O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-27T14:43:32-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
RAIO-X NA CRIPTO

Solana (SOL): De queridinha do mercado à queda de quase 50%; o que está por trás do ‘apagão’ da blockchain da criptomoeda?

A rede vem sofrendo diversos ataques hackers, o que fez as transações ficarem tão lentas a ponto dos investidores acharem que a blockchain estava fora do ar

24 de janeiro de 2022
13:58 - atualizado às 14:43
Solana (SOL) de criptomoeda promissora a queda de mais de 40%
Solana (SOL) de criptomoeda promissora a queda de mais de 40%. Imagem: Shutterstock

A recente queda do mercado de criptomoedas já retirou cerca de US$ 1 trilhão dos ativos digitais nos últimos três meses. O bitcoin (BTC)caiu mais de 50% desde as máximas históricas em US$ 68 mil. 

Não é de se estranhar que o mau humor tenha atingido mais fortemente as altcoins, as moedas alternativas ao bitcoin. Elas costumam ser mais baratas, mas a volatilidade do mercado atinge essa categoria de criptomoedas com mais força. 

É o caso da Solana (SOL), um dos projetos mais promissores para 2022 e uma das maiores apostas do mercado. Desde as máximas históricas, a criptomoeda já caiu 66,80%

Hoje, o recuo é na casa dos 12%, com a oitava maior criptomoeda do mundo cotada a US$ 85,87 (R$ 471,14), e a desvalorização é de 49,4% em janeiro

Solana fora do ar

Não bastasse a queda de todo o mercado cripto, desde a semana passada a blockchain da solana vem enfrentando instabilidade nas transações. Em determinados momentos, a rede chegou a ficar muito lenta devido a uma sobrecarga de acessos, de acordo com os desenvolvedores. 

Na última sexta-feira (22), a conta oficial da Solana Foundation, companhia por trás do desenvolvimento da criptomoeda, lançou um relatório e comunicou os usuários por meio do Twitter sobre a instabilidade.

Ataque hacker?

O grupo afirma que a rede está sobrecarregada devido à complexidade das transações e ao número de usuários, que cresceu exponencialmente no último ano. 

Por outro lado, alguns analistas acreditam que houve um ataque do tipo negação de serviço distribuída (DDoS, em inglês), quando hackers aumentam o fluxo de entrada na rede de maneira artificial para derrubarem sites e sistemas de segurança.

“Esse tipo de ataque é muito comum, principalmente na rede da solana, que não tem um sistema de taxas variáveis”, comenta o diretor de Research da Mercurius Crypto, Orlando Teles.

A blockchain do ethereum possui o sistema de cobrança variável: quanto mais usuários em rede, mais caro é para fazer uma transação. Ou seja, um ataque maciço da rede exigiria muito mais dinheiro do que na solana, por exemplo.

Um outro analista da Mercurius chamado Igor Costa também fez uma thread no Twitter explicando os principais pontos do “apagão” da solana

Antes de continuar, gostaria de te convidar para seguir a nossa página no Instagram (basta clicar aqui). Lá, entregamos aos leitores análises de mercado, notícias relevantes para o seu patrimônio, oportunidades de compra na bolsa, insights sobre carreira, empreendedorismo e muito mais. Veja o post abaixo:

Solana muito pop

Os analistas do mercado já olham há alguns anos para a SOL. Neste mês, a rede voltou a registrar US$ 1 bilhão em volume de negociação dos certificados digitais, os NFTs

As taxas da rede SOL são muito menores e as transações mais rápidas do que as do ethereum (ETH), a primeira e principal criptomoeda do mundo a usar os NFTs.

Além disso, no ano passado, a criptomoeda chegou a disparar 11.179,50% e permanece como um dos projetos mais promissores. 

“Eu acredito que esse é um problema da arquitetura da solana, que deve ser resolvido no médio prazo”, afirma Orlando Teles. 

Contudo, a paciência dos investidores está próxima do fim. Essa não é a primeira vez que a rede sofre um ataque desse tipo e, mesmo que o corpo de desenvolvedores esteja em busca de uma resolução para este problema, ainda há muito a ser feito. 

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

INTERNET DO MUSK

O que faz a Starlink, empresa que trouxe Elon Musk ao Brasil e que deve operar na Amazônia

A empresa de Elon Musk, Starlink, promete internet ultrarrápida e deve começar as suas operações ainda neste ano; Anatel já deu aval

FECHAMENTO DO DIA

Escapou do urso: S&P 500 consegue fechar no azul em recuperação dramática; saiba o que aconteceu com as bolsas nos EUA

Dois fatores são centrais para entender o comportamento do S&P 500, do Nasdaq e do Dow Jones nas últimas semanas; entenda

FECHAMENTO DO CÂMBIO

Dólar recua 0,87% e vale R$ 4,87. Euro também cai e vale R$ 5,13; confira o que movimentou o câmbio nesta sexta-feira

Apesar do predomínio de um certo humor pessimista pelo mundo, o real conseguiu ter mais um dia de ganhos em relação ao dólar

VISÃO MACRO

Por que o mercado exagera ao temer uma recessão nos Estados Unidos e na China

Os sinais de uma possível recessão nas grandes economias, como EUA e China, e o aumento de um pessimismo generalizado parecem ter tomado conta dos mercados

CHAPÉU NA RECEITA

Criador da Terra (LUNA), criptomoeda que virou pó, deve cerca de US$ 78 milhões ao governo da Coreia do Sul e Terraform Labs deixa investidores com prejuízo de US$ 1,1 milhão

As acusações acontecem em meio a uma reformulação do protocolo, que pretende pagar os usuários que perderam dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies