Menu
2019-06-07T18:57:16-03:00
quem dá mais?

Ambev e Heineken acirram briga com investimentos e energético

Disputa entre as gigantes pelo mercado local ganhou novos episódios nesta semana; ambas anunciaram investimentos para o resto do ano no segmento de cerveja, mas clima de quem dá mais tem a ver com outro elemento

1 de junho de 2019
12:31 - atualizado às 18:57
Lata de cerveja da Skol, da Ambev
Ambev anunciou ontem que irá investir mais de R$ 2 bilhões em 2019 no aumento da produção de cervejas premium e de puro malte, e também a inovações. - Imagem: Shutterstock

A disputa entre Ambev e Heineken pelo mercado local ganhou novos episódios nesta semana, com as duas fabricantes de bebidas anunciando investimentos para o resto do ano no segmento de cerveja. Porém, o que provocou o clima de "quem dá mais" não teve a ver com álcool, mas sim com energético.

Na segunda-feira, a Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) deferiu o pedido de intervenção feito pela Heineken e pela Cervejaria Petrópolis no ato de concentração envolvendo a Ambev e a Red Bull do Brasil. As empresas demonstraram preocupação com o negócio, que consiste na celebração de um contrato de distribuição entre a Red Bull e a Ambev, por meio do qual a última distribuirá ou revenderá bebidas energéticas da Red Bull em determinados pontos de venda do território nacional.

Petrópolis e Heineken entraram como interessados no processo, dizendo-se temerosos de que o negócio possa consistir em práticas anticompetitivas no segmento. Em resposta ao Cade, Ambev e Red Bull apresentaram os dados dos dez principais clientes de energéticos em nível nacional que se enquadram nos pontos de venda contemplados no contrato.

Com o pedido aceito pelo Cade, a superintendência do órgão deu prazo de 15 dias para que a Cervejaria Petrópolis e a Heineken apresentem informações complementares, documentos e pareceres necessários à comprovação de suas alegações.

Na quinta-feira, a Heineken comunicou o aporte de R$ 550 milhões em São Paulo até o fim do ano, dizendo que o investimento faz parte da estratégia de expansão nacional da companhia, que focará na modernização de suas cervejarias em Araraquara, Itu e Jacareí, além de sua micro cervejaria em Campos do Jordão.

Já a Ambev decidiu anunciar ontem que irá investir mais de R$ 2 bilhões em 2019, durante um encontro do presidente da companhia, Bernardo Paiva, com o ministro da Economia, Paulo Guedes. Segundo a empresa, o montante será destinado ao aumento da produção de cervejas premium e de puro malte, e também a inovações.

Com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

seu dinheiro na sua noite

Uma conversa sobre investimentos para o meu pai

O primeiro salário que recebi na vida foi em julho de 1994, mês inaugural do Plano Real. Foi com esse dinheiro que saí pelas lojas do bairro do Gonzaga, em Santos, em busca de um presente para dar no Dia dos Pais. Desde então, esse sempre foi um problema para mim, porque meu pai não […]

Preferência

Oi fecha acordo de exclusividade com Vivo, Claro e Tim para venda de operação móvel, diz jornal

Após fim da exclusividade da Highline, que desistiu de fazer nova oferta, teles brasileiras passam à frente, com oferta de R$ 16,5 bilhões

Mercados hoje

Guerra comercial arrasta o Ibovespa e leva o dólar acima da marca de R$ 5,40

Trump eleva o tom contra a China e Ibovespa encerra a primeira semana de agosto em queda; dólar fecha no nível mais alto desde 30 de junho

primeira-dama

Extratos bancários de Queiroz provam depósitos de 21 cheque a Michelle Bolsonaro

Extratos bancários de Queiroz anexados a investigação sobre suposto esquema de rachadinha revelam 21 depósitos em cheques em nome de Michelle Bolsonaro

de olho na estatal

Petrobras alerta que operações e finanças podem ser afetadas pela covid-19

Estatal destacou especialmente os efeitos na mão de obra e entre seus fornecedores de bens e serviços, como a China

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements