Menu
2019-12-30T18:38:50-03:00
Marina Gazzoni
Marina Gazzoni
CEO do Seu Dinheiro. É CFP® (Certified Financial Planner). Tem graduação em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e MBA em Informação Econômico-Financeira e Mercado de Capitais no Instituto Educacional BM&FBovespa. Foi Diretora de Conteúdo e editora-chefe do Seu Dinheiro, editora de Economia do G1 e repórter de O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo e do portal IG.
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
MERCADOS

Ibovespa fecha em queda no último pregão do ano, mas acumula alta de 6,85% no mês e 31,58% em 2019

Bolsa abriu em alta, mas virou com cenário negativo em Nova York; dólar fechou sessão em queda de 0,95%, acumulando perda de 5,40% no mês

30 de dezembro de 2019
10:17 - atualizado às 18:38
Selo Mercados FECHAMENTO Ibovespa dólar
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O Ibovespa abriu em alta nesta segunda-feira (30) e caminhava para fechar o ano com chave de ouro. Mas após a abertura de Nova York no vermelho, o índice virou por volta de meio-dia, fechando em queda de 0,76%, aos 115.645,34 pontos. Mesmo assim, o índice terminou o mês com ganho de 6,85%, acumulando uma alta de nada menos que 31,58% em 2019.

Inicialmente, o Ibovespa e os índices futuros americanos reagiram positivamente à notícia da imprensa chinesa de que a fase 1 do acordo entre Estados Unidos e China para acabar com a guerra comercial deve ser assinado ainda nesta semana.

Para a Casa Branca, o acordo deve aumentar a compra de alimentos dos EUA pela China para US$ 40 bilhões ao ano, podendo subir para US$ 50 bilhões.

Em contrapartida, o governo Trump decidiu não impor tarifas sobre US$ 156 bilhões de mercadorias e serviços exportados pelo gigante asiático no último dia 15 de dezembro. Também cortou de 15% para 7,5% a tarifa que recaía sobre outros US$ 120 bilhões em exportações chinesas.

Mas com a abertura das bolsas americanas em queda, o cenário virou. Nesta segunda-feira, o Dow Jones recuou 0,64%, o S&P 500 caiu 0,58% e o Nasdaq fechou em queda de 0,64%. Mesmo assim, os índices americanos fecharam o ano com altas de 24,21%, 30,34% e 36,78%, respectivamente.

Dólar e juros

Em dia de volume de negociações reduzido, o dólar à vista também seguiu a pressão externa e fechou em queda de 0,95%, aos R$ 4,0118. Isso representa uma queda de 5,40% em dezembro, e uma alta de 3,63% em 2019. O dólar PTAX fechou com queda de 0,59%, a R$ 4,0307. No mês, o recuo foi de 4,56% e, no ano, a alta foi de 4,02%.

Os juros futuros acompanharam o dólar e fecharam em queda. O DI com vencimento em janeiro de 2021 caiu de 4,581% para 4,56%; o DI para janeiro de 2023 recuou de 5,852% para 5,79%; e o DI para janeiro de 2027 caiu de 6,841% para 6,76%

As units do Santander Brasil (SANB11) tiveram a maior alta do dia, com valorização de 2,10%. O banco anunciou na última sexta-feira o pagamento de dividendos de R$ 6,79 bilhões e de juros sobre o capital próprio de R$ 1,01 bilhão aos seus acionistas.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Pane no sistema

Aplicativo do Nubank enfrenta instabilidade; banco diz que problema foi resolvido

Segundo o serviço Downdetector, que agrega reclamações de internautas sobre serviços online, o número de notificações de problemas com o Nubank começou a subir a partir das 10h29 desta quinta, chegando a um pico às 11h14

Fusões e aquisições

Modalmais anuncia aquisição de três escritórios e expansão das operações no sul do Brasil

Juntos, eles somam cerca de R$ 2 bilhões sob custódia. São eles: Nova Capital, em Santa Catarina, Valore e Elbrus Capital, ambos do Paraná

Inflação global

Há riscos de inflação global maior e mais persistente, diz diretor do FMI

Segundo ele, a visão do Fundo é que o “salto” recente nas pressões inflacionárias reflete desequilíbrios entre a oferta e a demanda que são temporários, influenciados também por altas nos preços de commodities, ante uma base de comparação “muito fraca” no ano passado

Via rápida

BBM Logística pega um atalho na estrada do IPO e pode captar até R$ 1,6 bilhão

Empresa parananse optou por fazer uma oferta restrita, uma via mais rápida porque dispensa o pedido de registro prévio na CVM

Reforma administrativa

Lira diz ser possível Câmara aprovar reforma administrativa até setembro

Para Lira, o tema deve gerar “discussões acaloradas” porque faz parte da bandeira de alguns partidos da Câmara

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies