Menu
2019-03-29T15:33:37-03:00
Estadão Conteúdo
Aviação

Azul e Avianca levarão até um ano para se unir

Para a conclusão do negócio, as empresas ainda precisam superar várias etapas, incluindo a aprovação dos credores da Avianca e das autoridades reguladoras brasileiras

15 de março de 2019
9:14 - atualizado às 15:33
Avianca – Azul
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock / Estadão Conteúdo

A potencial integração entre a Azul e parte das operações da Avianca Brasil, em recuperação judicial, que a empresa de David Neeleman pretende adquirir, deve demorar entre seis meses e um ano após a aprovação do negócio. A estimativa é de John Peter Rodgerson, presidente da Azul. "Gostaria de seis meses para fazer uma 'família Azul', mas a expectativa é de até 12 meses", disse.

Para o negócio ser concluído, as empresas ainda precisam superar várias etapas, incluindo a aprovação dos credores da Avianca e das autoridades reguladoras brasileiras, que é estimado em três meses. Rodgerson minimizou a preocupação de especialistas quanto ao aval a ser dado para o modelo de operação. "O que estamos fazendo é o que outros fizeram, o que a Gol fez com a Varig", afirmou. "Não estou comprando slot (autorização de pousos e decolagens), mas uma empresa que está operando slot."

Ele também confirmou que Azul está disposta a antecipar até US$ 40 milhões para ajudar a Avianca. Ele admitiu que "um pouquinho" de recursos já foi repassado, por intermédio do juiz da recuperação judicial, mas não revelou o total.

Executivos da Azul salientam que a adaptação completa da frota deve levar mais tempo. A companhia estima investimento de US$ 130 milhões na reconfiguração e pintura dos aviões e treinamento de equipes.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Mudanças

BB confirma Ieda Cagni para presidência do Conselho de Administração

Nesta quarta-feira, foi realizada a primeira reunião do novo Conselho do Banco do Brasil. Na ocasião, os membros eleitos na assembleia definiram os ocupantes dos cargos de presidente e vice-presidente do colegiado.

Seu Dinheiro na sua noite

A receita do dr. Copom: +0,75 ponto de Selic na veia

O Copom cumpriu as expectativas e aumentou a Selic ao nível de 3,5%. No entanto, o comunicado trouxe algumas surpresas

Ficou para 31 de maio

Bolsonaro veta novo adiamento de prazo para entrega do Imposto de Renda

O presidente aceitou a recomendação feita pelo Ministério da Economia, que previa um impacto negativo na arrecadação da União e estados com uma nova data

Mudança nos juros

COMPARATIVO: Veja o que mudou no novo comunicado do Copom

Veja o que ficou igual e o que mudou na decisão do Copom a respeito da taxa Selic, elevada ao patamar de 3,5% ao ano

CRYPTO NEWS

O mercado está cheio de bitcoin, mas as prateleiras estão vazias

O fluxo de saída da criptomoeda mais famosa das exchanges é algo inédito deste ciclo e pode representar a falta do ativo nas exchanges de cripto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies