamento na califórnia. Com excessão dos índices futuros em Nova York, o sinal predominante no mercado é o de queda

entrevista

‘Queremos ações mais concretas do Brasil’, diz executivo do grupo Nordea

Com ativos de 550 bilhões de euros, um dos 10 maiores da Europa, grupo parou de comprar ativos do governo brasileiro em 2019 por causa do aumento das queimadas na Amazônia.

Insights Assimétricos

Ainda dá para comprar ouro?

Se o ouro performa muito bem em períodos de inflação elevada, ele também performa bem em momento de inflação baixa; veja por quê

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements