2021-09-24T18:46:13-03:00
fique de olho

Dividendos: TIM paga R$ 137,5 milhões em juros sobre capital próprio

pagamento ocorre no dia 27 de outubro, sendo a data de 29 de setembro de 2021 como aquela que servirá para identificar os acionistas com direito a receber os valores

24 de setembro de 2021
18:44 - atualizado às 18:46
Imagem: Shutterstock

A TIM vai pagar dividendos de R$ 137,5 milhões a título de juros sobre capital próprio, equivalente a R$ R$ 0,056809776 por ação, segundo informou a companhia nesta sexta-feira (24).

O pagamento ocorre no dia 27 de outubro, sendo a data de 29 de setembro de 2021 como aquela que servirá para identificar os acionistas com direito a receber os valores. As ações adquiridas após a referida data estarão ex-direito de distribuição de juros sobre capital próprio.

Segundo a TIM, o valor bruto por ação dos dividendos em formato de juros sobre capital próprio pode ser modificado em razão da variação na quantidade de ações em tesouraria para atendimento ao plano de incentivo de longo prazo da companhia.

"Serão retidos 15% de Imposto de Renda na Fonte, por ocasião do crédito dos Juros Sobre Capital Próprio, exceto para os acionistas que tiverem tributação diferenciada ou que estejam dispensados da referida tributação", lembra a empresa.

Semana foi repleta de anúncios de dividendos

Ao longo desta semana uma série de empresas brasileiras anunciaram o pagamento de dividendos e definiram detalhes dos proventos. Na quinta (23), por exemplo, foi a vez da Marfrig informar o valor final que será pago aos acionistas.

Segundo a companhia, serão R$ 1,400311584 por ação, pagos em 28 de setembro. Terão direito aos dividendos pessoas físicas e jurídicas inscritas como acionais da companhia na data-base de 10 de setembro.

No mesmo dia, a a Hapvida anunciou que serão distribuídos R$ 45,7 milhões. O valor bruto por ação será de R$ 0,0117651047. Estão qualificados para receber o JCP da Hapvida os acionistas com posições no papel HAPV3 ao término da sessão de 27 de setembro.

Na quarta (22), o Banco Modal informou que vai pagar o montante total bruto de R$15,9 milhões em dividendos na forma de juros sobre capital próprio, valor que equivale a R$ 0,023184 por ação (R$ 0,069552 por Unit).

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

ACIONISTAS FELIZES

‘Sextou’ com dividendos: Raia Drogasil (RADL3) e MRS Logística (MRSA3B) anunciam R$ 201 milhões em proventos

Ambas as companhias detalharam o valor por ação, a data de corte para receber os proventos e quando o dinheiro deverá cair na conta dos acionistas

FECHAMENTO DA SEMANA

Em semana de alta volatilidade, Ibovespa pega carona com PEC dos precatórios e sobe 2,78%; dólar também avança, mas juros passam por alívio

Variante ômicron, PEC dos precatórios e o futuro da política monetária americana dominaram a semana do Ibovespa

Evergrande vende parte de suas ações de empresa de tecnologia e obtém US$ 145 mi

O grupo chinês da Evergrande levantou cerca de US$ 145 milhões nos últimos dias com a venda de parte de suas ações em uma produtora de filmes e empresa de mídia na internet, a HengTen Networks. Assim, a gigante imobiliária vendeu cerca de 5,7% das ações da HengTen Networks e junta mais dinheiro à medida […]

Aperto monetário

Copom deve elevar Selic para 9,25% ao ano na próxima semana, aposta JP Morgan

Para o banco, a queda de 0,1% do PIB do terceiro trimestre e o avanço da PEC dos precatórios no Congresso fizeram com que as estimativas convergissem para a manutenção do ritmo de alta de 1,5 ponto

Intervenção estatal

Sob risco de novo calote, governo chinês envia ‘socorro administrativo’ para Evergrande

O movimento ocorre após a gigante imobiliária alertar que corria o risco de não cumprir mais uma grande obrigação financeira