A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-07-12T14:29:32-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
LONGE DO FIM

Há um mês fora do ar, Celsius começa a pagar credores, mas está longe de quitar sua dívida; relembre como caso abalou criptomoedas

Em maio deste ano, a Celsius possuía cerca de US$ 11,8 bilhões em ativos e mais de 1,7 milhão de usuários

12 de julho de 2022
14:29
Celsius, plataforma de staking, segue com negociações de criptomoedas suspensas
Celsius, plataforma de staking, segue com negociações de criptomoedas suspensas. Imagem: Shutterstock

Um mês já se passou desde que a Celsius, plataforma de lending e staking em criptomoedas, suspendeu os saques e depósitos em seu ecossistema e aprofundou a crise do mercado. 

As boas notícias começaram a vir nesta segunda-feira (12): a plataforma começou a pagar seus credores desde a última sexta-feira (08), o que já começa a aliviar um pouco mais o mercado. Mas nem tudo são flores: a dívida milionária continua alta e está longe de ser quitada. 

Quem a Celsius pagou e quem falta pagar

De acordo com dados disponíveis na Etherscan, a Celsius já pagou:

  • Cerca de US$ 78,1 milhões para a plataforma Aave em USD Coin (USDC);
  • Cerca de US$ 35 milhões para a plataforma Compound em DAI (DAI); 
  • Cerca de US$ 300 milhões à MakerDAO.

No entanto, ainda existe uma dívida de cerca de US$ 120 milhões para diversas plataformas que realizam lending e staking de criptomoedas.

Enquanto a Celsius segue tentando acertar as contas com seus credores, os investidores que colocaram seu dinheiro para receber os “retornos de até 18%” — como afirma o site da plataforma — continuam sem acesso a suas criptomoedas. 

Como a Celsius chegou até aqui? Com as criptomoedas dos clientes

Um relatório publicado no fim de semana pela Arkham Intelligence revelou que a Celsius teria usado os fundos de seus clientes para executar “estratégias de negociação de criptomoedas alavancadas de alto risco” por meio de um gerenciador de ativos terceirizado.

A publicação dá conta de um montante de US$ 534 milhões usados para essas estratégias de alto risco. 

Ainda, a análise indica que essas estratégias resultaram em perdas no valor aproximado de US$ 350 milhões. O relatório levou em conta levantamentos feitos pela empresa de tecnologia e análise Chainalysis, respeitada no universo das criptomoedas. 

Celsius fora do ar: relembre o caso

A plataforma alega que tudo começou com o fim do protocolo Terra (LUNA). Aqui vai um pequeno resumo da história: 

  • A saída desses recursos gerou um pânico no mercado, e as cotações das moedas digitais foram penalizadas. Os investidores passaram a se desfazer de suas criptomoedas e isso afetou diversas plataformas que davam liquidez ao mercado;
  • O caso mais emblemático foi o da plataforma de lending e staking Celsius, que congelou os tokens (criptomoedas) dos investidores; 
  • Na sequência, o fundo hedge relacionado ao universo das criptomoedas mais bem-sucedido até então, o Three Arrows Capital (3AC), deu um calote na corretora Voyager Digital.

Quem está ajudando a plataforma a se reestruturar é o escritório de advocacia Akin Gump Strauss Hauer & Feld LLP.  Essa mesma empresa auxiliou a Voyager Digital com seu pedido de falência na semana passada.

Mas, de acordo com uma reportagem do The Wall Street Journal, os advogados que cuidam do caso foram substituídos, sem maiores informações sobre a troca. 

Em maio deste ano, a Celsius possuía cerca de US$ 11,8 bilhões em ativos e mais de 1,7 milhão de usuários. Não se sabe ao certo como ficou o balanço da empresa após o decreto de falência. 

*Com informações da Arcane Research, The Block e The Block Research, Decrypt, Wall Street Journal e Etherscan

Papo Cripto #022 — Bitcoin ‘abaixo do preço’?

Aperte o play e não deixe de conferir o último Papo Cripto com José Arthur Ribeiro, CEO da corretora de criptomoedas Coinext.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sente pressão do Fed e recua na semana, enquanto ethereum (ETH) sustenta alta impulsionada pela “The Merge”; entenda

18 de agosto de 2022 - 20:25

O ethereum (ETH) vence a letargia do mercado hoje ainda impulsionado pela The Merge, atualização que, segundo analista, foi enfim “descoberta” pelo mercado

ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro aparece no retrovisor de Lula, mas petista ainda pode levar no primeiro turno, segundo Datafolha

18 de agosto de 2022 - 20:00

Essa é a primeira pesquisa de intenção de voto divulgada após o início oficial da campanha presidencial, que começou há dois dias

REBATEU FAKE NEWS

“Estou meio acostumada a tomar paulada”: Luiza Trajano fala sobre política, empreendedorismo e os desafios do Magalu (MGLU3)

18 de agosto de 2022 - 19:13

A empresária rebateu alguns dos principais boatos que envolvem o seu nome e comentou as perspectivas do varejo no TAG Summit 2022

MAIS UM PASSO

Unindo os jalecos: acionistas do Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) aprovam a fusão entre as companhias

18 de agosto de 2022 - 19:12

Os acionistas de Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) deram aval para a junção dos negócios das companhias; veja os detalhes

o melhor do seu dinheiro

Ibovespa faz o dever de casa, o futuro das petroleiras e quem vai ficar com Congonhas; confira os destaques do dia

18 de agosto de 2022 - 18:40

Passado o grande evento da semana — a divulgação de ontem (17) da ata da última reunião do Federal Reserve — os investidores tiveram pouco com o que trabalhar nesta quinta-feira (18), levando as bolsas globais a mais um dia de muita volatilidade.  A cautela inicial em Nova York e a subida dos juros futuros […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies