Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-06-18T07:22:43-03:00
Renato Carvalho
Novas fronteiras

Pilgrim’s Pride, da JBS, fecha acordo para aquisição bilionária no Reino Unido

Empresa vai pagar US$ 952 milhões, ou cerca de R$ 4,7 bilhões, por duas operações da Kerry Consumer Foods, que fortalece presença europeia da gigante de alimentos

18 de junho de 2021
7:22
Carne bovina em frigorífico
Imagem: Shutterstock

A JBS foi preparada, depois da sua abertura de capital em 2007, para ser uma gigante global na produção de alimentos, especialmente no processamento de carnes. E a empresa tem levado a sério este objetivo traçado há quase 15 anos.

Um dos primeiros passos nesta direção foi a aquisição da norte-americana Pilgrim’s Pride, em 2009. E agora, por meio desta subsidiária, a JBS fechou a aquisição de duas operações da Kerry Consumer Foods, uma das maiores empresas do setor no Reino Unido e na Irlanda.

Os valores envolvidos na operação mostram o poder financeiro atual da JBS. Pela Kerry Meats, de produtos à base de carnes, e Kerry Meals, de alimentos congelados, serão pagos 680 milhões de libras, ou US$ 952 milhões.

Ao converter a operação para a moeda brasileira, com o dólar cotado a pouco mais de R$ 5, o montante a ser pago pela JBS supera os R$ 4,7 bilhões.

Um dos pontos ressaltados pela JBS é o sucesso da marca Naked Glory, de produtos voltados para o público vegetariano ou vegano.

No ano passado, as duas empresas somaram cerca de 725 milhões de libras em receitas, e possuem mais de 4.500 funcionários, segundo informações da própria JBS. A empresa espera que a operação esteja concluída até o quarto trimestre deste ano.

O que pensam os analistas?

Segundo Sérgio Berruezo, analista da Ativa Investimentos, a aquisição confirma a estratégia da JBS de crescer via produtos de maior valor agregado. “Isso facilita o repasse de preços e mantém as margens da companhia”, explica.

Além disso, a transação fortalece a operação da Pilgrim’s Pride no Reino Unido, e a empresa se torna uma das líderes no setor de alimentos na Europa.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Garantindo a oferta

Crescem ofertas de ações com reserva antecipada

As ancoragens normalmente conseguem atrair mais investidores, numa espécie de chancela prévia, com potencial impacto positivo no preço da ação.

alto escalão

Fleury: CFO Fernando Leão renuncia ao cargo e será substituído por José Filippo

O Fleury informou que os dois executivos trabalharão juntos em um processo de transição estruturado que se terminará em dia 31 de agosto.

brumadinho

Sindicato recorre e indenização da Vale pode chegar a R$ 3 mi a cada morto em MG

Em nota, a Vale reiterou que está comprometida em indenizar as famílias das vítimas da tragédia de Brumadinho de “forma rápida e responsável”

A bolsa como ela é

3 pegadinhas em balanços de empresas da bolsa que você deve ficar de olho

Não precisa ser um Sherlock Holmes para avaliar os resultados de empresas listadas – embora o trabalho de analista guarde muitas semelhanças com o de um detetive

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies