Menu
Ivan Sant’Anna
Seu Mentor de Investimentos
Ivan Sant’Anna
É trader no mercado financeiro e autor da Inversa
2018-10-03T14:33:25-03:00
VIRADA

Filhos de Marx com Coca-Cola

Datafolha confirmou as boas novas que o Ibope reservara na véspera para os seguidores de Jair Bolsonaro.

3 de outubro de 2018
11:52 - atualizado às 14:33
Coca-Cola
Imagem: Shutterstock

Em pesquisa de intenção de votos divulgada ontem à noite, o Datafolha confirmou as boas novas que o Ibope reservara na véspera para os seguidores de Jair Bolsonaro. Não só confirmou como melhorou um pouco a posição do deputado.

Nas estimativas para o primeiro turno, Bolsonaro ganhou mais um ponto. Um pontinho só, mas ganhou. Agora, vence Haddad por 32 a 21, contra os 31 a 21 do Ibope.

Uma coisa ficou clara: a candidatura Geraldo Alckmin jamais decolou de verdade. Nitidamente os marqueteiros do ex-governador de São Paulo tomaram a decisão errada: optaram por bater em Bolsonaro, que estava muito mais à frente, ao invés de concentrar suas baterias em Fernando Haddad (Lula, vale dizer), cujos números eram mais próximos.

Alckmin pagou enorme vexame ao se juntar com o Centrão em busca de tempo na TV e dinheiro do fundo eleitoral. A aliança não lhe serviu de nada.

Outra ótima notícia para Jair Bolsonaro foi ver a rejeição de seu (único) adversário ir subindo: 21, 22, 26, 29, 32, 41. A diferença entre os dois é agora de apenas 4 pontos: 45 a 41, ainda em desfavor de Bolsonaro. Só que essa distância, seis pesquisas atrás, era de 18 pontos.

A explicação para isso é simples: à medida que Fernando Haddad foi sendo identificado como Lula, assumiu também os pecados do condenado de Curitiba. Pecados esses que não são poucos, com enorme destaque para o Mensalão e o Petrolão.

Como se isso não bastasse, veio a público parte da delação premiada de Antonio Palocci, mostrando que a eleição e a reeleição de Dilma Rousseff custaram três vezes mais do que o valor declarado à Justiça Eleitoral.

Quando se pergunta a um eleitor menos esclarecido qual é o nome do candidato de Lula, rola de tudo: Adraike, Radarke, Alade e por aí vai.

Pois bem, Adraike, Radarke ou Alade… Tanto faz, acabaram assumindo os votos e a rejeição de Lula.

Virada no 2º turno

De acordo com o Datafolha, no segundo turno Bolsonaro já vence Haddad por 44 a 42. Assim como vence os demais candidatos, com exceção de Ciro Gomes, que simplesmente não vai estar lá. Antes, o capitão perdia de todos. Lembra?

Um dos erros da campanha de Fernando Haddad foi pôr na linha de frente dos manifestos e protestos do último fim de semana os “artistas intelectuais”. Refiro-me a gente como Chico Buarque, Fernando Morais, Letícia Sabatella, Marieta Severo, Preta Gil, etc.

Não são essas pessoas que elegeram e reelegeram Lula e Dilma. Eles se mantiveram no poder graças aos programas sociais Fome Zero, Minha Casa Minha Vida, PAC e, principalmente, Bolsa Família. A gatunagem não estava no script.

Na definição imortal de Roberto Campos: “é divertidíssima a esquizofrenia de nossos artistas e intelectuais de esquerda: admiram o socialismo de Fidel Castro, mas adoram também três coisas que só o capitalismo sabe – bons cachês em moeda forte, ausência de censura e consumismo burguês. São filhos de Marx numa transa adúltera com a Coca-Cola”.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Que Bolsa é essa?

Crash do Coronavírus: o que fazer com o seu dinheiro?

Epidemia não deve deixar marcas permanentes sobre os negócios de empresas como Itaú, Weg, Vale ou Petrobras, mas o fenômeno é grande e tem potencial para machucar bem o PIB brasileiro no primeiro semestre

Seu Dinheiro na sua noite

O pior pregão desde o ‘Joesley Day’

Se o ano no Brasil só começa mesmo depois do Carnaval, 2020 resolveu chegar logo com uma voadora no peito dos brasileiros. Enquanto nós descansávamos ou curtíamos a folia, os mercados no exterior amargavam fortes perdas diante do agravamento da disseminação do coronavírus fora da China, notadamente na Itália. Pois bem, após a batucada pela […]

Gigante de tecnologia

Microsoft revê projeção trimestral e cita impactos do coronavírus

Empresa de tecnologia vive uma demora maior do que a esperada para a volta ao normal das operações em suas cadeias de suprimento

Caos na bolsa

Pressionado pelo coronavírus, Ibovespa cai 7% e tem o pior pregão desde o Joesley Day

O Ibovespa perdeu quase oito mil pontos nesta quarta-feira, impactado por um forte movimento de correção por causa da disparada de casos do coronavírus fora da China — todas as ações do índice fecharam em queda. Já o dólar à vista subiu a R$ 4,44, cravando mais um recorde nominal de encerramento

Mais uma polêmica

Vídeo de Eduardo Bolsonaro defendendo Orçamento impositivo circula pelo WhasApp

Vídeo mostra a fala do parlamentar no plenário da Câmara, no dia 26 de março do ano passado

Surto mundial

Por coronavírus, Costa Cruzeiros amplia medida de segurança em seus navios; Nestlé aconselha funcionários a não viajarem

Entre as providências está a proibição da entrada de pessoas que tenham viajado para países e regiões afetadas pela doença

FORA DO AR

Investidores da XP relatam problemas para acessar home broker nesta quarta-feira

Ao ser procurada, a assessoria de imprensa informou que “a plataforma apresentou lentidão para alguns clientes no início da tarde desta quarta-feira”

Medida do BC

Moody’s: diminuição de compulsório para depósitos a prazo é positiva

Para a agência, os gigantes do mercado são os mais beneficiados, por deterem 72% de todos os depósitos a prazo no Brasil

CDS no radar

Risco-país do Brasil tem novo dia de alta e vai a 106 pontos

Desde o começo de fevereiro o CDS vinha sendo negociado abaixo dos 100 pontos

CRIPTOMOEDAS

Criptomoedas ainda mantêm um papel limitado como forma de proteção, para analistas do JPMorgan

Apesar da baixa correlação das criptomoedas com ativos tradicionais, analistas do banco acreditam que elas ainda não podem servir como hedge da carteira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu