Menu
2019-06-12T11:15:17-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Dinheiro no bolso

Sócios do BTG Pactual vendem R$ 2,2 bilhões em ações do banco em oferta na bolsa

O preço por unit do banco – que representa uma ação ON e duas PNA – foi definido em R$ 46,00. Resultado mostra que a demanda pelas ações foi boa, mas não excepcional

12 de junho de 2019
10:38 - atualizado às 11:15
Tela do aplicativo da plataforma de investimentos do BTG Pactual
Tela do aplicativo da plataforma de investimentos do BTG Pactual - Imagem: Divulgação

Os principais sócios e executivos do BTG Pactual vão embolsar pelo menos R$ 2,208 bilhões com a venda de parte de suas ações em uma oferta de certificados de ações (units) do banco (BPAC11) na bolsa.

O preço por unit do banco - que representa uma ação ON e duas PNA - foi definido em R$ 46,00, 2,7% abaixo da cotação de fechamento de ontem na B3 (R$ 47,29).

O resultado mostra que a demanda pelas ações do BTG foi boa, mas não excepcional. O volume da oferta ainda pode chegar a R$ 2,539 bilhões se forem vendidas as ações suplementares, o que pode acontecer no prazo de até 30 dias. Mas não vai chegar aos R$ 3 bilhões, que seria o valor máximo se a oferta tivesse encontrado demanda para a venda do lote adicional de ações.

A oferta de ações foi anunciada em conjunto com o plano do BTG de criação de uma unidade para cuidar dos negócios digitais. Para tocar a nova área, o banco trouxe para o quadro de sócios Amos Genish, ex-presidente da Vivo.

O BTG também deu alguns passos para melhorar a governança corporativa. Com a oferta, o percentual em circulação de units sobe de 17% para aproximadamente 22,5%. Além de aumentar a liquidez dos papéis, o banco anunciou a adesão ao Nível 2 de governança corporativa da B3, outra demanda do mercado.

A oferta de ações foi liderada pelo próprio BTG Pactual, além dos bancos Morgan Stanley, UBS e Bradesco BBI - sendo que este último atuará também como coordenador adicional, a fim de evitar potenciais conflitos de interesse.

No pregão de hoje, as units do BTG eram negociadas em alta de 1,12%, cotadas a R$ 47,82 por volta das 10h20. Confira também nossa cobertura completa de mercados.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Novidades na B3?

Multilaser e Invest Tech entram na fila de pedidos de IPO

As duas empresas engrossam a lista de ofertas em análises na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que já conta com 28 pedidos

Ainda falta chão...

Reforma administrativa dá mais um passo na Câmara dos Deputados

O relator leu hoje seu parecer pela constitucionalidade da proposta na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ); votação deve ocorrer a partir do dia 20

Novo momento

Fertilizantes Heringer registra prejuízo líquido de R$ 7,46 milhões no 1º tri

Empresa teve melhor Ebitda da história para um primeiro trimestre, mas resultado foi impactado por despesas financeiras

na b3

GetNinjas estreia em queda na bolsa, após IPO com ação abaixo do previsto

Empresa levantou R$ 550 milhões na oferta inicial de ações, com desconto de quase 20% do valor do papel em relação ao preço mínimo da faixa

Diversificando

BTG Pactual lança fundo de investimento 100% em bitcoin

O lançamento vem em linha com a diversificação de ativos oferecidos pelo banco

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies