Menu
2019-02-08T10:56:54+00:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Vídeo

Como a guerra comercial entre EUA e China pode mexer com os seus investimentos

As disputas comerciais entre Estados Unidos e China vêm abalando os mercados globais. Neste vídeo, eu explico por que isso acontece e te conto como esse conflito pode mexer com o seu bolso

18 de dezembro de 2018
15:26 - atualizado às 10:56

A guerra comercial entre Estados Unidos e China é um dos vários fatores que vêm abalando os mercados globais e elevando a aversão a risco no mundo. Muito se fala sobre a disputa no noticiário econômico. Mas e para você, investidor pessoa física, que diferença faz esse duelo de gigantes?

Muito do que afeta os investimentos, tanto em renda fixa quanto na bolsa, não tem assim uma relação tão direta com o mercado financeiro.

Investidores podem reagir a questões políticas, macroeconômicas e sociais que possam influenciar os preços dos ativos e indicadores como juros e inflação. Mas para a pessoa física, nem sempre essa relação fica clara.

No vídeo a seguir, eu explico em linhas gerais em que consiste a guerra comercial entre EUA e China, de que maneira ela afeta os mercados e como ela pode influenciar os seus investimentos.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Risco de rompimento

Vale realiza obras para conter lama da barragem de Cocais

Deslizamento na mina de Gongo Soco pode provocar abalo sísmico suficiente para provocar o rompimento da barragem

Negociações

Samuel Moreira quer apresentar relatório sobre reforma da Previdência em 15 dias

Rodrigo Maia sinalizou ao governo que vai encampar a proposta final do relator

Não é só na Educação...

Bloqueio de verba foi superior a 40% em 300 projetos

O governo federal congelou todo o Orçamento previsto neste ano para políticas em áreas sensíveis; cerca de 140 projetos estão com 100% dos recursos bloqueados, a maioria na área de infraestrutura

Seu Dinheiro no Domingo

A semana do tsunami

Semana foi pródiga em eventos com elevado poder de destruição e terminou com uma enigmática mensagem distribuída por Bolsonaro

Relações exteriores

Governo vê pouca chance de entrada do Brasil na OCDE

No encontro da OCDE de maio, os representantes dos EUA informaram que não “tinham instrução” sobre a chegada de novos membros

Dois anos de Joesley Day

Os bastidores da relação dos donos da JBS com o poder

No livro “Why not”, a jornalista Raquel Landim fala sobre a trajetória da gigante das carnes

Caso Queiroz

Justiça determina acesso a notas fiscais de Flávio Bolsonaro

Medida consiste em ampliação de quebra de sigilo bancário; Receita terá que encaminhar ao MP do Rio as notas de bens e serviços adquiridos pelo senador entre 2007 e 2008

Para além da lagosta e do vinho

Em cenário de cortes, STF prevê mais gastos

Entre os gastos previstos, estimados em R$ 29,5 milhões, estão a compra de veículos blindados, a troca de aparelho de telefone fixo, a reforma no gabinete da presidência do tribunal, além de refeições com lagosta e vinho

Congresso

‘Não haverá nova proposta da Previdência’, diz líder do governo na Câmara

Após conversa com o relator da reforma na Comissão Especial, Samuel Moreira, Major Vitor Hugo disse não acreditar que os deputados enviem uma proposta própria, mas sim um substitutivo para facilitar mudanças no texto atual

QUE BOLSA É ESSA?

O gigante Itaú, definitivamente, não está adormecido

O retorno sobre patrimônio líquido anualizado (ROE, da sigla em inglês) ficou em 23,6% – nada mau para um gigante que vem sendo atacado por todos os lados… Mas boa parte das fintechs moderninhas ainda não gera resultado, quanto mais caixa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu