Menu
2018-10-03T19:55:45+00:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Eleições 2018

Novo Ibope mostra Bolsonaro e Haddad isolados na liderança da corrida presidencial

Candidato do PSL oscilou um ponto para cima e chegou a 32%; petista oscilou dois pontos e foi a 23%. Haddad voltou a liderar no segundo turno e isso pode afetar humor dos mercados

3 de outubro de 2018
19:13 - atualizado às 19:55
haddad-bolsonaro
Bolsonaro e Haddad ampliaram vantagem em relação aos demais candidatos - Imagem: Flickr/Fotos Públicas

O cenário de intenção de voto para presidente é o único assunto que interessa para o mercado nesta semana. E na bateria de levantamentos, o Ibope divulgou novos números para a corrida ao Planalto.

Os resultados mostraram que Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) ampliaram a sua vantagem em relação ao segundo pelotão. O candidato do PSL oscilou um ponto para cima enquanto o petista oscilou dois para cima. A primeira reação do mercado o não foi boa, já que os recibos de ações brasileiras negociadas em Nova York operavam em baixa no "after hours". O iShare MCSI Capped ETF (EWZ) caia cerca de 2%, depois de fechar o pregão regular com alta de 3,2%.

Veja os números completos do Ibope:

Jair Bolsonaro (PSL): 32%
Fernando Haddad (PT): 23%
Ciro Gomes (PDT): 10%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Marina Silva (Rede): 4%
João Amoêdo (Novo): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Alvaro Dias (Podemos): 1%
Cabo Daciolo (Patriota): 1%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Guilherme Boulos (PSOL): 0%
Eymael (DC): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Branco/nulos: 11%
Não sabe/não respondeu: 6%

A pesquisa também trouxe a contagem de votos válidos, descontando os Brancos, Nulos e Indecisos. Esse levantamento confirmou que as chances de Bolsonaro liquidar a disputa já no primeiro turno seguem baixas, embora não se descarte essa possibilidade.

Votos válidos

Jair Bolsonaro (PSL): 38%
Fernando Haddad (PT): 28%
Ciro Gomes (PDT): 12%
Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
Marina Silva (Rede): 4%
João Amoêdo (Novo): 3%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 2%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%

De acordo com o Ibope, o nível de confiança da pesquisa é de 95%. Na prática isso significa que há 95% de chance de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos. Dessa vez foram ouvidos 3.010 eleitores em todo o país entre os dias 1º e 2 de outubro.

Bolsonaro perde espaço no 2º turno

Foram feitas quatro simulações para o segundo turno com os cinco candidatos mais bem posicionados na primeira etapa da disputa.

Em relação ao levantamento anterior do Ibope, Bolsonaro perdeu espaço na disputa com Ciro e Haddad. Na pesquisa de segunda-feira, o candidato do PSL aparecia empatado com o petista e agora aparece dois pontos atrás. Já a vantagem de Ciro aumentou.

Veja os números:

Haddad 43% x 41% Bolsonaro (branco/nulo: 12%; não sabe: 3%)
Ciro 46% x 39% Bolsonaro (branco/nulo: 13%; não sabe: 3%)
Alckmin 41% x 40% Bolsonaro (branco/nulo: 16%; não sabe: 3%)
Bolsonaro 43% x 39% Marina (branco/nulo: 16%; não sabe: 2%)

Rejeições a Haddad e Bolsonaro recuam

Os líderes de rejeição nas eleições viram seus índices de desaprovação recuarem de forma discreta. Bolsonaro agora é rejeitado por 42% da população, enquanto Haddad é rejeitado por 37%.

Confira os números:

Bolsonaro: 42%
Haddad: 37%
Marina: 23%
Alckmin: 17%
Ciro: 16%
Meirelles: 10%
Cabo Daciolo: 9%
Eymael: 8%
Boulos: 8%
Vera: 8%
Alvaro Dias: 8%
Amoêdo: 7%
João Goulart Filho: 6%
Votaria em qualquer um/não rejeita nenhum: 3%
Não sabe: 7%

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

crise do clima

G7 quer ajudar o mais rápido possível nos incêndios da Amazônia, diz Macron

Segundo o presidente da França, “tudo depende dos países da Amazônia”, que compreensivelmente defendem sua soberania

roupa remendada

Tasso terá de dar parecer para 130 emendas à reforma

Cabe ao senador, que deve entregar seu relatório na semana que vem, decidir se acata ou não as sugestões de alterações

economia que patina

País deve andar em passo lento, mesmo com reformas

Destruição provocada pela recessão, com empresas indo à falência e milhões de trabalhadores saindo do mercado, forma cenário adverso para o Brasil

seu dinheiro no domingo

Rota do Bilhão: 9 semelhanças dos 10 mais ricos do mundo

Apesar de histórias de vida e negócios diferentes, há pontos em comum entre os maiores bilionários do mundo – são pistas do que pode ter feito a diferença

clima tenso

Europeus se dividem sobre risco ao Mercosul

Decisão do presidente francês, Emmanuel Macron, de obstruir um acordo comercial entre a União Europeia e o grupo Mercosul divide opiniões entre líderes mundiais

no g7

Acordo comercial com os EUA não será fácil, diz primeiro-ministro britânico

Boris Johnson citou carnes bovina e de cordeiro, travesseiros e fitas métricas como alguns dos produtos britânicos que têm entrada dificultada nos mercados dos EUA

um unicórnio entre os jovens

Tiktok: o app que faz sucesso entre a geração Z e fez da sua dona a startup mais valiosa do mundo

ByteDance é considerada a startup com o maior valor de mercado do mundo – são US$ 75 bilhões; estratégia se divide em diversas frentes, incluindo um app que ganha cada vez mais força entre jovens nascidos em meados dos anos 90 para cá

guerra comercial não para

Trump ameaça usar autoridade de emergência contra a China

Anúncio chinês de elevar as tarifas sobre US$ 75 bilhões em importações norte-americanas deixou o presidente dos EUA enfurecido

analisando a conjuntura

Recuperação esperada da economia global não aconteceu, diz presidente do Banco da Inglaterra

Mark Carney falou logo depois que o presidente Trump anunciou que estava endurecendo as tarifas sobre as importações chinesas

vem mais mudanças por aí?

Equipe econômica estuda atrelar remuneração da poupança à inflação

Após criar crédito imobiliário corrigido pelo IPCA, governo quer dissociar a rentabilidade da caderneta da Selic, para que a poupança acompanhe os indicadores usados nos empréstimos para a compra da casa própria

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements