🔴 HERANÇA EM VIDA? NOVO EPISÓDIO DE A DINHEIRISTA! VEJA AQUI

Camille Lima
Camille Lima
Repórter no Seu Dinheiro. Estudante de Jornalismo na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Já passou pela redação do TradeMap.
SUCESSO NOS TELÕES

Titanic alcança bilheteria surpreendente na volta aos cinemas, mas Avatar 2 segue na disputa

Em apenas sete dias, o filme de James Cameron arrecadou US$ 9,73 milhões em bilheteria global, segundo dados do Box Office Mojo

Camille Lima
Camille Lima
17 de fevereiro de 2023
11:15 - atualizado às 10:05
Avatar 2, "Avatar: O Caminho da Água" e "Titanic', de James Cameron
Os filmes "Avatar: O Caminho da Água" e "Titanic", dirigidos por James Cameron - Imagem: Divulgação/Reprodução/Montagem Brenda Silva

O filme “Titanic” completa uma semana de volta aos cinemas com uma bilheteria surpreendente, que mais parece a de uma produção recém-lançada. Em apenas sete dias, o longa-metragem arrecadou US$ 30,3 milhões em bilheteria mundial, enquanto a sequência de Avatar arrecadou cerca de US$ 41 milhões na 9ª semana em cartaz.

O filme sobre o transatlântico foi o terceiro mais assistido nos cinemas dos Estados Unidos na semana passada, com arrecadação de US$ 9,73 milhões entre os dias 10 e 16 de fevereiro.

A produção ficou atrás de "Magic Mike's Last Dance", com US$ 11,87 milhões em bilheteria doméstica, e de "Avatar: O Caminho da Água", com US$ 10,39 milhões.

Além de celebrar os 25 anos desde a estreia nos cinemas, o relançamento de Titanic ainda impede o avanço de “Avatar: O Caminho da Água” no ranking de maiores arrecadações da história do cinema global.

A sequência de Avatar vinha disputando com Titanic o posto de terceira maior bilheteria mundial, mas vem perdendo fôlego semana a semana — como é de se esperar, já que o filme ambientado em Pandora já passou dos dois meses em cartaz nas salas de cinema e deve chegar à plataforma de streaming Disney+ em breve.

Enquanto isso, o histórico transatlântico segue conquistando o coração do público uma outra vez com o romance entre Rose e Jack, em uma versão remasterizada em 3D e 4K. Com o relançamento, a produção arrecadou US$ 2,225 bilhões nas bilheterias ao redor do planeta, segundo dados do Box Office Mojo.

Com mais de 3 horas de filme, Titanic defende a 3ª posição na lista de maiores sucessos nos cinemas, atrás apenas do primeiro “Avatar”, lançado em 2009 e detentor da coroa de maior bilheteria da história, com um faturamento de US$ 2,923 bilhões, e de “Vingadores: Ultimato”, que arrecadou US$ 2,799 bilhões desde a estreia, em 2019.

Já o novo filme da franquia Avatar permanece no quarto lugar do ranking de bilheteria global, com uma arrecadação de US$ 2,217 bilhões desde a estreia, em meados de dezembro do ano passado.

O topo da lista de maiores sucessos do cinema é pouco diverso. Afinal, das quatro maiores arrecadações, apenas uma produção, “Vingadores: Ultimato”, não foi dirigida por James Cameron

Confira o ranking atualizado das maiores bilheterias da história:

RankingNomeBilheteria global (US$)Bilheteria nos EUA (US$)Ano de lançamento
AvatarUS$ 2.923.706.026US$ 785.221.6492009
Vingadores: UltimatoUS$ 2.799.439.100US$ 858.373.0002019
TitanicUS$ 2.225.024.478US$ 669.096.6971997
Avatar: O Caminho da ÁguaUS$ 2.217.479.262US$ 650.432.4272022
Star Wars – Episódio VII: O Despertar da ForçaUS$ 2.071.310.218US$ 936.662.2252015
Vingadores: Guerra InfinitaUS$ 2.052.415.039US$ 678.815.4822018
Homem-Aranha: Sem Volta para CasaUS$ 1.921.847.111US$ 814.115.0702021
Jurassic WorldUS$ 1.671.537.444US$ 653.406.6252015
O Rei LeãoUS$ 1.663.075.401US$ 543.638.0432019
10ºOs VingadoresUS$ 1.520.538.536US$ 623.357.9102012
Fonte: Box Office Mojo/The Numbers

James Cameron e Titanic

Titanic representou um marco importante na carreira de James Cameron: o longa-metragem foi um dos primeiros filmes produzidos pelo diretor depois de abrir sua própria produtora, a Lightstorm Entertainment, em 1990. 

Cameron passou três anos escrevendo, produzindo e filmando o filme, que conta a história de dois jovens de classes sociais diferentes — vividos por Leonardo diCaprio e Kate Winslet — que se encontraram no transatlântico que naufragou em sua primeira viagem, em 1912, e vitimizou mais de 1500 pessoas. 

Financiado pelos gigantes estúdios Paramount Pictures e 20th Century Fox, Cameron aceitou três condições para o filme: um orçamento de produção de US$ 110 milhões, lançamento em 4 de julho de 1997 e duração máxima de três horas. 

É possível dizer que o diretor simplesmente descartou todas as imposições dos estúdios: ao contrário do que a Fox mandou, o filme na realidade estreou em 19 de dezembro, com 3h14 de duração e um orçamento extremamente estourado.

  • O SEGREDO DOS MILIONÁRIOS: as pessoas mais ricas do Brasil não hesitam em comprar ações boas pagadoras de dividendos. Veja como fazer o mesmo neste treinamento exclusivo que o Seu Dinheiro está liberado para todos os leitores. 

Titanic e Avatar

Na época do lançamento, o longa-metragem ganhou a coroa de produção mais cara já feita na história, com o custo astronômico de US$ 200 milhões — isto é, quase o dobro do orçamento limite imposto pela Fox. 

Até hoje, Titanic foi desbancado da posição de “filme mais caro do cinema” várias vezes por outras produções, inclusive por “Avatar: O Caminho da Água”, que custou algo entre US$ 350 milhões e US$ 450 milhões à Disney.

O filme sobre o naufrágio foi considerado revolucionário do ponto de vista técnico na época da estreia. Titanic foi indicado 14 vezes ao Oscar e garantiu onze estatuetas, incluindo as de melhor filme e de diretor para Cameron. 

Apaixonado pelo mundo submarino, Cameron chegou a mergulhar para gravar cenas no verdadeiro navio, a cerca de 4 mil metros de profundidade. Além das cenas submersas no Titanic, o diretor decidiu construir uma réplica à embarcação que naufragou, o que custou aproximadamente US$ 7,5 milhões.

Durante 12 anos, o filme conquistou a maior bilheteria da história — isto é, até a estreia de Avatar em 2009, que revolucionou o ranking por completo e mantém a coroa de maior sucesso dos cinemas até hoje.

O primeiro filme da franquia ambientado em Pandora foi indicado 9 vezes ao Oscar e levou para casa 3 estatuetas douradas. Enquanto isso, “O Caminho da Água” concorre a quatro categorias na premiação deste ano.

Compartilhe

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar