Menu
2019-05-29T07:48:51-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Ainda não foi dessa vez

Proposta da Azul por parte da Avianca é rejeitada pela Justiça

Segundo o juiz responsável pela decisão, a Azul não tem legitimidade para invalidar o plano de recuperação aprovado anteriormente

29 de maio de 2019
7:47 - atualizado às 7:48
Avianca – Azul
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock / Estadão Conteúdo

A Azul bem que tentou, mas a sua segunda proposta para aquisição de partes da Avianca Brasil por US$ 145 milhões foi rejeitada pela Justiça. A decisão foi tomada ontem pelo juiz Tiago Henriques Papaterra Limongi, da 1ª. Vara de falência do Estado de São Paulo.

Segundo o juiz, a Azul não tem legitimidade para invalidar o plano de recuperação aprovado anteriormente. No caso, o plano previa o leilão de sete Unidades Produtivas Isoladas (UPIs), cada uma delas com parte das autorizações de pouso e decolagem nos aeroportos. A dívida da Avianca Brasil chega a R$ 2,7 bilhões.

A proposta da Azul foi feita após os leilões das UPIs serem suspensos. Hoje, o plano de recuperação está travado. A Latam e a Gol haviam chegado a um acordo e se comprometido a ficar, cada uma, com uma das UPIs por US$ 70 milhões. A gestora americana Elliot, detentora de 74% da dívida da Avianca havia fechado um acordo com a Latam e a Gol, que se comprometeram a ficar com uma UPI de US$ 70 milhões cada.

Limongi ainda afimou que a proposta da Azul pela Gol dependeria  de um leilão, modelo semelhante ao proposto por Latam e Gol.

No último dia 24 de maio, a Anac anunciou a suspensão das operação da Avianca Brasil, suspendendo todos os voos até que a empresa comprove capacidade operacional para manter as operações com segurança.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Triste marca

Brasil registra mais de 500 mil mortos por covid-19

Em 24 horas foram 2.301 óbitos e 82.288 novos casos. Em nota, Conass ressalta que o Brasil tem 2,7% da população mundial, e é responsável por 12,8% das mortes

Here comes the sun

Energia solar ruma para liderança no País até 2050

O sol será responsável por 32% da geração, ao mesmo tempo em que a participação das hidrelétricas deve cair para cerca de 30%

ESTRADA DO FUTURO

Os três setores mais lucrativos em tecnologia, e por que você deve investir neles

Integração entre softwares e Inteligência Artificial são dois dos segmentos que devem fazer parte de qualquer portfólio de investimentos vencedor

Ano de eleição

Promessas de Bolsonaro estouram “folga” do Orçamento em 2022

A ampliação do Bolsa Família e um eventual aumento de 5% nos salários do funcionalismo público já superam o espaço adicional de R$ 25 bilhões para o próximo ano

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies