Menu
2019-04-05T10:23:06-03:00
Estadão Conteúdo
Atolada em reclamações

Aneel limita dividendo da Enel Goiás por descumprimento de indicador de qualidade

Enel Goiás atende 3 milhões de unidades consumidoras em 237 municípios do Estado e o serviço de distribuição de energia elétrica prestado pela empresa tem gerado reclamações

14 de fevereiro de 2019
11:06 - atualizado às 10:23
Cabos de energia
Imagem: shutterstock

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta quinta-feira, 14, que decidiu restringir a distribuição de dividendos da Enel Goiás por descumprimento de indicadores de qualidade.

Segundo a agência, a empresa compensou em mais de R$ 126 milhões os consumidores afetados no biênio 2017 e 2018.

A Enel Goiás atende 3 milhões de unidades consumidoras em 237 municípios do Estado e o serviço de distribuição de energia elétrica prestado pela empresa tem gerado reclamações.

Além da Aneel, o assunto também está no radar do Ministério de Minas e Energia (MME).

Ontem, a pasta participou de reunião com o Ministério da Economia, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, para discutir a segurança e a qualidade do serviço entregue pela empresa.

A distribuidora goiana faz parte do grupo de concessões contempladas no Plano de Resultados da Aneel, que prevê ações para reversão das deficiências na qualidade do serviço, com foco nos critérios de continuidade do serviço, investimentos, atendimento comercial e satisfação do consumidor.

De acordo com a agência, o diretor Rodrigo Limp participou ontem de reunião no MME para avaliar a situação da distribuidora. Além disso, a Aneel realizará encontro em Brasília com a presidência do grupo Enel para discutir medidas emergenciais para melhoria da qualidade do serviço prestado.

Hoje, a situação do fornecimento de energia pela Enel Goiás também será tratada em audiência pública na Federação das Indústrias de Goiás, que contará com a participação da diretoria da Aneel.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

PESSIMISMO

Risco fiscal impede Brasil de aproveitar bom momento dos mercados globais

Rogério Xavier, da SPX Capital, e Carlos Woelz, da Kapitalo Investimentos, criticam duramente falta de interesse em controlar contas públicas

Substituição barrada

Investidores de debêntures da Rodovias do Tietê rejeitam venda da empresa para Latache

Venda para fundo foi rejeitada pelos debenturistas da concessionária, que possui pelo menos R$ 1,5 bilhão em dívidas, a maior parte na mão de pequenos investidores

Termômetro da crise

Pedidos de auxílio-desemprego sobem 30 mil na semana nos EUA, a 778 mil

O total de pedidos da semana anterior foi ligeiramente revisado para cima, de 742 mil para 748 mil.

Número se manteve

PIB dos EUA sobe à taxa anualizada de 33,1% na 2ª leitura do 3º tri

A próxima leitura do BEA sobre o PIB americano será divulgada em 22 de dezembro, às 10h30 (de Brasília).

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quarta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies