A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-07-08T15:51:25-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
EU QUERO, EU COMPRO

Fundador da Tron (TRX) quer ‘salvar’ mercado e diz já ter gasto US$ 5 bilhões para ajudar empresas relacionadas a criptomoedas; entenda

“Atualmente o processo de desalavancagem já passou pelo pior momento. Agora, precisamos sacudir a poeira e seguir em frente”, afirmou Justin Sun

8 de julho de 2022
15:51
Justin Sun, fundador da blockchain e criptomoeda Tron (TRX)
Justin Sun, fundador da blockchain e criptomoeda Tron (TRX). Imagem: Montagem / Divulgação

Não é de hoje que o mercado de criptomoedas está completamente lateralizado. A falta de liquidez tem pressionado as cotações nas últimas semanas, mas Justin Sun, fundador do ecossistema da rede (blockchain) Tron, tem uma carta na manga. 

O criador de um dos ecossistemas mais promissores dos últimos anos se junta ao CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, e ao chefe da Binance, Changpeng Zhao, conhecido como CZ, em uma tentativa de salvar as criptomoedas por meio de aquisições de empresas do setor.

“Estamos acompanhando para ver o que podemos fazer”, comentou Sun em entrevista ao portal The Block. “Já gastamos cerca de US$ 5 bilhões para ajudar os entes que constroem o mercado”.

CEOs apoiando o mercado

Após a crise da rede Terra — que fez desaparecer bilhões de dólares em criptomoedas Terra (LUNA) e stablecoin TerraUSD (UST) —, uma série de plataformas de liquidez foram abaladas. O caso mais famoso foi o do congelamento de tokens na Celsius. 

Porém, outras pequenas plataformas e protocolos menores também foram impactados pelos efeitos da baixa liquidez. A partir daí, os CEOs de grandes corretoras de criptomoedas começaram a se movimentar.

Crédito facilitado e aquisições

A FTX ajudou empresas como a Voyager Digital — que recentemente entrou com pedido de falência devido ao calote da Three Arrows Capital (3AC) — e a BlockFi — companhia de lending de criptomoedas — com uma linha de crédito facilitada.

Em certa medida, os analistas entendem que esse movimento abre caminho para aquisições das empresas no longo prazo. 

Da mesma maneira, CZ, da Binance, afirmou recentemente que dezenas de plataformas do mercado de criptomoedas estão buscando a ajuda da exchange devido à sua “maior reserva de caixa do setor”.

Entre as empresas já auxiliadas pela maior corretora de cripto do mundo estão CoinFLEX e Babel Finance, que suspenderam saques e depósitos em seus aplicativos devido à crise de liquidez.

Enquanto uns choram, outros compram criptomoedas

Mas com o dinheiro cada vez mais difícil para o mercado de ativos de risco — entre eles, ações e criptomoedas —, como garantir recursos suficientes ao mercado?

Bom, Justin Sun está pronto para colocar a pele em jogo — mais especificamente, alguns bilhões de sua conta pessoal, somados aos recursos da Tron. 

De acordo com o balanço da decentralized autonomous organization (organização autônoma descentralizada, ou DAO) da Tron, a Tron DAO tem cerca de US$ 2,3 bilhões em reservas. 

“Nosso interesse é em plataformas com muitos usuários, tanto CeFi [centralized finance] quanto DeFi” [decentralized finance], afirma ele.

Criptomoedas, o pior já passou

Quanto ao momento atual, Justin Sun mostra que é um leitor do Seu Dinheiro e afirma: o pior já passou.

Essa foi a mesma conclusão que os especialistas ouvidos pela nossa reportagem Onde Investir no 2º Semestre chegaram. Confira abaixo um pequeno resumo da matéria: 

"Atualmente o processo de desalavancagem já passou pelo pior momento. Agora, precisamos sacudir a poeira e seguir em frente. Não acho que o mercado será super otimista, é claro", disse Sun. 

Papo Cripto #022 — Bitcoin ‘abaixo do preço’?

Aperte o play e não deixe de conferir o último Papo Cripto com José Artur Ribeiro, CEO da corretora de criptomoedas Coinext.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sobe, mas perde o protagonismo para o ethereum (ETH); entenda

12 de agosto de 2022 - 20:29

Além de aproveitar a inflação dos EUA mais branda, o que ajudou as criptomoedas em geral, o ETH se beneficiou dos progressos na direção do The Merge

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Magalu (MGLU3) dispara, BC amigo das criptomoedas e outros destaques do dia

12 de agosto de 2022 - 19:07

O mercado financeiro começou a semana olhando aterrorizado para os céus. Já era esperado que os dias fossem marcados pelo avistamento de dragões no ar, mas não se sabia ao certo o tamanho da encrenca que precisaria ser enfrentada.  Com traumas dos episódios recentes, quando a cada mês a ameaça se mostrava maior e mais […]

FECHAMENTO DO DI

Alívio com inflação leva Ibovespa a subir 6% na semana; Magazine Luiza (MGLU3), Hapvida (HAPV3) e Via (VIIA3) disparam após balanço

12 de agosto de 2022 - 18:41

Os indicadores melhores do que o esperado deram um respiro para o Ibovespa nesta semana; dólar caiu quase 2%

SEMANA EM CRIPTO

Ethereum (ETH) rouba a cena e dispara 14%, mas bitcoin (BTC) encerra semana acima dos US$ 24 mil; saiba o que esperar das criptomoedas

12 de agosto de 2022 - 17:56

O otimismo com a atualização do éter, as sanções ao Tornado Cash e o real digital são alguns dos destaque da semana

FEBRABAN TECH 2022

Setor financeiro melhora planos para o metaverso e já fala em criptomoedas como ‘espinha dorsal’ do processo — mas isso vai levar algum tempo; entenda

12 de agosto de 2022 - 17:40

O Febraban Tech 2022 foi realizado entre os dias 9 e 11 de agosto, em São Paulo; confira alguns destaques

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies