Menu
2018-12-06T14:06:19-02:00
Estadão Conteúdo
Novo presidente

BNDES nas mãos de Joaquim Levy terá transparência e foco no crescimento

Futuro presidente do banco de fomento afirmou que investir é o primeiro passo para o crescimento e que é preciso ter confiança

6 de dezembro de 2018
14:06
joaquim-levy
Levy diz que trabalhará para tornar os processos do banco bem definidos - Imagem: Jane de Araújo/Agência Senado

O futuro presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Joaquim Levy, afirmou nesta quinta-feira, 6, que o banco de fomento vai trabalhar na mobilização de recursos para a volta do crescimento e, consequentemente, do investimento no País. Segundo ele, o investimento é o primeiro passo para o crescimento e é preciso ter confiança.

Levy disse que tem tido conversas muito próximas com a equipe de transição e nesta quinta participa de reunião com o presidente eleito do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro José Múcio Monteiro.

Múcio Monteiro oferecia um café a jornalistas, quando Levy chegou ao tribunal e acabou sendo convidado para comer um bolo de rolo, doce tradicional de Pernambuco, Estado de origem do presidente eleito do TCU.

Levy disse ainda que irá trabalhar para fortalecer a transparência e o compliance do BNDES. Ele afirmou que os processos têm de ser bem definidos.

Segundo ele, o BNDES já tem uma forma de relacionamento importante com o tribunal de contas e deve fortalecer também esse processo. Levy disse que o atual presidente do BNDES, Dyogo Oliveira, trabalhou para essa aproximação com o tribunal de contas.

Segundo ele, o banco tem uma equipe muito boa e descartou uma paralisação do corpo técnico do BNDES em função das pressões que surgiram para a abertura da chamada "caixa preta" das informações do banco. Levy disse que seu trabalho será dar condições para que o corpo técnico trabalhe com segurança.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Covas ou Boulos?

Como a eleição para prefeito mexe com o investimento em imóveis em São Paulo

Com revisão do Plano Diretor em 2021, investidor de ações de construtoras, fundos imobiliários e imóveis deve ficar de olho no resultado eleitoral. Há risco se Guilherme Boulos ganhar? E se Covas levar, setor pode ser beneficiado?

Dinheiro no bolso

Banco do Brasil anuncia pagamento de R$ 333 milhões em JCP do 4T20

Dessa forma serão pagos no dia 30 de dezembro e terão como base a posição acionária do dia 11 de dezembro de 2020

seu dinheiro na sua noite

Maradona e o rali da bolsa

O baixinho Maradona passa por dois marcadores, toca para o companheiro e depois corre para disputar a bola na área. Ele dá um salto e, de alguma forma, consegue subir mais que o goleiro inglês Peter Shilton para empurrar (literalmente) a bola para as redes. O lance do antológico gol de mão do craque argentino […]

fechamento dos mercados

Ibovespa desacelera com queda de Petrobras, mas fecha acima de 110 mil com Itaú e Vale e sobe 4% na semana

Bolsas americanas fecham para cima, renovando máximas históricas, em sessão mais curta; por aqui, ações de Petrobras reduziram alta perto do fim da sessão, eventualmente virando e fechando em queda, tirando índice acionário local da proximidade do pico intradiário

Urgente

Guilherme Boulos é diagnosticado com Covid-19

As agendas de campanha foram todas suspensas, e a coordenação da campanha vai propor à TV Globo que o último debate, previsto para hoje, seja feito de forma virtual.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies