IPCA + 7,5%: receba esta e outras ofertas ‘premium’ de renda fixa no WhatsApp; clique aqui

Cotações por TradingView
2023-01-17T19:01:00-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Chuva de petróleo

Petrobras (PETR4) acerta o alvo e cumpre metas de produção de óleo e gás em 2022; saiba mais

A Petrobras fechou o ano passado com uma produção de 2,684 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed)

17 de janeiro de 2023
18:54 - atualizado às 19:01

Com a virada de ano, muitas mudanças estão no horizonte para a Petrobras (PETR4), com destaque para a troca no comando da companhia: sai Caio Paes de Andrade, entra Jean Paul Prates — e o mercado anda receoso quanto às implicações dessa mudança. Mas, no que depende apenas da estatal, os sinais emitidos têm sido positivos.

Há pouco, a companhia divulgou seus dados de produção em 2022. E, conforme sinalizado ao mercado ainda em janeiro do ano passado, cumpriu com todas as metas operacionais, com destaque para as métricas de produção.

Ao todo, foram produzidos 2,684 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), número que ficou acima da meta de 2,6 milhões de boed. Ainda assim, o resultado final de 2022 ficou dentro da margem de erro divulgada pela Petrobras, que era de 4%, para mais ou para menos — os dados consolidados ficaram 3,2% acima do previsto.

Situação semelhante é vista em outras métricas de produção, como a comercial, que totalizou 2,3 milhões de boed, 2,7% acima da meta, de 2,3 milhões. A produção de óleo foi de 2,154 milhões de barris por dia (bpd), 2,6% maior que a estimativa, de 2,1 milhões — ambas também tinham uma faixa de 4%, para mais ou para menos.

  • Não perca dinheiro em 2023: o Seu Dinheiro conversou com os principais especialistas do mercado financeiro e reuniu neste material as melhores oportunidades de investimentos em ações, BDRs, fundos imobiliários e muito mais. ACESSE AQUI GRATUITAMENTE

Petrobras (PETR4): novas plataformas

A Petrobras (PETR4) viu duas novas plataformas entrarem na fase operacional ao longo do ano passado: o FPSO Guanabara — uma espécie de navio usado para a exploração, armazenamento e escoamento de petróleo e gás natural —, primeira unidade definitiva do campo de Mero, no pré-sal da bacia de Santos (SP), começou a funcionar em abril.

Em dezembro, foi a vez da P-71 iniciar suas operações no campo de Itaipu, no pré-sal da bacia de Campos (RJ) — originalmente, essa plataforma começaria a funcionar apenas em 2023.

Além disso, a Petrobras também informa que, ao longo do ano passado, foi alcançada a capacidade máxima de produção de óleo das plataformas P-68, nos campos de Berbigão e Sururu, e do FPSO Carioca, no campo de Sépia — todas as instalações estão no pré-sal da bacia de Santos.

No caso do FPSO Carioca, foi atingido um novo recorde mensal de produção de uma plataforma do pré-sal: em novembro, foram 174 mil bps. Outro recorde foi registrado na plataforma P-70, em que um único poço produziu 56,5 mil bpd, também em novembro.

"Os recordes demonstram excelente desempenho operacional em ativos de classe mundial em águas profundas e ultraprofundas, onde a Petrobras detém conhecimento técnico reconhecido internacionalmente", diz a estatal, em comunicado.

Renovação da bacia de Campos

Outro destaque operacional da Petrobras (PETR4) no ano diz respeito à renovação da bacia de Campos, com a entrada em operação de 10 novos poços produtores e quatro poços injetores, o que amplia o potencial de produção da área em 94 mil bpd.

"Estes resultados reforçam o compromisso da Petrobras com os investidores e a Sociedade Brasileira e só foram possíveis graças ao esforço de toda a cadeia do segmento de exploração e produção e pela gestão ativa da carteira de projetos da Petrobras", diz a empresa.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

LOTERIAS

Lotofácil e Quina acumulam; Mega-Sena pode pagar R$ 115 milhões hoje

1 de fevereiro de 2023 - 6:01

Mega-Sena está acumulada desde o sorteio da virada; Lotofácil e Quina também oferecem prêmios milionários nesta quarta-feira

maus ventos

O Brasil vai acabar? Inflação pode deixar de responder ao BC se Lula conseguir mudar meta, dizem gestores

31 de janeiro de 2023 - 21:24

Rodrigo Azevedo, da Ibiuna, e Felipe Guerra, da Legacy, estão com visão pessimista para o Brasil

DIA 31

Está confirmado: Lula vai para os EUA no dia 10 de fevereiro — veja o que ele vai discutir com Biden

31 de janeiro de 2023 - 20:06

Enquanto o encontro não chega, o petista tentou acalmar os ânimos dos investidores — que seguem desconfiados em relação à responsabilidade fiscal do novo governo

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa sobe em meio ao caos de um interminável janeiro; o que afeta a bolsa nos próximos dias?

31 de janeiro de 2023 - 18:57

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta terça-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

MELHORES DO MÊS

Renascimento cripto: bitcoin (BTC) volta a brilhar, sobe mais de 30% e é disparado o melhor investimento de janeiro; títulos do Tesouro ficam na lanterna

31 de janeiro de 2023 - 18:46

As medalhas de prata e bronze foram para o ouro e para o Ibovespa, em um movimento de busca por segurança — e barganhas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies