ESQUEÇA BITCOIN: outra criptomoeda de R$ 4 pode valer R$ 80 em breve; conheça aqui

Rodolfo Amstalden
Exile on Wall Street
Rodolfo Amstalden
Sócio-fundador da Empiricus e autor do Programa de Riqueza Permanente
Cotações por TradingView
2023-01-25T19:41:10-03:00
EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Estamos ansiosos para mudar de assunto

Nos últimos 12 meses, debatemos apenas política e fiscal. Quando podemos voltar a falar de empresas, a Americanas vira tema dominante

25 de janeiro de 2023
19:41
Lupa destaca site da Americanas.com em tela de computador
Tela do site da Americanas.com - Imagem: Shutterstock

Fazia um bom tempo que não falávamos de empresas.

Passamos os últimos doze meses debatendo política e rombos fiscais, tanto no pré quanto no pós eleições.

Para o investidor de Bolsa, isso costuma ser um mau sinal - assim como, para o torcedor, é um mau sinal quando o juiz, o bandeirinha ou o cartola roubam o protagonismo que cabe aos jogadores e, eventualmente, ao técnico.

Mas veja só que azar: justo quando estávamos prontos para voltar a falar de empresas, fomos obrigados a falar da empresa errada, pelo motivo errado.

Poderíamos começar o ano abrindo a pauta sobre mais uma rodada de resultados resilientes de Itaú (ITUB4), Banco do Brasil (BBAS3) e BTG Pactual (BPAC11), imprimindo RSPLs consistentemente acima de 20%, faça chuva ou faça sol.

Poderíamos nos impressionar (mais uma vez) com a capacidade infinita de Arezzo (ARZZ3) e Weg (WEGE3) superarem consenso, ou com os múltiplos relativamente baratos (para um high quality) de Equatorial (EQTL3) e Localiza (RENT3).

Com alguma sorte, poderíamos até mesmo congratular Jean Paul Prates por deixar a Petrobras (PETR4) gerar caixa em paz, para o bem de todos e felicidade geral da nação…

Todavia, acabamos calados pela recuperação judicial da Americanas (AMER3), permeada por graves indícios de fraude, que seguem sob investigação.

Americanas arranha imagem do mercado

Ou seja, vamos passar um bom tempo ainda dominados por esse assunto incômodo, que não só destrói a marca da empresa e mancha a sonhática reputação do 3G (reversão à média?), como também atrapalha a própria imagem do mercado de capitais.

Porque não foram só os detentores de AMER3 que perderam dinheiro.

Ocorreu, na verdade, uma socialização das perdas, respingando - em maior ou menor grau - sobre acionistas e cotistas a graus de separação do epicentro do problema.

A percepção sistêmica de risco aumentou, e não vai se normalizar tão cedo.

Felizmente, a máxima talebiana da antifragilidade nos faz lembrar que as dores sistêmicas são sempre curadas, em detrimento das falências intrínsecas.

A cada ano, vários restaurantes quebram, alguns sobrevivem e - como resultado geral - estamos comendo e bebendo muito melhor do que 30 anos atrás.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

NÃO FOI DESTA VEZ

Mega-Sena acumula de novo e prêmio vai a R$ 160 milhões; veja como aumentar suas chances de ganhar

5 de fevereiro de 2023 - 10:43

Mega-Sena está acumulada desde o sorteio da virada, próxima chance de virar um milionário será na quarta-feira (8)

FUTURO PLANEJADO

Quanto investir para garantir uma renda igual ao teto do INSS no Tesouro RendA+, o título do Tesouro Direto para aposentadoria

5 de fevereiro de 2023 - 9:38

Quanto mais tempo você puder esperar para começar a receber a renda, menos precisará investir. Confira duas simulações no Tesouro RendA+

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: ata do Copom, dados de atividade e balanços de bancos são destaque na semana

5 de fevereiro de 2023 - 8:11

A ata da última decisão do Copom vai dar novas pistas quanto à trajetória da Selic. Lá fora, a agenda econômica estará mais vazia

DE OLHO NAS REDES

Mark Zuckerberg criou uma ‘arma’ que pode ser letal para o seu bolso: descubra como escapar dessa armadilha

5 de fevereiro de 2023 - 7:00

Álvaro de Campos — um dos heterônimos de Fernando Pessoa — nunca usou o Instagram, mas o Poema em Linha Reta é perfeitamente capaz de descrever o sentimento de passar alguns minutos (ou horas) rolando o feed da rede social.  Nunca conheci ninguém que tivesse levado porrada Todos os meus conhecidos têm sido campeões em […]

DIAGNÓSTICO

Brasil tem grande potencial de expansão em bens domésticos, diz CEO da Magazine Luiza (MGLU3)

4 de fevereiro de 2023 - 16:34

Luiza Trajano, do Magazine Luiza (MGLU3), falou durante o Brazil Conference, em Lisboa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies