🔴 AS BIG TECHS ESTÃO ‘SUGANDO’ DINHEIRO DA BOLSA BRASILEIRA? – VEJA COMO SE PROTEGER

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
O RETORNO DO MESSIAS

Bolsonaro fala ao Wall Street Journal e dá mais pistas sobre data da volta ao Brasil; veja os planos dele

Na primeira entrevista a um jornal desde que foi para os EUA, o ex-presidente também comenta sobre possível prisão, o encontro entre Lula e Biden e sobre a invasão de Brasília

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
15 de fevereiro de 2023
16:15 - atualizado às 15:19
Jair Bolsonaro
O ex-presidente Jair Bolsonaro - Imagem: Flickr/Palácio do Planalto

A cada dia que passa o mistério em torno da volta de Jair Bolsonaro ao Brasil vai se desfazendo. Em entrevista ao Wall Street Journal, o ex-presidente falou sobre seus planos e sinalizou que sua chegada está cada vez mais próxima.

Segundo Bolsonaro, ele retorna ao país em março para fazer oposição ao governo de Luiz Inácio Lula da Silva e também cuidar da sua defesa no caso dos ataques aos três poderes em Brasília, em 8 de janeiro. 

"A direita não está morta no Brasil e vai ressurgir", disse Bolsonaro em sua primeira entrevista desde que deixou o país em direção à Flórida, onde está desde 30 de dezembro do ano passado. 

O ex-presidente conta que a ideia é trabalhar em conjunto com aliados no Congresso e nos governos locais para lutar contra políticas como legalização do aborto, controle de armas e outras medidas que defendeu enquanto era presidente. 

Bolsonaro baixa o tom das críticas

Embora tenha dito que fará oposição ao governo Lula e defenderá as medidas nas quais acredita, na entrevista, Bolsonaro baixou o tom das críticas, especialmente às eleições. 

"A derrota faz parte do processo eleitoral. Não estou dizendo que houve fraude, mas o processo foi enviesado", afirmou. 

Na entrevista, Bolsonaro disse ainda que ficou surpreso com a derrota nas eleições de outubro do ano passado, já que seu partido mostrou força tanto nas eleições estaduais como nas do Congresso. 

"As pessoas estavam comigo, o agronegócio estava comigo assim como a maioria dos evangélicos. A indústria estava comigo e o setor de armas também", afirmou. 

Mesmo com a derrota para Lula, o ex-presidente diz que se vê como um líder popular da direita e que não há ninguém como ele ocupando esse posto no Brasil atualmente. 

Ele disse que deve apoiar candidatos conservadores em mais de 5 mil cidades e municípios nas eleições do ano que vem. 

  • O Seu Dinheiro acaba de liberar um treinamento exclusivo e completamente gratuito para todos os leitores que buscam receber pagamentos recorrentes de empresas da Bolsa. [LIBERE SEU ACESSO AQUI]

A invasão de Brasília

Bolsonaro está sendo investigado por incitação aos atos terroristas de 8 de janeiro em Brasília. Questionado sobre esse assunto, o ex-presidente preferiu não comentar planos ou estratégias de defesa. 

"Eu não estava lá e eles querem colocar a culpa em mim", disse ele, afirmando que está ciente que uma “ordem de prisão pode vir a qualquer momento”. 

Na ocasião, Bolsonaro fez um post no Twitter condenando a violência e negou que a invasão foi articulada para tirar Lula do poder. 

"Golpe? Que Golpe? Onde estava o comandante? Onde estavam os soldados e as bombas", questionou. 

Bolsonaro fala de Lula e Biden

Lula esteve na semana passada em Washington para se encontrar com o presidente dos EUA, Joe Biden. Na ocasião, ambos reforçaram a defesa da democracia e trataram de temas como o meio ambiente. 

Bolsonaro comentou sobre o encontro, minimizando a importância. “Lula esteve nos EUA com Biden só para chamar atenção”, disse.

Um porta-voz de Lula disse ao Wall Street Journal que a visita serviu para reforçar as relações bilaterais entre o Brasil e os EUA em várias áreas. 

“Em seu primeiro mês de governo, Lula se encontrou com mais líderes internacionais do que Bolsonaro em seu mandato todo”, afirmou o porta-voz de Lula.

Compartilhe

PEC das Praias

Inconstitucional. É o que diz juiz do RN sobre taxa para terreno de marinha

11 de junho de 2024 - 16:04

Para o juiz, demarcação dos terrenos de marinha leva em conta informações do Brasil Imperial

GOVERNABILIDADE

Governo de Lula em perigo? Como a crise com o Congresso colocou a gestão do petista em situação “de risco”

10 de junho de 2024 - 18:02

Segundo levantamento, o I-Gov de Lula chegou ao pior patamar registrado ao longo do mandato, atingindo 40,4% em maio

DURANTE VIAGEM A PEQUIM

“O Brasil é a China dos Trópicos”: por que Alckmin usou uma frase criada há 65 anos para descrever a relação entre os dois países

7 de junho de 2024 - 16:33

Em visita a Pequim, o vice-presidente recorreu a uma frase criada pelo sociólogo Gilberto Freire para falar sobre o momento de parceria estratégica com a China

UM DRIBLE NO JABUTI

Vai ou não vai ter taxação das comprinhas da Shein, Shopee e AliExpress? Entenda de uma vez por todas o “jabuti” que será (ou não) votado no Senado hoje

5 de junho de 2024 - 10:27

O projeto de taxar as varejistas estrangeiras uniu parlamentares da oposição e da situação, que pedem uma alíquota de 20% sobre as compras feitas no exterior

ELEIÇÕES 2024

Com apoio de Lula, João Campos lidera intenções de voto no Recife; veja quem é o candidato de Bolsonaro na capital pernambucana

2 de junho de 2024 - 9:00

Além de Bolsonaro, Campos vai enfrentar candidatos apoiados pela governadora Raquel Lyra na disputa pela reeleição na prefeitura do Recife

ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Quem é o melhor padrinho político na eleição para prefeitura de São Paulo? Eleitores de Lula e Bolsonaro reeditam disputa com Boulos e Nunes

1 de junho de 2024 - 16:47

Porém, o levantamento ainda indica que, seja quem for, o apoio dos protagonistas do pleito de 2022 não será capaz de transferir nem metade dos votos aos candidatos apoiados

COM A PALAVRA

Quem irá suceder a presidência na Câmara? Vice-presidente Alckmin elenca 4 “ótimos nomes” — e fala sobre eleições de 2026

1 de junho de 2024 - 14:12

A eleição acontecerá em fevereiro de 2025; como Lira já está em seu 2º mandato, não poderá concorrer novamente

BLUSINHAS MAIS CARAS

Foi pouco? Executivo diz que redução de 25% para 20% na taxação de compras internacionais em lojas como Shein, Shopee e AliExpress foi “diminuição injusta”

1 de junho de 2024 - 9:33

Apesar de diferente do ideal para os varejistas locais, a mudança ainda é favorável a eles, já que qualquer outro caminho seria mais vagaroso

COM A PALAVRA

Tarcísio copiou Haddad? Ministro afirma que ajuste fiscal do governo paulista é inspirado em plano da Fazenda

31 de maio de 2024 - 13:01

O ex-prefeito de São Paulo ainda disse que o trabalho de corte de gastos é contínuo

REVÉS NA CÂMARA

Congresso reedita disputa entre Lula e Bolsonaro e provoca derrota ao governo ao votar vetos presidenciais

29 de maio de 2024 - 11:12

Entre os reveses sofridos pelo Planalto estão a derrubada dos vetos presidenciais à “saidinha” de presos do regime semiaberto e vetos à LDO

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar