Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-08-17T16:49:54-03:00
Larissa Vitória
Magalupay

Maquininha de pagamentos? Tem no Magalu! Magazine Luiza (MGLU3) lança ferramentas financeiras para parceiros

Além das maquininhas, a varejista também anunciou uma conta digital empresarial gratuita e um sistema de crédito para os parceiros

17 de agosto de 2021
16:49
Magazine Luiza
Imagem: Divulgação

Mostrando que não deu ponto sem nó com a compra da instituição de pagamentos Hub Prepaid, o Magazine Luiza (MGLU3) lançou nesta terça-feira (17) um pacote de ferramentas financeiras voltadas aos 90 mil lojistas de seu marketplace.

A principal novidade do pacote, anunciado durante a Expo Magalu — evento anual de empreendedorismo digital realizado pela companhia —, é a maquininha de pagamentos com cartão, batizada de “Magalupay”.

Com suporte total e assistência técnica nas lojas físicas do Magazine Luiza, o produto está disponível para pessoas físicas e jurídicas e conta com três modelos de preços e funcionalidades distintas. Veja os detalhes e valores abaixo:

  • Mini (R$ 199,00): indicada para os microempreendedores que precisam de mais mobilidade;
  • Super (R$ 299,00): recomendada a estabelecimentos maiores;
  • Smart (R$ 499,00): permite vender os produtos do marketplace na loja física, com atualização de estoque automática e emissão de cupom fiscal;

Vale ressaltar que todos eles permitem pagamento com cartão por aproximação e funcionam sem bobina de papel. 

“A tecnologia que conseguimos embarcar nas maquininhas Magalupay vai ajudar os sellers a melhorar muito as vendas, seja no online ou no offline, levando a omnicanalidade para dentro do negócio”, afirma Robson Dantas, diretor de Fintech do Magalu.

Banco Magalu?

Além das maquininhas, a varejista também anunciou duas outras novidades: uma conta digital empresarial gratuita e um sistema de crédito para os parceiros.

Entre os atrativos da conta estão o envio ilimitado de recursos via PIX, TEDs, pagamentos de boletos e depósito dos recebíveis. O sistema também é totalmente integrado ao marketplace do Magazine Luiza e às maquininhas. 

Já o sistema de crédito 100% digital permite a tomada de empréstimos para investir nos negócios e melhorar a infraestrutura, aumentar o estoque ou a produção, por exemplo.

“Criamos um produto fácil, ágil, atrativo e com muitas vantagens”, destaca o diretor do Magazine Luiza. Alguns dos benefícios são a ausência de pedido de garantia, taxas de juros competitivas e 60 dias para o pagamento da primeira parcela.

Marcopolo (POMO4) pode subir até 92% no pós-pandemia. Veja a análise completa no vídeo abaixo e inscreva-se no nosso canal do YouTube para receber outros insights como esse:

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

seu dinheiro na sua noite

Costurando uma saída

Não faz muito tempo que usei este mesmo espaço para lembrá-lo de como o mercado não gosta de incertezas e a falta de uma leitura clara sobre o futuro acaba prejudicando os negócios na B3. O dia de hoje veio para provar que, mesmo em meio às incertezas, ter uma noção mais clara do caminho que […]

carreira e diversidade

Magazine Luiza abre inscrições para 2º programa de trainees exclusivo para pessoas negras

Programa aceita candidatos formados entre dezembro de 2018 e dezembro de 2021, em qualquer curso superior; fluência em língua inglesa e experiência profissional não fazem parte dos pré-requisitos

pós-brumadinho

Vale (VALE3) muda alto escalão e tenta reforçar discurso ESG

Luciano Siani Pires, que desde 2012 ocupa posição de vice-presidente finanças e RI, assumirá a vice-presidência de estratégia e transformação de negócios, cargo criado em março pela mineradora

Troca de comando

Gustavo Raposo renuncia ao cargo de presidente da Transpetro, subsidiária da Petrobras (PETR4); sucessor já foi escolhido

Com a saída de Raposo, o conselho da empresa deverá deliberar sobre a nomeação do atual diretor de Serviços para o comando

atenção, acionista

Dividendos: WEG (WEGE3) paga R$ 86,8 milhões em juros sobre capital próprio

Valor líquido é de R$ 0,017 por ação; terão direito aos proventos acionistas na base em 24 de setembro, segundo a companhia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies