Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-09T16:19:16-03:00
Estadão Conteúdo
big techs na mira

Presidente dos EUA assina decreto para aumentar competição entre empresas

Biden afirmou que a medida fortalecerá as leis antitruste americanas e disse que há “muita concentração” no setor das chamadas “big techs”

9 de julho de 2021
16:19
shutterstock_1936368790
Washington DC, EUA - 10 de fevereiro de 2021: Joe Biden. - Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, assinou nesta sexta-feira um decreto que, segundo a Casa Branca, tem o objetivo de aumentar a competição entre as empresas do país.

Durante um discurso, o democrata afirmou que a medida fortalecerá as leis antitruste americanas e disse que há "muita concentração" no setor das chamadas "big techs", as grandes empresas de tecnologia.

"Capitalismo sem competição não é capitalismo, é exploração", declarou Biden. "A competição justa é a razão pela qual o capitalismo tem sido a maior força mundial de prosperidade e crescimento", acrescentou.

Segundo o chefe da Casa Branca, as companhias precisam "competir pelos trabalhadores". Ele explicou que uma das medidas contidas no decreto instruirá a Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) a banir ou limitar acordos em que os funcionários são impedidos de aceitar ofertas de trabalho de empresas concorrentes.

Em nota divulgada mais cedo, o governo americano ressaltou que, em mais de 75% das indústrias do país, um número pequeno de grandes empresas detém hoje maior participação de mercado do que 20 anos atrás.

"Hoje vou assinar um decreto para promover a competição, para baixar os preços, para aumentar os salários e para dar mais um passo crucial em direção a uma economia que funcione para todos", disse Biden no discurso.

O presidente dos EUA também afirmou que, devido ao "sucesso" da vacinação contra a covid-19 e ao pacote fiscal aprovado em março, a economia tem se recuperado. Ele frisou que agora é preciso focar no longo prazo, em uma alusão a sua proposta de investimentos em infraestrutura.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

MANOBRAS

Juiz põe no banco dos réus ex-gestores do banco Máxima por gestão fraudulenta

O Banco Máxima S.A. informa que seus atuais acionistas assumiram a administração do banco em 2018, após aprovação pelo Banco Central, e que os integrantes da antiga gestão não têm mais qualquer relação com a instituição financeira

Foguete? Tô fora!

Warren Buffet: o bilionário que não quer conhecer as estrelas

Enquanto Bezos, Musk e Branson protagonizam a nova corrida especial, o Oráculo de Omaha prefere apenas observar

O melhor do Seu Dinheiro

O seu momento Sherlock Holmes

Na adolescência, ouvia que quem buscasse por romance policial brasileiro deveria ler algo do Rubem Fonseca. Era uma vontade minha achar uma história desse gênero que fosse mais próxima da minha realidade — e o filtro nacionalidade me pareceu o mais adequado.  A ideia surgiu depois de ter conhecido parte das histórias criadas por Agatha […]

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Garantindo a oferta

Crescem ofertas de ações com reserva antecipada

As ancoragens normalmente conseguem atrair mais investidores, numa espécie de chancela prévia, com potencial impacto positivo no preço da ação.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies