ESQUEÇA BITCOIN: outra criptomoeda de R$ 4 pode valer R$ 80 em breve; conheça aqui

Cotações por TradingView
2021-01-19T18:34:03-03:00
Estadão Conteúdo
lista do bc

Inter, Itaú e Caixa lideram ranking de reclamações contra 10 maiores bancos

Índice de reclamações é calculado com base no número de reclamações consideradas procedentes, dividido pelo número de clientes da instituição, multiplicado por 1.000.000

19 de janeiro de 2021
18:34
Banco Inter - Cartão - Celular
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O Banco Central (BC) informou nesta terça-feira, 19, que o banco Inter terminou o quarto trimestre de 2020 na liderança do ranking de reclamações contra as dez maiores instituições financeiras do Brasil. O banco registrou índice de 111,52. Em segundo lugar aparece o Itaú (31,00) e, em terceiro, a Caixa Econômica Federal (30,85).

O índice de reclamações é calculado com base no número de reclamações consideradas procedentes, dividido pelo número de clientes da instituição, multiplicado por 1.000.000. Na prática, quanto maior o índice, pior a classificação da instituição. O ranking é trimestral.

Na manhã desta terça, o BC anunciou alterações no ranking. A partir de agora, a autarquia publicará uma lista com as dez maiores instituições em número de clientes e seus respectivos índices de reclamações.

Uma segunda lista vai reunir as demais instituições. Até então, a primeira lista reunia todas as instituições com mais de 4 milhões de clientes, enquanto a segunda incorporava as menores.

Na lista com os dez maiores bancos, o Santander aparece como a quarta instituição mais reclamada (índice de 29,91).

Na sequência estão Banco do Brasil (22,63), Bradesco (16,96), Votorantim (4,42), Midway (3,15), Banco do Nordeste (1,07) e Nubank (0,09).

Instituições menores

Entre os bancos e financeiras menores (que não fazem parte do grupo das dez maiores), a liderança do ranking de reclamações é da Facta Financeira (índice de 1.833,37). Em seguida aparecem C6 Bank (1.779,55), PAN (665,60), Paraná Banco (467,08) e Safra (376,10). A lista completa tem 21 instituições.

Entre as reclamações mais frequentes estão a "oferta ou prestação de informação sobre crédito consignado de forma inadequada" e "irregularidades relativas a integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações dos serviços relacionados a operações de crédito".

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

SOBE E DESCE

Entenda por que o dólar ficou abaixo de R$ 5,00 pela primeira vez em meses e se a moeda americana ainda pode cair mais

5 de fevereiro de 2023 - 15:46

O dólar vem demonstrando fraqueza em relação à diversas outras divisas globais e algumas razões explicam esse movimento

RISCOS

Entenda como a atuação mais forte do BNDES pode afetar a eficácia da Selic contra a inflação

5 de fevereiro de 2023 - 12:52

Aloizio Mercadante assume o comando BNDES nesta segunda-feira (6) e já disse que há espaço para reduzir a taxa de juros cobrada pelo banco

NÃO FOI DESTA VEZ

Mega-Sena acumula de novo e prêmio vai a R$ 160 milhões; veja como aumentar suas chances de ganhar

5 de fevereiro de 2023 - 10:43

Mega-Sena está acumulada desde o sorteio da virada, próxima chance de virar um milionário será na quarta-feira (8)

FUTURO PLANEJADO

Quanto investir para garantir uma renda igual ao teto do INSS no Tesouro RendA+, o título do Tesouro Direto para aposentadoria

5 de fevereiro de 2023 - 9:38

Quanto mais tempo você puder esperar para começar a receber a renda, menos precisará investir. Confira duas simulações no Tesouro RendA+

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: ata do Copom, dados de atividade e balanços de bancos são destaque na semana

5 de fevereiro de 2023 - 8:11

A ata da última decisão do Copom vai dar novas pistas quanto à trajetória da Selic. Lá fora, a agenda econômica estará mais vazia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies