O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-03-22T17:04:20-03:00
Guilherme Valle
FECHAMENTO DO CÂMBIO

Dólar tem mais um dia de queda, recua 0,59% e vale R$ 4,91. Euro também apresenta desvalorização e vale R$ 5,42; confira o que movimentou o câmbio nesta terça-feira

O dólar registrou recuo pelo quinto pregão seguido, o que coloca o real entre as moedas de melhor desempenho neste ano

22 de março de 2022
17:04
dólar e euro
A terça-feira foi também foi útil para ajustes de rota, tendo em vista a ata do Copom - Imagem: Shutterstock

A terça-feira (22) foi mais um dia em que o dólar e o euro perderam força frente ao real. A moeda norte-americana terminou o dia negociada a R$ 4,9102, recuo de 0,59%. O euro também registrou desvalorização e vale R$ 5,4219.

O dólar registrou máxima de R$ 4,9513 e mínima de R$ 4,9051. O euro fixou sua máxima em R$ 5,4602 e sua mínima em R$ 5,4109.

Por aqui

O mercado reage a ata divulgada hoje pelo Copom que detalha o que motivou a autoridade monetária a optar por aumentar a taxa de juros em 1% e sinalizar que na próxima reunião deve ser realizado ajuste da mesma magnitude.

No documento o Banco Central demonstra preocupação com a guerra entre Rússia e Ucrânia, já que o conflito pode gerar inflação, o que, por sua vez, exigiria juros mais altos.

O cenário alternativo, que causou incômodo entre operadores do mercado, também foi detalhado e leva em consideração um preço do petroleo de 118 dólares em março, que subiria para 121 dólares ao fim do ano.

A perspectiva de que o diferencial de juros continue favorável, a alta das commodities e uma bolsa desvalorizada continuam a fazer do Brasil um dos principais destinos para os dólares.

IMPORTANTE: liberamos um guia gratuito com tudo que você precisa para declarar o Imposto de Renda 2022; acesse pelo link da bio do nosso Instagram e aproveite para nos seguir. Basta clicar aqui.

Por lá

O dólar ganha força frente aos seus pares depois dos comentários de Jerome Powell que sinalizam para uma política monetária mais agressiva, com um aperto monetário mais rápido. 

Além disso, ainda chama a atenção a guerra na Ucrânia. Sem uma perspectiva clara para a resolução do conflito, a perspectiva para a economia global continua a se deteriorar —  é o que disse a diretora-gerente do FMI, Kristalina Georgieva, “Nossa expectativa é que as previsões caiam ainda mais, mas continuem em território positivo”.

O DXY, índice que compara o dólar a seus pares, com especial ênfase no euro, operou em alta o dia todo.

Acompanhe a nossa cobertura completa de mercados para acompanhar o desempenho de bolsa, dólar e juros hoje. Confira também o fechamento dos principais contratos de DI:

CÓDIGONOME ULT  FEC 
DI1F23DI jan/2312,94%12,92%
DI1F25DI Jan/2512,06%12,20%
DI1F26DI Jan/2611,84%12,00%
DI1F27DI Jan/2711,86%11,99%
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

BYE BYE GOVERNO!

Privatização vem aí: conselho do PPI altera regras da capitalização da Eletrobras (ELET3); saiba por que mudou

O TCU aprovou na sessão de quarta-feira (18) o processo de privatização da companhia — a proposta do relator venceu por 7 votos a favor e 1 contra

NOVO SHAPE

Da academia pra carteira: Smart Fit (SMFT3) tem potencial de alta de 34%, diz Itaú BBA — saiba se é hora de comprar

Depois do confinamento provocado pela covid-19, a indústria fitness enfrenta agora um cenário desafiador, com inflação alta, segundo o banco de investimentos

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

VAI TER DISNEY?

Dólar acumula desvalorização de 12,59% frente ao real no ano — veja o que mexe com o mercado de câmbio

A moeda norte-americana teve o pior desempenho semanal em quase dois meses, quando levou um tombo de mais de 5%

SOBE E DESCE

IRB (IRBR3) lidera pelotão de altas do Ibovespa e Méliuz (CASH3) vai na direção oposta — veja o que foi destaque na bolsa na semana

Lá fora, as negociações da semana foram marcadas pela entrada do S&P 500 no chamado bear market, ou território de queda; por aqui, o principal índice da B3 acumulou ganhou de 1,46%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies