O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-25T17:13:26-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
CRIPTOMOEDAS HOJE

Bitcoin (BTC) sobe forte e apaga parte da queda brusca na semana; veja como operam as principais criptomoedas do mercado

Como outros ativos do risco, a moeda digital também foi afetada pelas tensões entre entre Ucrânia e Rússia nos últimos dias, mas encontrou fôlego para avançar hoje

25 de janeiro de 2022
17:11 - atualizado às 17:13
bitcoin e gráfico de ações
Imagem: Pixabay

Na montanha-russa que é a performance dos ativos de risco, não é raro observar, após uma intensa subida, uma queda igualmente acentuada. Quando falamos do bitcoin (BTC) e outras criptomoedas, a cena se torna ainda mais comum nos gráficos de desempenho.

Nesse caso, a volatilidade é uma faca de dois gumes: faz a fama do mercado cripto em momentos de euforia e sustenta críticas vorazes durante as quedas bruscas. E, atualmente, estamos vivendo o segundo cenário. 

O bitcoin recua mais de 50% em relação à máxima histórica de US$ 69 mil alcançada em novembro. Somente nos últimos sete dias a queda acumulada é de mais de 11%. Como outros ativos do risco, a moeda digital também foi afetada pelas tensões entre entre Ucrânia e Rússia.

Nesta terça-feira (25), porém, a principal criptomoeda do mercado encontra força para apagar parte das perdas. Por volta das 17h10, o bitcoin tem alta 2,55%, cotado em US$ 37.037,68 (R$ 201.499,79).

Outras moedas digitais que também vinham sofrendo em janeiro avançam ainda mais, com destaque para a recuperação da Solana (SOL). Veja abaixo o desempenho das 10 principais criptos do mercado:

NomePreço24 %7d %
Bitcoin (BTC)US$ 37.037,68+2,55%-11,33%
Ethereum (ETH)US$ 2.466,84+3,53%-21,19%
Tether (USDT)US$ 1,00-0,03%-0,01%
BNB (BNB)US$ 383,74+4,90%-17,16%
USD Coin (USDC)US$ 1,00-0,04%-0,01%
Cardano (ADA)US$ 1,05-0,90%-26,70%
Solana (SOL)US$ 97,05+10,02%-29,24%
XRP (XRP)US$ 0,6111+3,17%-18,33%
Terra (LUNA)US$ 64,97-0,47%-17.56%
Dogecoin( DOGE)US$ 0,1436+7,28%12,51%
Fonte: Coinmarketcap

De onde vem a queda?

Celebrações da alta de hoje à parte, os investidores ainda tentam entender o que está por trás da queda brusca. Em comunicado enviado hoje, a Hashdex explica que há “culpados”  tanto dentro do criptouniverso quanto fora dele.

"O período tem sido desfavorável para ativos de risco e, desde o início da pandemia de covid-19, os criptoativos passaram a apresentar uma correlação maior com os mercados tradicionais. Um dos possíveis motivos é a entrada de mais investidores institucionais", indicam os analistas da gestora de criptoativos.

Já quanto aos fatores internos, o mais relevante está ligado a um acontecimento da semana anterior, quando, a exemplo da China, o Banco Central da Rússia divulgou um relatório defendendo o banimento da transação e mineração de criptoativos no país.

Olhos no prêmio (de longo prazo)

Apesar disso, a Hashdex destaca que há motivos para o investidor comemorar: o bitcoin valorizou cerca de 370% desde o início de 2020, enquanto o ethereum multiplicou seu valor em quase vinte vezes. 

"Em sua breve história de pouco mais de uma década, os criptoativos demonstraram retornos bastante consistentes para horizontes de tempo mais alongados. É para quem mira nesses prazos que recomendamos o investimento, sempre com um tamanho adequado e com atenção aos rebalanceamentos", reforçam os analistas.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

'PERGUNTA PRO SACHSIDA'

Bolsonaro se pronuncia sobre ‘fritura’ e possível substituição do presidente da Petrobras (PETR4)

Bolsonaro voltou a dizer que “ninguém vai tabelar preço de combustível”, mas afirmou que a “finalidade social” da Petrobras não está sendo cumprida

BAIXOU A PREVISÃO

Magazine Luiza (MGLU3) rebaixado: JP Morgan corta previsão para ações antes do balanço de amanhã, mas projeção ainda é de alta de quase 50%; entenda motivos

O cenário de alta dos juros deve pressionar o varejo, mas o JP Morgan entende que a empresa está bem posicionada no setor

ESFRIOU

Ano deve ter queda de fusões e aquisições, mas 2022 conta com negócios de grante porte até o momento; relembre algumas delas

Entre os fatores que causaram essa freada, estão a guerra entre Rússia e Ucrânia e a expectativa de desaceleração na China, após lockdowns para conterdos casos de covid

SEU DIA EM CRIPTO

Terra (LUNA) não acompanha recuperação do bitcoin (BTC) neste domingo; criptomoedas tentam começar semana com pé direito

Mesmo com a retomada de hoje, as criptomoedas acumulam perdas de mais de dois dígitos nos últimos sete dias

A COISA VAI ESQUENTAR

Novo capítulo da guerra? Vizinhos da Rússia, Finlândia e Suécia devem se juntar à Otan e tensão na região aumenta

Vladimir Putin, presidente russo, já havia dito que a entrada dos países na Organização exigiria retaliações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies