A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-07-08T16:59:29-03:00
Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
A PASSOS DO IPO

Contra a maré: Creditas capta US$ 50 milhões e anuncia novas aquisições

A Creditas já recebeu mais de US$ 829 milhões em investimento e se tornou um unicórnio em dezembro de 2020; a fintech recebeu o maior aporte entre startups no primeiro semestre deste ano

8 de julho de 2022
16:59
creditas
Imagem: Divulgação/Creditas

Enquanto a maioria dos unicórnios estão em crise, a Creditas tem navegado sobre as ondas da alta de juros e da inflação global

A fintech anunciou, nesta sexta-feira (8), uma extensão de US$ 50 milhões (R$ 264,4 milhões) da sua rodada de investimentos Série F — que foi realizada em janeiro e liderada pela Fidelity — totalizando um aporte de US$ 310 milhões (R$ 1,6 bilhão). 

Com o novo investimento, a Creditas se torna a fintech com a maior captação do primeiro semestre deste ano, ultrapassando a fintech Neon, que recebeu um aporte de US$ 300 milhões na sua rodada Série D. 

Fundada em 2012, a fintech tem escritórios em São Paulo (SP), Barueri (SP), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Valência (Espanha) e Cidade do México (México). 

Por fim, a Creditas é avaliada em US$ 4,8 bilhões. 

Novas aquisições da Creditas

Com a extensão de US$ 50 milhões na rodada Série F, a Creditas anunciou duas novas aquisições: o Banco Andbank e a startup Kzas, de financiamento imobiliário. 

O Andbank é europeu, tendo sido fundado em Andorra. Com a aquisição da licença bancária, o unicórnio brasileiro quer diversificar as fontes de financiamento e aumentar a carteira de crédito. 

Segundo a Creditas, o banco continuará operando o negócio de gestão de patrimônio e ativos privados de forma separada. 

“Trabalharemos junto ao time do Andbank para inovar em nossos fundos do mercado de capitais, incluindo FIIs, FIDCs e CRIs”, afirma Sergio Furio, fundador e CEO da fintech, em comunicado. 

O valor da transação não foi divulgado, mas ainda deve passar pelo crivo do Banco Central do Brasil, do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e da Autoritat Financera Andorrana (AFA). 

Além disso, a Creditas vai acelerar a Voltz Motors, uma fabricante de motocicletas elétricas, que faz parte da fintech desde 2021. Até o momento, mais de R$ 150 milhões foram investidos.

Veja também — A inflação está soluçando controle? | O futuro da Selic

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

BALANÇO

Inter (INBR31) reverte prejuízo em lucro de R$ 15,5 milhões no segundo trimestre; confira os números

15 de agosto de 2022 - 21:01

No semestre encerrado em 30 de junho de 2022, o Inter superou a marca de 20 milhões de clientes, que equivale a 22% de crescimento no período

BALANÇO DA HOLDING

Lucro líquido da Itaúsa (ITSA4) recua 12,5% no segundo trimestre, mas holding anuncia JCP adicional; confira os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 19:52

A Itaúsa (ITSA4) esperou até o último dia da temporada de balanços para revelar os números do segundo trimestre. E a paciência dos investidores não foi recompensanda: a companhia lucrou R$ 3 bilhões, uma queda de 12,5% na comparação com o mesmo período do ano passado. O retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) sobre o […]

BALANÇO

Resultado da Méliuz (CASH3) piora e empresa de cashback registra prejuízo líquido de R$ 28,2 milhões no segundo trimestre

15 de agosto de 2022 - 19:07

Os papéis da Méliuz amargam perdas de 87% no ano, mas entraram no mês de agosto em tom mais positivo, com ganho mensal de 7%

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Magazine Luiza (MGLU3) dá a volta por cima, XP vai às compras e futuro do ethereum; confira os destaques do dia

15 de agosto de 2022 - 18:52

Há pouco mais de dois meses, quando conversei com diversos analistas e gestores de mercado sobre as expectativas para o segundo semestre, poucos foram aqueles que apostaram nos setores de grande exposição à economia doméstica como boas alternativas para a segunda metade do ano.  Não que empresas ex-queridinhas como Magazine Luiza (MGLU3), Via (VIIA3) e […]

ACIONISTAS FELIZES

Dividendos: Itaúsa (ITSA4) pagará JCP adicional e data de corte é nesta semana; veja como receber

15 de agosto de 2022 - 18:47

Vale lembrar que, após a data de corte, as ações serão negociadas “ex-direitos” e passarão por um ajuste na cotação referente aos proventos já alocados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies