Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-04T14:00:48-03:00
Estadão Conteúdo
Na equipe de Guedes

Novo presidente da Caixa “vira o volante” e diz que banco focará em pequenos empréstimos e crédito imobiliário

Pedro Guimarães se mostrou alinhado com Paulo Guedes ao dizer que a Caixa não pode manter o foco em grandes empresas

2 de janeiro de 2019
19:28 - atualizado às 14:00
Caixa Econômica Federal
Novo presidente da Caixa promete novos rumos para o banco - Imagem: Itaci Batista/Estadão Conteúdo

O novo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, disse que o banco passará a ter como foco os pequenos tomadores de empréstimos e ampliará a sua vocação para atuar no crédito imobiliário. Alinhado com o ministro da Economia, Paulo Guedes, ele disse que o banco público não pode continuar a ter uma parte importante de sua carteira destinada para as grandes empresas.

"Concordo 100% com Guedes quando ele fala em desestatizar o crédito. Até que ponto a Caixa pode ter mais de R$ 100 bilhões emprestados para grandes companhias que têm acesso ao crédito privado, inclusive internacional? Nosso foco será nos pequenos", enfatizou.

Guimarães lembrou que a Caixa tem mais de 94 milhões de CPFs - considerando quem recebe benefícios pagos no banco estatal -, mas apontou que 78 milhões desses potenciais clientes não adquirem produtos da instituição. "Vamos aproveitar as vantagens competitivas da Caixa", acrescentou.

O banqueiro ainda fez questão de citar a sua amizade pessoal com o novo presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, para dizer que os bancos atuarão em conjunto e buscarão reduzir custos por meio de parcerias em compras e no desenvolvimento tecnológico.

"A Caixa terá forte atuação no crédito imobiliário e o BB no agrícola. Não sei se já houve um alinhamento de ideias tão grande entre os bancos antes. Não haverá uma competição deletéria entre Caixa e BB, e sim uma atuação complementar", afirmou.

Questionado se isso não poderia gerar preocupações da parte do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), Guimarães respondeu que essa atuação conjunta não acontecerá nas questões mais específicas. "Vamos manter a competição natural, não haverá conluio", completou.

Apesar da sua nomeação já ter sido publicada no Diário Oficial da União, a cerimônia de transferência de cargo acontecerá no Palácio do Planalto na próxima segunda-feira (7), quando Rubem Novaes assumirá o BB e Joaquim Levy o BNDES. "Já faremos anúncios importantes na segunda-feira", prometeu.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Quem dá mais?

A CCR (CCRO3) e o leilão da Dutra: o que está em jogo para a companhia?

A CCR (CCRO3) administra a Dutra desde 1996. Mas, com o novo leilão marcado para essa sexta (26), a empresa pode perder a concessão

ÚLTIMO ADEUS?

De malas prontas para deixar a B3, Banco Inter (BIDI11) reverte prejuízo em lucro líquido de R$ 19,2 milhões no terceiro trimestre

O banco digital também celebrou a marca de 14 milhões de clientes no período, um salto de 94% na comparação com o terceiro trimestre de 2020

Tecnologia em foco

As big techs na balança: veja como foi o trimestre de Google, Microsoft e Twitter

Três das principais big techs americanas reportaram seus balanços nesta noite; veja como se saíram Alphabet/Google, Microsoft e Twitter

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Pressão nos juros, Elon Musk mais rico e o brilho das ações das elétricas

As projeções de bancos e economistas para a alta da Selic não param de subir. É possível ver essa tendência semanalmente no boletim Focus, divulgado toda segunda-feira pelo Banco Central, em relatórios de diversas casas de análise e na curva dos juros futuros — que não param de ser revisados para patamares cada vez mais […]

ACIONISTAS FELIZES

Farra dos dividendos: Santander (SANB11), Klabin (KLBN11) e Porto Seguro (PSSA3) anunciam proventos; banco espanhol vai pagar R$ 3 bilhões aos acionistas

Confira mais detalhes sobre os valores por ação, previsão para o pagamento e a data-limite para entrar na festa de cada uma das três empresas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies