IPCA + 8% e outros títulos ‘premium’: receba as melhores ofertas de renda fixa no seu WhatsApp

Cotações por TradingView
2021-01-07T17:58:56-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
justificando investimento

Subsidiária da MRV nos EUA realiza primeira venda após incorporação

AHS conclui venda de condomínio com 281 apartamentos em Miami por um VGV de US$ 57 milhões, após polêmica sobre incorporação da empresa

7 de janeiro de 2021
9:51 - atualizado às 17:58
Empreendimento da AHS, empresa dos donos da MRV Engenharia
Empreendimento da AHS, empresa dos donos da MRV Engenharia - Imagem: Reprodução

A construtora mineira MRV Engenharia (MRVE3) anunciou na quarta-feira (6) à noite que a AHS Residential realizou a primeira venda de um empreendimento desde que se tornou uma subsidiária da companhia, no começo do ano passado.

Segundo a companhia, foi concluída, em 30 de dezembro, a venda do empreendimento Deering Groves, localizado em Miami, pelo Valor Geral de Venda (VGV) de US$ 57 milhões, resultando em uma geração de caixa de US$ 21 milhões e lucro bruto de US$ 16,5 milhões. O empreendimento tem 281 apartamentos e foi finalizado em maio de 2019.

Ele fazia parte do grupo de sete empreendimentos em negociação de venda, que totalizavam 1.450 unidades e cerca de US$ 306 milhões de VGV.

A AHS atua no segmento de imóveis multifamiliares nos Estados Unidos e já era controlada pela família Menin, que também é dona da MRV. O modelo de negócios consiste no desenvolvimento completo dos empreendimentos e na venda dos condomínios para fundos de renda imobiliária.

Em entrevista ao site Brazil Journal, o CEO da MRV, Rafael Menin, disse que o plano agora é expandir a atuação da AHS para os estados do Texas e da Geórgia ainda em 2021, depois de consolidar o banco de terrenos.

Sonho americano polêmico

A MRV anunciou a aquisição de 51% da AHS Residential em setembro de 2019, por um valor entre US$ 220 milhões e US$ 225 milhões.

A proposta inicial de incorporação, porém, causou muita polêmica. Na versão original, a empresa brasileira ficaria com 51% na AHS. A família Menin, que tinha 94,5% do capital, seria diluída para 46,3%.

Acionistas minoritários da MRV reclamaram que a estrutura poderia resultar em conflitos de interesse, uma vez que a família Menin se tornaria acionista direta e indireta da AHS, por meio da incorporadora brasileira, além de questões sobre a falta de sinergia entre as operações, afetando o retorno.

Depois de ouvir sugestões, a companhia decidiu refazer a proposta para evitar um potencial conflito de interesses. No novo desenho, a MRV vai incorporar a participação de Rubens Menin na AHS. Ou seja, toda a participação do empresário ocorrerá por meio da MRV.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

As maiores reclamações da Black Friday, a decepção do mercado com Haddad e a semana difícil das criptomoedas; confira os destaques do dia

25 de novembro de 2022 - 19:16

Escalado para representar o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva no almoço anual de dirigentes dos bancos na Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o ex-ministro da Educação e ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, entrou em campo disposto a jogar para a torcida.  Diante de uma plateia de banqueiros e nomes fortes do setor […]

FECHAMENTO DO DIA

Fala de Haddad decepciona investidores e dólar vai ao maior patamar em dois meses; Ibovespa recua 2,55%

25 de novembro de 2022 - 18:56

Embora Fernando Haddad não tenha sido oficialmente confirmado no cargo de ministro da Fazenda, as falas do ex-ministro ressoam como oficiais e pressionam o Ibovespa

SIDERURGIA VERDE?

Gerdau (GGBR4) fecha parceria com fundo e vai investir R$ 1,5 bilhão em energia solar e eólica; saiba mais

25 de novembro de 2022 - 18:44

O investimento se dará por meio da Gerdau Next: a controlada adquiriu uma participação de 33,33% na Newave Energia, “empresa criada para acelerar a transição energética do país”

NATAL REFORÇADO

Dividendos e JCP: PetroRecôncavo (RECV3) e AES Brasil (AESB3) farão a distribuição de R$ 680 milhões em proventos; confira prazos e condições

25 de novembro de 2022 - 18:39

A empresa avisa que o valor poderá ser modificado para atender ao exercício de opções de compra de ações

HÁ VAGAS

Nubank abre vagas exclusivas para pessoas negras; saiba como se inscrever

25 de novembro de 2022 - 17:03

O processo seletivo é realizado 100% online, incluindo inscrições, etapa da testes e entrevistas com gestores; não há data limite para as candidaturas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies