🔴 5 MOEDAS PARA MULTIPLICAR SEU INVESTIMENTO EM ATÉ 400X – VEJA COMO ACESSAR LISTA

Camille Lima
Camille Lima
Repórter no Seu Dinheiro. Estudante de Jornalismo na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Já passou pela redação do TradeMap.
CORRIDA DAS BIG TECHS

Nvidia surfa sucesso da inteligência artificial e ultrapassa Amazon em valor de mercado

A fabricante de chips está avaliada em US$ 1,785 trilhão, tornando-se a quinta empresa mais valiosa do mundo

Camille Lima
Camille Lima
13 de fevereiro de 2024
17:02
Nvidia nvdc34 inteligência artificial
Nvidia - Imagem: Reprodução

A corrida das gigantes da tecnologia segue a todo o vapor nos mercados financeiros, e o sucesso da inteligência artificial acaba de impulsionar uma big tech ainda mais para perto da linha de chegada. A Nvidia conseguiu destronar a Amazon e se tornar a quinta empresa mais valiosa do mundo nesta terça-feira (13).

Atualmente, a fabricante de chips está avaliada em US$ 1,785 trilhão — equivalente a R$ 8,84 trilhões, nas cotações atuais —, enquanto a empresa de Jeff Bezos atingiu um valor de mercado de US$ 1,751 trilhão (R$ 8,67 trilhões) devido à derrocada das ações em Wall Street.

A aposta na forte demanda por inteligência artificial fez as ações da Nvidia dispararem recentemente, tornando-a a ação com melhor desempenho entre as chamadas “Sete Magníficas”, com uma valorização de 235% nos últimos 12 meses.

O marco foi alcançado rapidamente durante o pregão da última segunda-feira (12), mas acabou revertido no final do dia.

Desse modo, trata-se da primeira vez em que a Nvidia vale mais do que a Amazon desde abril de 2002, quando ambas as empresas ainda sofriam com o estouro da bolha das pontocom.

Na época, a Nvidia possuía um valor de mercado de cerca de US$ 6 bilhões, contra uma  avaliação de US$ 5,5 bilhões da Amazon. De lá para cá, as duas companhias viram os preços de suas ações dispararem mais de 24.000% nos mercados norte-americanos.

Além da Nvidia, confira a lista das outras 9 empresas mais valiosas do mundo: 

PosiçãoEmpresaValor de mercadoPreço da AçãoVariação (%)
1MicrosoftUS$ 3,013 trilhõesUS$ 405,54-2,34
2AppleUS$ 2,846 trilhõesUS$ 184,35-1,50
3Saudi AramcoUS$ 2,049 trilhõesUS$ 8,47+2,75
4Alphabet (Google)US$ 1,807 trilhãoUS$ 146,02-1,82
5NVIDIAUS$ 1,785 trilhãoUS$ 722,68+0,03
6AmazonUS$ 1,751 trilhão168,61-2,16
7Meta Platforms (Facebook)US$ 1,181 trilhãoUS$ 463,40-1,17
8Berkshire HathawayUS$ 851,08 milhõesUS$ 392,79-1,24
9Eli LillyUS$ 702,85 milhõesUS$ 740,38+0,42
10TSMCUS$ 658,72 milhõesUS$ 127,01-2,64

*Fonte: CompaniesMaketCap às 16h40 de 13/02/2024.

As expectativas do mercado

Os investidores aguardam a divulgação do balanço financeiro da Nvidia referente ao quarto trimestre de 2023, marcada para 21 de fevereiro, para entender se a fabricante de chips conseguirá manter o ritmo acelerado de crescimento. 

Vale destacar que, agora, os parâmetros estão elevados para a companhia agradar o mercado. Isso porque a empresa reportou uma sequência de resultados melhores do que o esperado no ano passado, com lucro e receita recordes no terceiro trimestre de 2023

Por sua vez, a Amazon divulgou os números do quarto trimestre na semana passada, com um lucro líquido de US$ 10,62 bilhões entre outubro e dezembro, acima das expectativas dos analistas.

A expectativa do Bank of America é que as ações da Nvidia continuem em trajetória de alta. No começo de fevereiro, os analistas elevaram o preço-alvo das ações para US$ 800, com projeção de lucro por ação de longo prazo de US$ 80, se tudo der certo para a empresa, afirma o banco. 

É importante destacar que a Nvidia é uma das companhias que estão no fogo cruzado dos Estados Unidos e da China. 

Recentemente, os EUA afirmaram que iriam “restringir significativamente” as exportações de semicondutores — chamados genericamente de “chips” — de inteligência artificial (IA), um segmento cuja produção é dominada pela China.

Na época, isso afetou os papéis de empresas do setor, como a Nvidia, Intel, AMD e a TSMC. 

*Com informações de Business Insider e Bloomberg.

Compartilhe

UNIÃO DA MODA

Fusão da moda: Arezzo (ARZZ3) e Grupo Soma (SOMA3) acertam termos e condições para incorporação que criará gigante do varejo

19 de maio de 2024 - 9:03

De acordo com as informações mais recentes dos respectivos balanços, as empresas, juntas, faturam algo em torno de R$ 12,765 bilhões

CRISE NA ESTATAL

Justiça nega pedido por assembleia na Petrobras (PETR4) que atrasaria posse de Magda Chambriard

18 de maio de 2024 - 17:02

Em sua reclamação na Justiça, o deputado do Novo alega que, eventualmente reconhecida a queda do CA em efeito dominó após a saída de Prates

QUASE 10 ANOS DEPOIS

Vale (VALE3), BHP e Samarco fazem nova proposta de R$ 127 bilhões para compensar tragédia em Mariana, mas acordo não deve evoluir agora

18 de maio de 2024 - 14:44

Valor de R$ 127 bilhões oferecido na última proposta, do final de abril, foi mantido, mas as empresas retomariam agora obrigações que tinham ficado de fora

SUBIU, DESCEU

Volta da febre das “meme stocks”: GameStop cai quase 20% em um único pregão, mas fecha semana com ganhos de 23%

18 de maio de 2024 - 13:26

Também pressionaram os papéis da mais famosa “ação meme” a divulgação de dados trimestrais preliminares da empresa

Dá o play!

Óleo no chope da bolsa: como ficam seus investimentos após mais uma intervenção na Petrobras (PETR4)

18 de maio de 2024 - 11:00

O podcast Touros e Ursos recebeu Karina Choi, sócia da Cordier Investimentos, para comentar os possíveis impactos da decisão do presidente Lula de demitir Jean Paul Prates da presidência da estatal

DISPUTA JUDICIAL

Justiça de SP suspende embargo das obras do principal projeto da JHSF (JHSF3) após mais de um mês de paralisação

18 de maio de 2024 - 9:12

O relator do documento é Ruy Alberto Leme Cavalheiro, da 1ª Câmara Reservada ao Meio Ambiente

HORA DE VENDER?

Rumo: por que o Goldman Sachs calcula um potencial de ganho menor para as ações RAIL3

17 de maio de 2024 - 16:19

O banco norte-americano reduziu o preço-alvo dos papéis de R$ 27 para R$ 24,50 — o que representa um potencial de valorização de 16,5% com relação ao último fechamento

CHAMA O VAR

Com mais de R$ 395 milhões em dívidas, Polishop pede recuperação judicial, mas bancões tentam reter valores

17 de maio de 2024 - 15:09

Além da recuperação judicial, a Polishop vem tentando se blindar dos credores financeiros por meio de cautela tutelar

COMPRAR OU VENDER?

A Positivo pode mais? As ações POSI3 já subiram 50% este ano e esse banco gringo conta para você se há espaço para mais

17 de maio de 2024 - 13:46

Os papéis da empresa sobem cerca de 5% nesta sexta-feira (17), embalados pela nova recomendação do UBS BB; confira se chegou o momento de colocar ou tirar esses ativos da carteira

INVESTIMENTOS

Seguro mais seguro: por que o JP Morgan elevou recomendação para IRB Re (IRBR3) mesmo com catástrofe no RS?

17 de maio de 2024 - 11:07

Nas contas do banco norte-americano, o IRB é a companhia de seguros mais exposta ao RS, podendo ter um impacto de 15% a até 30% nos lucros até o fim de 2024

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar