2021-05-25T19:33:55-03:00
Estadão Conteúdo
agora vai?

Vamos fazer reforma tributária muito simples, a que dá para fazer, diz Guedes

Ministro voltou a falar em reduzir o IPI sobre produtos de linha branca – medida adotada em governos petistas para estimular o consumo

25 de maio de 2021
19:32 - atualizado às 19:33
51149091206_ffa9f5c0bb_c
30/04/2021 Leilão de Concessão dos Serviços de Saneamento em 35 Municípios do estado do Rio de Janeiro (São Paulo - SP, 30/04/2021) Ministro da Economia, Paulo Guedes. - Imagem: Alan Santos/PR

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que a reforma tributária será "muito simples" e que é a que "dá para fazer". Em evento do BTG Pactual, o ministro voltou a falar em reduzir o IPI sobre produtos de linha branca - medida adotada em governos petistas para estimular o consumo.

O ministro disse ainda que o governo e o Congresso lançarão o "passaporte tributário", uma medida nos moldes de um Refis para renegociar dívidas tributárias com descontos significativos.

"Dá desconto de 70%, o cara paga", exemplificou Guedes. O tema foi tratado ontem em reunião na residência oficial do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG)."(Com o passaporte) Os pequenininhos você alivia, deixa seguir a vida", disse Guedes.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

O ministro ainda adotou uma espécie de vacina contra eventuais críticas. A própria Receita Federal costuma ser contra a adoção de programas como o Refis porque incentivam o devedor contumaz, que fica no aguardo de oportunidades como essa para quitar débitos com descontos.

"Vai ser simples, vai ser difícil ficar contra", afirmou o ministro, ressaltando que a medida busca dar alívio às empresas em dificuldade.

Guedes disse ainda que o valor das desonerações e do contencioso tributário no Brasil, que juntos passam dos trilhões de reais, é uma evidência de que o "imposto está fora do lugar". "É tão alto que quem tem poder político consegue desoneração. O cara prefere pagar um escritório de advocacia (a pagar imposto)", disse.

O ministro voltou a falar ainda na criação de um fundo com recursos de privatizações para ser destinado aos mais pobres. "Quem sabe com esse argumento conseguimos acelerar as privatizações e melhorar o problema da desigualdade social", completou.

Investimento estrangeiro

Guedes falou que o Brasil está barato para investidores estrangeiros e afirmou que os "gringos" que entrarem no Brasil neste momento, com o dólar cotado perto de R$ 5,50, poderão sair com a moeda a R$ 3 em "dois ou três anos".

O ministro disse que participa de menos road shows com investidores do que ministros anteriores, mas disse que o País "incontornavelmente" terá de ir em direção aos mercados. "Primeiro tem de trabalhar para depois vender o Brasil", completou, se referindo às reformas pretendidas por sua administração.

O ministro voltou a dizer que a conta da pandemia do coronavírus não pode ficar para as próximas gerações. "Não vamos jogar dívida da pandemia para 100% do PIB", completou.

No início de sua fala, Guedes disse que queria "parabenizar todos os economistas que já integraram o governo". "Antes de entrar no governo, eu achava tudo muito fácil, não é bem assim", brincou o ministro, que está há dois anos e cinco meses no cargo e já travou negociações duras com o Congresso Nacional.

Arrecadação e projeção de déficit

Guedes disse ainda que, com os sucessivos resultados positivos na arrecadação de tributos, o governo está revendo para baixo a projeção de déficit público neste ano.

"Estava em R$ 280 bilhões a previsão de déficit há duas semanas. A arrecadação veio tão formidável que já estamos revendo para R$ 180 bilhões", comentou.

Ele afirmou ainda que são necessários investimentos em infraestrutura para que o Brasil se integre à América Latina, mas voltou a dizer que o País não pode ficar preso ao Mercosul.

"O Brasil tem que ser a âncora dos grandes investimentos e transbordar a produção para a América Latina. Não vamos ficar presos à região, foi um erro, o Mercosul nos aprisionou", completou o ministro.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

BITCOIN (BTC) HOJE

Bitcoin (BTC) cai hoje, mas projeções para mercado de criptomoedas permanecem otimistas, segundo analistas; Cardano (ADA) dispara mais de 8%

Qualquer gatilho neste momento pode desencadear uma alta de preços e um novo bull market das criptomoedas

EXILE ON WALL STREET

Você quer ser reconhecido ou quer ganhar dinheiro? Entenda por que estar na moda nem sempre significa lucrar

O objetivo do investidor não deveria ser estar na moda nem ser reconhecido em conversas pseudointeligentes, uma vez que os ciclos não necessariamente se repetem à frente

Insights para lucrar

VOTAÇÃO: Qual o investimento mais atrativo para o seu patrimônio em 2022?

Seu Dinheiro abre espaço de diálogo entre investidores para cada um saber o que o outro pensa sobre bolsa, criptomoedas, renda fixa e muito mais; vote

BRASILEIRO NÃO DESISTE NUNCA

Longe do fim: Aliansce Sonae (ALSO3) avisa que vai insistir na fusão com a brMalls (BRML3)

Negócio bilionário entre as gigantes rivais daria origem à maior administradora de shoppings da América Latina

TRÉGUA CLIMÁTICA

Depois da Usiminas, Vale anuncia retomada gradual das atividades após chuvas devastadoras em MG

Retorno parcial das operações coincide com trégua nos temporais que deixaram dezenas de mortos e milhares de desabrigados no Estado