🔴 NOVA META: RENDA EXTRA DE ATÉ R$ 2.000,00 POR DIA – VEJA COMO

Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
DESTAQUES DA BOLSA

Por que as ações das elétricas sobem em bloco nesta sexta-feira na B3 e sustentam o Ibovespa

A Energisa (ENGI11) lidera os ganhos do setor com alta acima de 6%; o IEEX, índice que reúne os papéis do segmento de energia, sobe quase 3%

Liliane de Lima
23 de junho de 2023
16:50 - atualizado às 16:43
Torres de transmissão de energia auren aure3 taesa taee11 dividendos setor elétrico

Em dia de tom negativo em todo o mundo, uma luz se acendeu. As ações das companhias elétricas sobem em bloco nesta sexta-feira (23) no Ibovespa, e sustentam o principal índice da B3 nesta sexta-feira. 

A Energisa (ENGI11), por exemplo, lidera os ganhos do setor com alta de 6,49%, a R$ 48,49, por volta das 16h40 (horário de Brasília).  O IEEX, índice que reúne os papéis do segmento de energia, sobe quase 3%. Confira a cotação das principais companhias do setor: 

CÓDIGONOMEULTVAR
ENGI11Energisa unitsR$ 48,576,49%
CPFE3CPFL Energia ONR$ 33,666,12%
ENEV3Eneva ONR$ 12,365,46%
EQTL3Equatorial ONR$ 31,505,00%
CPLE6Copel PNR$ 8,054,82%
CMIG4Cemig PNR$ 12,933,52%
Fonte: B3

Os papéis das companhias elétricas, em linhas gerais, são considerados ativos mais conservadores e que pagam bons dividendos — o que explica parte do desempenho positivo em dia de queda e mau humor nos mercados. 

Mas especificamente nesta sexta-feira (23) a explicação é outra: a abertura de consulta pública sobre a proposta de renovação das concessões de distribuição de energia, com vencimentos entre 2023 e 2025. 

A consulta foi anunciada ontem (22) pelo Ministério de Minas e Energia (MME), após o órgão definir algumas diretrizes para o setor elétrico (Nota técnica 14/2023). 

Entre as medidas, a pesquisa deve discutir: 

  • Regras sobre indenização por concessões não renovadas; 
  • Critérios mínimos para os pedidos de renovação da concessão; 
  • Metodologias de captura de potenciais excedentes econômicos das operações; e 
  • Capex social.

Além disso, a renovação dos contratos exigiria “contrapartidas sociais”, que envolveriam ações de eficiência energética, como melhorias nos sistemas de iluminação de prédios públicos e a instalação de usinas solares fotovoltaicas para consumidores de baixa renda, em áreas consideradas vulneráveis. 

Outra inovação disposta na nota técnica do MME é a mudança do IGP-M para o IPCA como índice de referência nos processos de revisão tarifária. 

VEJA TAMBÉM - Faria Lima em 'choque'? O banco central assustou os mercados. E agora, quando a Selic vai cair?

Na visão da Ativa Investimentos, a reação positiva observada nos papéis das companhias elétricas, nesta sexta-feira (23), acontece “em função da constatação de que não haverá medidas mais restritivas, como uma forte necessidade de desembolso de caixa para o pagamento de eventuais renovações”. 

Já o Itaú BBA destaca que “ainda é um longo caminho até que os termos finais sejam publicados e, portanto, vemos espaço para mudanças significativas à medida que o debate avança”.

O banco mantém a Equatorial (EQTL3) como 'top pick' do setor. 

Com a conclusão da consulta pública e a consequente aprovação do Tribunal de Contas da União (TCU) e da Casa Civil, o decreto final sobre a renovação das concessões deve ser publicado entre o final de outubro e início de novembro, segundo expectativas do Itaú BBA. 

Compartilhe

PINGANDO NA CONTA

Dona da bolsa, B3 (B3SA3) mira ETFs pagadores de dividendos em nova versão do índice IDIV

21 de maio de 2024 - 15:36

Nova forma de cálculo do IDIV B3 permite que índice esteja atrelado a ETFs que repassam pagamentos de proventos aos cotistas

DESTAQUE DA BOLSA

Segredo revelado: Yduqs (YDUQ3) apresenta projeções para os próximos cinco anos e ações sobem mais de 11% na B3

21 de maio de 2024 - 13:05

Há uma semana, a companhia educacional reportou os resultados do primeiro trimestre e nada mais

GIGANTE DOS FIIs

Maxi Renda (MXRF11) quer captar até R$ 1 bilhão na bolsa e convoca assembleia para votar nova emissão de cotas; veja como participar

21 de maio de 2024 - 11:48

Se aprovada, essa será a décima emissão da carteira do FII e deve ser destinada a investidores em geral

OUTONO NÃO CHEGOU?

Altas temperaturas pegam a Lojas Renner (LREN3) desprevenida e provocam revisão para baixo pela XP

21 de maio de 2024 - 10:37

Os analistas destacam que as ações da varejista estão descontadas em relação aos níveis históricos, mas ainda não é hora de comprar os papéis

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa tenta sustentar os 127 mil pontos com fraqueza de NY; dólar sobe e opera acima de R$ 5,10

21 de maio de 2024 - 7:21

RESUMO DO DIA: O Ibovespa tenta recuperar as perdas da sessão anterior, mas a fraqueza de Nova York e da agenda local limita o avanço. Por aqui, os investidores reagem à notícia de que o comitê de pessoas do conselho de administração da Petrobras vai analisar a indicação de Magda Chambriard à presidência da estatal […]

DANÇA DAS CADEIRAS

Exclusivo: Verde Asset reformula área de ações com a saída de três profissionais; Stuhlberger vai decidir risco no dia a dia

21 de maio de 2024 - 7:20

A reestruturação do time de ações acontece em um período turbulento para a indústria de fundos; fundo Verde perde para o CDI nos últimos 12 meses

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Com pressão de Vale, Ibovespa começa a semana em queda; dólar sobe a R$ 5,10

20 de maio de 2024 - 17:20

RESUMO DO DIA: O principal índice da bolsa brasileira entrou na penúltima semana de maio de olho no retrovisor. Isso porque os desdobramentos da saída de Jean Paul Prates da presidência da Petrobras (PETR4) seguiram sendo o foco dos investidores locais. O Ibovespa terminou o dia com baixa de 0,31%, aos 127.750 pontos. Já o […]

INVESTIMENTOS

À procura de dividendos? Itaú Asset lança ETF que distribui renda para investidores 

20 de maio de 2024 - 15:14

Sob o código DIVD11, o fundo do Itaú começa a ser negociado em 11 de junho e com referência ao Índice de Dividendos da B3, o IDIV

QUEM CONTROLA O CONTROLADOR

Em vitória dos minoritários, Braskem (BRKM5) sobe forte na B3 após Novonor ser condenada a pagar indenização bilionária à companhia

20 de maio de 2024 - 11:23

Controladora da Braskem, Novonor foi condenada a indenizar a petroquímica em cerca de R$ 5,5 bilhões em processo aberto por acionistas minoritários

REVISÃO

Santander reduz projeção do Ibovespa para 145 mil pontos e muda carteira para enfrentar turbulência; veja as ações favoritas dos analistas

20 de maio de 2024 - 10:59

Mesmo com a redução da projeção em 15 mil pontos, o banco espera crescimento do Ibovespa em 13% neste ano e um retorno de 15% de lucro por ação

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar