';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-10-09T15:45:06-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
El Bitcoin

Um mês de bitcoin (BTC) em El Salvador: instabilidade e adoção abrangente marcam primeira economia a adotar a criptomoeda

Nesse período, o bitcoin saiu da casa dos US$ 50 mil, chegou a cair para aproximadamente US$ 40 mil e voltou a subir para US$ 55 mil no início de outubro

9 de outubro de 2021
7:15 - atualizado às 15:45
Após um mês, qual o saldo do Bitcoin (BTC) em El Salvador?
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock e Wikimedia

Enquanto o Brasil fervia politicamente com manifestações durante o último feriado da independência, em El Salvador uma medida do governo local também mexia com a rotina de toda a população. O dia 7 de setembro foi o primeiro em que passou a valer a “Ley Bitcoin”, que tornou a criptomoeda uma moeda oficial do pequeno país da América Central — junto com o dólar

A última quinta-feira (07) marcou um mês da adoção do bitcoin (BTC). E como se saíram os salvadorenhos com o uso da criptomoeda? Os primeiros dias foram marcados por instabilidade, mas o número crescente de usuários deram os primeiros sinais de otimismo para um uso mais abrangente da moeda digital. 

Para tentar aumentar o número de usuários de bitcoin em El Salvador, o presidente do país, Nayib Bukele, ofereceu o equivalente a US$ 30 para quem utilizasse a chivo, a wallet de criptomoedas oficial de El Salvador. 

Entretanto, a carteira digital apresentou instabilidade nos primeiros dias de uso. Alguns usuários chegaram a relatar que conseguiram fazer o download do aplicativo, mas estavam impossibilitados de fazer transações.

Os números do bitcoin em El Salvador

O país centro-americano conta com uma população de pouco mais de 6,4 milhões de habitantes, dos quais mais de 3 milhões já aderiram à chivo. Ou seja, aproximadamente metade da população já aderiu ao bitcoin em um mês de uso. 

Até a última semana de setembro, El Salvador tinha em seu caixa cerca de 700 bitcoins, pouco mais de US$ 30 bilhões (R$ 165 bilhões), na cotação da época. De acordo com Bukele, 25% da população faz transações em criptomoeda todos os dias. 

Um dos medos envolvendo a alta volatilidade das criptomoedas está afastado por enquanto do país. Nayib Bukele acertou ao comprar bitcoins durante a queda do mercado, o que permitiu um ganho de até 10% durante a alta da primeira semana de outubro, nas contas do próprio presidente. 

Entretanto, o país ainda precisa passar por um “teste de fogo”, com quedas mais vertiginosas por um período maior, para saber como reagir nessa situação. 

Nesse período, o bitcoin saiu da casa dos US$ 50 mil, chegou a cair para aproximadamente US$ 40 mil e voltou a subir para US$ 55 mil no início de outubro. Por volta das 10h de hoje, a principal criptomoeda do mercado seguia em alta de 2,86%, cotada a US$ 53.888,17.

Mineração no vulcão

Nayib Bukele é um usuário ativo no twitter, e gosta de mostrar seus feitos no governo fazendo anúncios por meio de threads, os fios na rede social. Em uma delas, o presidente salvadorenho afirma que o país fez a primeira mineração de bitcoin com energia geotérmica utilizando um vulcão. 

“Nós ainda estamos testando e instalando [os sistemas], mas esse foi o primeiro bitcoin minerado com vulcões”, afirmou. O mundo tenta encontrar maneiras sustentáveis de fazer a mineração de criptomoedas, motivo pelo qual a China proibiu a atividade em todo país. 

Disputas políticas

El Salvador tem passado por momentos delicados no cenário político, com um protagonismo do presidente do país em medidas antidemocráticas. Nayib Bukele é acusado de fechar um jornal e perseguir jornalistas que fazem oposição ao governo. 

Além disso, Bukele é acusado de atender aos interesses de empresas multinacionais em detrimento de comerciantes locais com a Ley Bitcoin. Starbucks, McDonalds e Domino’s são algumas das mega-corporações que passaram a aceitar pagamentos em criptomoedas.

Entretanto, pequenos negócios e comércios têm enfrentado dificuldades para atualizar a tecnologia para aceitar pagamentos em bitcoins. As disputas políticas entre Bukele e a oposição se misturam com uma maior adoção do bitcoin

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

ESCRITA AUTOMÁTICA?

Ações do BuzzFeed disparam após anúncio de investimentos em inteligência artificial para produzir conteúdo

27 de janeiro de 2023 - 15:34

Com investidores ainda repercutindo a novidade, os papéis registravam alta de 73,27%, a US$ 3,62

'SO FAR, SO GOOD'

Goldman Sachs: Bitcoin (BTC) é o melhor ativo de 2023 até o momento, com ganhos de quase 40% — mas até onde vai?

27 de janeiro de 2023 - 15:25

Mesmo com o otimismo, os analistas ainda indicam que os investidores devem manter uma parcela de no máxima 5% dos seus investimentos em ativos digitais

É PRA TER CUIDADO?

Bank of America eleva Taesa (TAEE11) de venda para compra, mas faz alerta sobre o pagamento de dividendos

27 de janeiro de 2023 - 15:00

O banco norte-americano passou o preço-alvo de R$ 37 para R$ 39, o que representa um potencial de valorização de 8% com relação ao fechamento de quinta-feira (26)

FATIANDO O BOLO

BNDES cada vez maior? Para Lula, o banco deve repartir dinheiro entre empresas, governadores e prefeitos

27 de janeiro de 2023 - 14:30

O presidente também citou ainda que o Banco do Nordeste que, segundo ele, não consegue “há muito tempo” emprestar dinheiro a governadores e que isso mudará em seu governo

FUTURO PROMISSOR

Como a ação da Weg (WEGE3) pode subir ainda mais na B3 com um empurrão dos carros elétricos

27 de janeiro de 2023 - 14:01

Ação da Weg já subiu mais de 15% nos últimos 12 meses, mas pode se valorizar ainda mais na visão dos analistas do Credit Suisse

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies