Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-06-03T14:05:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Pacote turbinado

Twitter anuncia lançamento de novo serviço de assinatura mensal paga

O “Twitter Blue” foi lançado no Canadá e na Austrália e oferece funcionalidades extra aos assinantes. A versão gratuita segue normalmente

3 de junho de 2021
14:05
Twitter
Imagem: Shutterstock

O Twitter anunciou nesta quinta-feira (3) o lançamento de um novo serviço que prevê o pagamento de assinatura mensal pelos usuários, o Twitter Blue. O lançamento ocorre hoje no Canadá e na Austrália — a ideia é que se expanda para outros mercados nos próximos meses.

O custo inicial do serviço será de 3,49 dólares canadenses (R$ 14,60) por mês — os usuários da Austrália pagarão uma quantia mensal de 4,49 dólares australianos (R$ 17,45).

Com a proposta, a empresa abre espaço para que os usuários organizem tweets salvos em pastas e definam um cronômetro de até 30 segundos para desfazer as mensagens após o envio. Além disso, será oferecido um novo "Modo Leitor", que facilita a leitura de threads — sequências de tweets conectados.

O Twitter disse que a versão gratuita do site vai continuar funcionando, mas o serviço dá aos usuários uma opção de acessar recursos mais avançados na utilização da plataforma.

"Esta oferta de assinatura visa simplesmente adicionar recursos aprimorados e complementares à experiência já existente do Twitter para aqueles que a desejam", disse a empresa.

Os planos do Twitter

A iniciativa é parte de um esforço da companhia para dobrar sua receita anual até 2023. Em fevereiro, a empresa afirmou que queria atingir pelo menos US$ 7,5 bilhões em receita anual até 2023, mais do que o dobro dos US$ 3,7 bilhões gerados no ano passado.

O Twitter também anunciou que planeja oferecer um plano de assinatura para criadores de conteúdo, chamado Super Follows, que visa permitir que as pessoas recebam pagamentos por itens compartilhados no site.

O mercado financeiro recebeu bem a novidade: por volta das 14h, as ações do Twitter (TWTR) operavam em alta de 0,60% e iam na contramão das demais big techs, que têm um dia negativo — o Nasdaq, índice que concentra papéis de empresa com esse viés, recua 0,75%.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Dê o play!

Com a Selic acima de 10%, quais os próximos passos do BC? O podcast Touros e Ursos debate o futuro da taxa de juros

No podcast Touros e Ursos desta semana, a equipe do SD discutiu o cenário para a Selic e o BC em 2022. Até onde o Copom vai subir os juros?

Sinal amarelo

Marfrig (MRFG3) confirma participação em oferta da BRF (BRFS3), mas não poderá assumir o controle da empresa; entenda

Segundo um comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários hoje, as compras da Marfrig estarão limitadas a sua participação acionária atual

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa no azul apesar da volatilidade, bitcoin no vermelho e imbróglios com FII e Oi: o que marcou o mercado nesta sexta

Numa semana marcada pela escalada das tensões entre Rússia e Ucrânia, decisão de juros nos Estados Unidos e um discurso mais hawkish (duro contra a inflação) por parte do presidente do banco central americano, Jerome Powell, o Ibovespa conseguiu, mais uma vez, acumular alta. E as bolsas americanas – pasme – também. A sexta-feira (28) […]

DESINVESTIMENTOS

Em negócio bilionário, Petrobras (PETR4) vende ativos na Bacia Potiguar para subsidiária da 3R Petroleum (RRRP3); saiba quanto entrou nos cofres da estatal

A bola da vez é um conjunto de 22 concessões de campos de produção terrestre e de águas rasas, juntamente à sua infraestrutura de processamento, refino, logística, armazenamento, transporte e escoamento

SACO DE PANCADAS PRESIDENCIAL

Petrobras (PETR4) recua quase 4% após críticas de Lula; petista condenou pagamento de dividendos e política de preços da estatal

Embalados pela alta do petróleo, os papéis operavam em alta mais cedo, mas, após a nova rajada de críticas, passaram a registrar uma queda brusca

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies