Menu
PUBLICAÇÕES SOBRE
Mansueto Almeida
Publicações
fala, secretário

‘Não é preciso privatizar por privatizar’, diz Mansueto

Secretário do Tesouro diz que pergunta chave é se o serviço consegue fazer seu trabalho de forma adequada; ele afirma que é muito claro que os países entrarão em recessão

expectativa para as contas

Déficit primário pode chegar perto de 8% do PIB, diz Mansueto

Secretário do Tesouro disse que o teto de gastos está mantido e que o plano de consolidação fiscal será retomado no ano que vem

Sobre projeto de socorro

Mansueto diz não esperar ‘nenhuma bomba fiscal’ do Congresso

O secretário do Tesouro Nacional defendeu que todos tenham compromisso com o teto de gastos, que limita o avanço das despesas à inflação

fala, secretário

É hora de tomar risco e fazer coisas para dinheiro chegar na ponta, diz Mansueto

De acordo com o secretário do Tesouro, o dinheiro não chegou ao BNDES ainda porque se perdeu tempo discutindo os termos do acordo

de olho na nova crise

Meta fiscal pode ser mudada, diz secretário do Tesouro

Segundo Mansueto, mudança será feita caso seja preciso mais recursos para a Saúde por conta do coronavírus

PETRÓLEO

Choque do petróleo é monitorado e não é hora de mexer em teto de gasto, diz Mansueto

“Se o efeito da crise for muito de curto prazo, investimento público não adianta”, disse o secretário. “Não faz sentido mexer no teto agora”, disse o secretário

O guardião do cofre

Mansueto Almeida vira o “bombeiro” do ajuste fiscal no governo

Secretário do Tesouro assa boa parte do tempo tentando apagar incêndios dentro e fora do governo a cada tentativa de aumento de gasto, subsídios e incentivos fiscais

OLHO NO RATING

Mansueto evita dizer que agências de rating estão atrasadas, mas cita indicadores

Ele lembrou que a única agência que divulgou relatório mais recentemente foi a Fitch, que trabalhava com déficit nominal de 7% do PIB e déficit primário de 1,9%.

olho nas contas

Governo alerta Congresso sobre controle das despesas

Secretário do Tesouro Nacional disse que diminuiu o esforço necessário para colocar a dívida do País em trajetória de queda, mas isso não é sinal verde para abandonar as medidas de austeridade

de olho na agenda do governo

Não há alternativa para desonerar folha na reforma tributária, diz secretário do Tesouro

Imposto sobre transações financeiras, que ficou conhecido como uma nova CPMF, acabou sendo descartado, após o Congresso e o próprio presidente Jair Bolsonaro demonstrarem que reprovam a ideia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies