Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-23T16:18:12-03:00
Estadão Conteúdo
Contas preocupam

Janet Yellen pede que Congresso apresse a aprovação da elevação no teto da dívida norte-americana

Segundo ela, a medida é necessária para que o Tesouro dos Estados Unidos pague gastos anteriormente aprovados

23 de julho de 2021
16:17 - atualizado às 16:18
Imagem com conjunto de notas de dólar americano
O dólar se fortalece com o exterior digerindo os dados dos Estados Unidos - Imagem: Shutterstock

A secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, enviou carta à liderança do Congresso, pedindo que seja aprovada "o mais rápido possível" uma elevação no teto da dívida.

Segundo ela, caso o Legislativo não atue para suspender ou elevar o limite da dívida até o dia 2 de agosto, o Tesouro terá de começar a adotar "certas medidas extraordinárias para evitar que os Estados Unidos entrem em default em suas obrigações".

Yellen enfatiza na mensagem desta sexta-feira (23) que a medida desejada não significa um aumento dos gastos, nem uma autorização para gastos de propostas orçamentárias futuras, mas "simplesmente que o Tesouro pague os gastos anteriormente aprovados".

Onde Investir no 2o semestre de 2021

Baixe já o seu!

Conquiste a sua medalha de investidor com as nossas dicas de onde investir no segundo semestre de 2021 neste ebook gratuito.

Ela lembra que o período é de "incerteza considerável" por vários fatores, por isso o governo não consegue prever por quanto tempo exatamente medidas extraordinárias terão de ser adotadas.

Segundo a autoridade, nos últimos anos o Congresso dos EUA tem lidado com a questão por meio de medidas ordenadas e regulares, com apoio bipartidário, e agora Yellen pede que o Congresso "proteja a fé total e o crédito dos Estados Unidos agindo o mais rápido possível".

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Exile on Wall Street

O que faz as empresas falharem? Conheça as cinco “assassinas silenciosas” que podem impactar nos seus investimentos

O verdadeiro início da derrocada de uma empresa não pode ser devidamente noticiado pelas finanças ou pelas operações, mas somente dentro do núcleo de cultura corporativa

CAPTAÇÕES BILIONÁRIAS

Localiza, Unidas e Movida vão a mercado em busca de R$ 5 bilhões com emissões de debêntures

Locadoras de veículos se recuperaram rapidamente da crise da covid-19 e buscam recompor o caixa em meio à escassez de componentes no setor automotivo

De olho no dragão

Ministério da Economia eleva expectativa para inflação em 2021; veja qual a nova projeção

A pasta também atualizou as estimativas para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor, utilizado para a correção do salário mínimo

MERCADOS HOJE

Com precatórios e queda do minério de ferro no radar, Ibovespa opera em queda de 1%; dólar avança

Em Brasília, os investidores acompanham de perto as discussões em torno do pagamento dos precatórios e repercutem mais uma queda expressiva do minério de ferro

Logística

MSC quer comprar controle da Log-In (LOGN3), que tem a gestora Alaska como maior acionista; papéis disparam

A proposta da MSC Mediterranean equivale a R$ 25 por ação LOGN3 e pode chegar a R$ 1,8 bilhão; Alaska e Tarpon estão entre os principais acionistas da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies