Menu
2019-07-25T15:23:09-03:00
Estadão Conteúdo
TERMÔMETRO PARA INVESTIR

BNDES desembolsa R$ 3,711 bilhões em junho, queda de 35,1% ante junho de 2018

No primeiro semestre, o BNDES aprovou R$ 18,689 bilhões em financiamentos. O valor ficou 39% abaixo do registrado no primeiro semestre de 2018, sem descontar a inflação. Com valores deflacionados, a queda ficou em 41,2%

25 de julho de 2019
15:06 - atualizado às 15:23
BNDES
Imagem: Agência Brasil

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) liberou, para empréstimos já aprovados, R$ 3,711 bilhões em junho, uma queda de 35,1% em relação ao mesmo mês de 2018, já descontado o efeito da inflação. Com isso, o banco de fomento fechou o primeiro semestre com desembolsos de R$ 25,153 bilhões, queda nominal de 9,0% ante os seis primeiros meses do ano passado. Quando se desconta a inflação, a queda foi de 12,8%, informou o BNDES.

Os dados sobre aprovações de novos empréstimos indicam que os desembolsos seguirão em queda. No primeiro semestre, o BNDES aprovou R$ 18,689 bilhões em financiamentos. O valor ficou 39% abaixo do registrado no primeiro semestre de 2018, sem descontar a inflação. Com valores deflacionados, a queda ficou em 41,2%.

Já as consultas, primeiro passo do processo de pedido de crédito ao BNDES, somaram R$ 25,733 bilhões nos seis primeiros meses do ano. A queda nominal foi de 49%, mas, quando se desconta a inflação, o tombo chega a 50,7%, conforme tabelas detalhadas divulgadas pelo BNDES. Os valores consultados servem como indicador da demanda por financiamento para investimentos futuros, oferecendo um "termômetro" do apetite dos empresários por investir.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Recorde

Arrecadação tem melhor resultado mensal em 6 anos

O resultado representa um aumento real (descontada a inflação) de 1,97% na comparação com o mesmo mês de 2019

Expandindo horizontes

Todo player olha privatização dos Correios com interesse, diz presidente do Magazine Luiza

Frederico Trajano disse que todas as aquisições recentes da companhia fazem parte de uma estratégia de ecossistema do grupo.

Hortifruti na bolsa

Grupo Fartura, dono do Oba Hortifruti, protocola pedido de IPO

Varejista quer fazer oferta primária e secundária de ações e se listar no Novo Mercado, nível mais alto de governança da bolsa

BDRs mais acessíveis

Investidor considera ter até 25% do patrimônio em ações de empresas estrangeiras, diz pesquisa da XP

Negociação dos BDRs, certificados de ações de empresas listadas em bolsas estrangeiras na B3, será liberada para qualquer investidor a partir de amanhã

Expectativa

Casa Branca mostra otimismo e prevê acordo por estímulo fiscal nas próximas 48h

As negociações entraram, em uma “nova fase” que discute impasses técnicos do pacote ainda em aberto.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies